Quando decidimos começar a praticar uma atividade física - seja sozinho ou com um personal trainer - o mais difícil é conseguir manter-se motivado e não desistir após algumas semanas.

O que pode vir a acontecer é que, diante das dificuldades, a pessoa se sinta tentada a desistir. Aliás, muitos ginásios se aproveitam dessa possibilidade para ganharem mais dinheiro, visto que a maioria das pessoas assina um contrato com fidelização de pelo menos 12 meses, já que essa é uma forma de ficar mais barato. No entanto, depois de alguns meses começam a frequentar o ginásio cada vez menos, perdem o interesse e desistem. O problema é que dificilmente os ginásios devolvem o dinheiro da inscrição!

Por essa, e diversas outras razões, é extremamente importante escolher bem antes de assinar um contrato a longo prazo. Para fazer a melhor escolha, aquela que será ideal para si e que será compatível com seu estilo de vida, precisa de saber que tipo de aulas o ginásio oferece, quais são os horários de funcionamento, que serviços estão incluídos no valor da mensalidade, etc.

Se está perdido e não sabe por onde começar, nós preparamos um artigo com tudo o que precisa de saber antes de se inscrever num ginásio.

Os benefícios de praticar atividades físicas

Antes de mais, é importante destacar o quão benéfica para a saúde a prática frequente de atividades físicas pode ser. O desporto melhora não apenas o condicionamento físico, mas também a saúde mental, uma vez que proporciona um impacto positivo na auto-estima e na imagem que temos de nós mesmos.

No entanto, antes de começar a praticar uma atividade física é indispensável procurar ajuda de um profissional qualificado na área do desporto. Muitos ginásios oferecem esse serviço incluído no valor da mensalidade. Para quem deseja um personal trainer, é necessário desembolsar um pouco mais, mas com o crescimento da procura nos últimos anos, os serviços destes profissionais estão cada vez mais acessíveis.

Um prato colorido faz a diferença
A prática de atividade física deve ser sempre acompanhada de uma alimentação equilibrada| Fonte: pixabay.com

O maior interesse de recorrer aos serviços de um personal trainer é o facto de que ele poderá criar um plano de treino personalizado, de acordo com os seus objetivos. A prática de desporto pode ajudá-lo em diferentes aspectos:

  • Melhoria da auto-estima e ganho de confiança em si mesmo;
  • Melhoria da coordenação motora;
  • Tonificação dos músculos;
  • Perda de gordura;
  • Ganho de massa magra;
  • Eliminação de toxinas, etc.

Outro ponto positivo em praticar desporto é o facto de começar a prestar mais atenção à sua alimentação. A mudança nos hábitos alimentares é o aspecto mais importante para quem quer perder peso ou apenas ter uma vida mais saudável. A alimentação é indispensável na prevenção de doenças e na recuperação do corpo após um esforço físico.

Além disso, para que todas as nossas funções motoras e cognitivas funcionem corretamente, o nosso organismo precisa de receber os alimentos certos, no momento certo. Ou seja, alimentos de alta qualidade nutricional, que trarão todos os nutrientes e vitaminas necessários.

Saiba mais sobre as vantagens de praticar desporto.

Centros desportivos com personal trainer só para mulheres

A busca de um corpo saudável e pela melhoria da qualidade de vida tem atraído cada vez mais mulheres para os ginásios de todo o mundo. No entanto, devemos realçar que nem sempre o público feminino se sente confortável nos ginásios convencionais.

Um dos principais motivos pelos quais as mulheres não se sentem à vontade em ginásios mistos é o facto de acharem o ambiente muito masculinizado e, em alguns casos, mesmo hostil! Outra razão é por acharem que os planos de treino não correspondem ao que procuram. Uma boa parte das mulheres acredita, por exemplo, que a musculação é uma atividade física para homens e que se levantarem muitos pesos vão ficar muito musculadas.

As mulheres podem beneficiar de um acompanhamento personalizado| Fonte: Unsplash.com

Ainda que esta crença seja infundada, já que as mulheres não possuem testosterona em quantidade suficiente para ganhar músculos com a mesma facilidade que os homens, esse medo ainda faz com que as mulheres fujam dos ginásios mistos.

Aqui estão algumas das razões para escolher um ginásio só para mulheres:

  • Equipamentos adaptados à morfologia feminina;
  • Evitar piroros e comportamentos sexistas;
  • Praticar desporto num ambiente descontraído;
  • Perder o medo dos olhares reprovadores;
  • Espairecer e libertar o stress quotidiano;
  • Aprender a cuidar do corpo e da saúde tornando-se uma pessoa mais ativa;
  • Deixar os maus hábitos de lado e começar um novo estilo de vida mais saudável.

Para as mulheres que se sentem inibidas mesmo num ginásio feminino, há a opção de recorrer aos serviços de um personal trainer ao domicílio.  Ele estabelecerá um plano de progressão individualizado de acordo com o seu nível e os seus objetivos. Também poderá orientar sobre como ter um estilo de vida mais saudável. Apesar do custo mais elevado, quando comparado a um ginásio feminino, pode ser uma boa opção para alcançar os seus objetivos de forma eficaz e rápida.

Tem interesse em saber mais sobre os ginásios femininos?

Low cost: devemos confiar em ginásios muito baratos?

O modelo de negócios low cost (do inglês, baixo custo) surgiu com as empresas aéreas nos Estados Unidos e rapidamente se expandiu e obteve sucesso em diversos setores da economia. Com a crise financeira, milhares de consumidores viram o seu poder de compra baixar drasticamente, o que acabou por forçar as empresas a reinventarem os seus modelos de negócios. O setor fitness foi um dos mercados que teve que se adaptar.

Os ginásios low cost diferenciam-se dos ginásios tradicionais - principalmente - por disporem de apenas alguns aparelhos de musculação, uma área de cardiotraining, apresentarem um número reduzido de profissionais, além da falta ou poucas opções de aulas de grupo. Este tipo de configuração assegura baixas mensalidades e alta lucratividade para os proprietários.

 

As cordas de ginásio para um corpo são
Vale a pena investir num serviço melhor e ter acesso a um treino com qualidade| Fonte: Unsplash.com

 

No entanto, quando nos deparamos com alguma coisa ou serviço muito barato, automaticamente desconfiamos! É preciso ter em mente que, no setor fitness, assim como em diversos outros, o preço influenciará inevitavelmente a qualidade dos serviços oferecidos. Num ginásio low cost, por exemplo, é praticamente impossível ter o acompanhamento de um profissional qualificado na área do desporto. Para alguns isso pode ser apenas um detalhe, mas fazer exercícios físicos sem os conselhos de um profissional pode ser uma ideia perigosa em diversos aspectos.

Os ginásios de baixo custo também não oferecem planos de treino personalizados e muito menos avaliações físicas, visto que esses serviços encareceriam as prestações do estabelecimento.  Além disso, na maioria dos casos, não contam com aulas de grupo, toalhas, equipamento sofisticado, piscina ou sauna.

Como todos sabemos, a prática de atividades físicas é excelente para a saúde, mas o acompanhamento profissional é necessário. Pagar um pouco mais para ter acesso aos conhecimentos de um personal trainer vale a pena. A sua saúde merece este investimento, especialmente se pensarmos a longo prazo. Um bom acompanhamento profissional pode fazer toda a diferença no futuro.

Nós contamos tudo sobre os ginásios de baixo custo!

O preço para se manter em forma

A pergunta que não se quer calar: mas afinal quanto custa a mensalidade num ginásio? A resposta para essa pergunta é: depende! Depende do tipo de ginásio que procura, dos serviços oferecidos, da infraestrutura, da localização, etc.

Um bom ginásio, que conte com profissionais capacitados, que todos os dias prezam por orientar os alunos nos seus treinos, aulas e na execução correta dos exercícios, tem um preço que nem sempre é muito acessível. No entanto, é preciso pesar bem os prós e os contras antes de escolher o melhor lugar para se exercitar, porque essa escolha terá um impacto direto na sua saúde e bem estar.

Um bom ginásio conta com profissionais qualificados que apoiam os alunos| Fonte: Unsplash.com

Todo o interesse em iniciar um plano de atividades físicas está nos benefícios que isso trará para a sua vida. Desta forma, não faz sentido inscrever-se num estabelecimento que não ofereça toda a estrutura necessária. Há um grande número de pessoas que acabam por desistir do plano de fazer exercício. Desculpas como preguiça, falta de tempo, preços altos, e opções pouco atrativas são as mais comuns para deixar de frequentar um ginásio.

Por esta razão, é muito importante avaliar e considerar diversos aspectos na altura de escolher o ginásio certo. Seguem-se alguns dos principais pontos que deve ter em consideração:

  • Localização;
  • Valor da mensalidade;
  • Serviços extras;
  • Horário de funcionamento;
  • Qualificação dos personal trainers;
  • Oferta de aulas em grupo;
  • Equipamentos;
  • Modalidades de contrato e política de cancelamento.

Nas grandes capitais, como Lisboa, por exemplo, há diversos ginásios capazes de proporcionar aos utilizadores o melhor ambiente para a prática de exercícios e ajudá-los a atingir os seus objetivos. Com a adesão feminina cada vez mais forte, os ginásios oferecem cada vez mais modalidades direcionadas para este público, sem esquecer os utilizadores habituais, é claro!

Os preços variam de acordo com a localidade e a popularidade do ginásio. Em Lisboa os valores das mensalidades vão de 16€ (em modalidade com horários restritos), até 80€, em ginásios mais luxuosos.

Para escolher o melhor ginásio com o melhor preço, leia o nosso artigo.

Precisa de um professor de Personal trainer ?

Gostou deste artigo?

5,00/5 - 1 voto(s)
Loading...

Catarina

Eterna otimista, com um bichinho por viajar. Apaixonada por literatura e ficção. Metro e meio de pessoa, vivo pelo lema "Though she be but little, she is fierce". Trabalho atualmente como tradutora e redatora freelancer.