Sabia que muitos dos mais de 200 mil surfistas nacionais praticam surf também pelos benefícios que traz para a saúde? Estima-se que a grande maioria sobe à prancha pelas consequências positivas que este desporto traz à saúde.

Na verdade, colocar-se em pé numa prancha de surf tem muitos benefícios físicos, como ajudar a tonificar o corpo, mas domar uma onda intensa no meio da maré também é muito vantajoso para a nossa saúde mental. O contacto com a água do mar, o sol e a areia da praia pode ser um dos melhores aliados no combate à ansiedade e ao stress.

É fácil entender que quando somos confrontados com a beleza e grandeza das praias que encontramos pela costa do país (na Figueira da Foz, na Nazaré, em Carcavelos ou na Ericeira, por exemplo), nos apercebamos que muitos dos nossos problemas não significam tanto como pensávamos anteriormente. Na verdade, muitas destas praias até já tiveram notícias a nível mundial, são consideradas das melhores da Europa e uma grande fonte de turismo. Não é de espantar certo?

Por isso se está a pensar em adotar um novo hobby ou quer começar a praticar uma atividade desportiva, leia neste artigo quais são as vantagens para a sua saúde mental de praticar surf. Vai ver que é muito mais benéfico se fizer exercício na água do mar e nas ondas de uma das praias do país.

Os melhores professores de Surf disponíveis
1ª aula grátis!
Fábio
5
5 (4 avaliações)
Fábio
25€
/h
1ª aula grátis!
Pedro
5
5 (1 avaliações)
Pedro
15€
/h
1ª aula grátis!
João
5
5 (2 avaliações)
João
20€
/h
1ª aula grátis!
Eurico
Eurico
20€
/h
1ª aula grátis!
Duarte
5
5 (3 avaliações)
Duarte
15€
/h
1ª aula grátis!
Alexandre
Alexandre
35€
/h
1ª aula grátis!
Gonçalo
Gonçalo
20€
/h
1ª aula grátis!
Pedro
Pedro
25€
/h
1ª aula grátis!
Fábio
5
5 (4 avaliações)
Fábio
25€
/h
1ª aula grátis!
Pedro
5
5 (1 avaliações)
Pedro
15€
/h
1ª aula grátis!
João
5
5 (2 avaliações)
João
20€
/h
1ª aula grátis!
Eurico
Eurico
20€
/h
1ª aula grátis!
Duarte
5
5 (3 avaliações)
Duarte
15€
/h
1ª aula grátis!
Alexandre
Alexandre
35€
/h
1ª aula grátis!
Gonçalo
Gonçalo
20€
/h
1ª aula grátis!
Pedro
Pedro
25€
/h
1ª aula gratuita>

O que é o stress?

Explicado de uma forma simplificada, o stress é a resposta fisiológica e comportamental a algo que aconteceu ou que vai acontecer e que nos faz sentir ameaçados ou que, de alguma forma, perturba o nosso equilíbrio mental. Quando nos sentimos ameaçados, quer o perigo seja real ou imaginário, as defesas do nosso organismo reagem de forma imediata, como resposta ao stress sentido no momento.

prancha vermelha
Praticar esta arte de dominar ondas na praia pode ser um bom escape para o stress que acumula durante o dia. | Fonte: unsplash.com

Ter algum stress (numa fase inicial) pode ser algo positivo, que atua como um motivador, ajudando a manter a concentração nos objetivos que pretende alcançar e permanecer enérgico e alerta. No entanto, quando ultrapassa um certo nível, este deixa de ser proveitoso e começa a prejudicar gravemente a saúde mental, a alterar o humor, a produtividade, os relacionamentos e a qualidade de vida no geral.

A vida dos dias de hoje está repleta de dificuldades, prazos, frustrações e exigências. Por este motivo, muitas pessoas consideram o stress algo tão comum que quase que se tornou um modo de estar comum.

No entanto, mesmo que seja de curta duração, sentir stress pode ter um grande impacto no seu organismo. Se for stress agudo pode levar a um impacto ainda maior. No caso de se prolongar por períodos de tempo mais longos, o stress pode tornar-se crónico ou atingir uma situação limite, chamada de burnout.

A definição de stress varia de pessoa para pessoa. Ou seja, o que é stressante para certas pessoas pode não o ser para outras. Devido aos danos que este pode causar é importante que saibamos qual é nosso próprio limite, como é que o podemos gerir e reconhecer quando está fora do nosso controlo, uma vez que a capacidade de tolerar o stress de cada pessoa depende de vários fatores e pode ser melhor ou pior.

Para nos conseguir informar das alterações a que está a ser sujeito, o nosso organismo tem vários sintomas para demonstrar que está sobre stress. Estes sintomas podem ser mentais ou físicos, como:

  • perda de memória;
  • falta de concentração;
  • ansiedade;
  • preocupação excessiva;
  • alterações no humor;
  • sensação de cansaço;
  • tensão arterial alta;
  • tonturas e náuseas;
  • dor de cabeça.
remar na prancha
As ondas que encontra nas praias de Portugal ajudam a diminuir os sintomas de stress e de ansiedade. | Fonte: Unsplash.com

Descubra também como melhorar o seu equilíbrio ao fazer um curso de surf.

A saúde mental e a sua importância

Conseguimos perceber a importância da saúde mental apenas com a expressão "mente sã em corpo são", ou seja, a saúde mental é a base do bem estar geral. Ter um boa saúde mental é sentirmo-nos bem connosco próprios, é termos confiança e sermos capazes de lidar com as adversidades que nos são apresentadas.

É muito importante ter uma boa saúde mental para que possa:

  • adaptar-se a mudanças na sua vida;
  • superar crises  e conflitos emocionais;
  • reconhecer limites e sinais de mal-estar;
  • ter sentido crítico;
  • estabelecer relações com outras pessoas sem dificuldade;
  • ter objetivos e projetos.

Existem vários motivos que podem causar a redução da qualidade da saúde mental e nem todos somos suscetíveis ou vulneráveis às mesmas situações. Sendo assim, há acontecimentos na nossa vida que precipitam doenças mentais mais facilmente numas pessoas do que nas outras. Em Portugal, estima-se que cada 30 em 100 pessoas sofram ou possam vir a sofrer de uma doença mental.

Deve-se promover uma boa saúde mental desde muito cedo, que vai mais tarde refletir-se na adaptação e na satisfação com que se cresce e no desenvolvimento da capacidade de resolver problemas. A saúde mental é algo que não é estático e é normal que hajam desequilíbrios ao longo do tempo, em situações onde se encontra mais vulnerável. Mas é importante que esteja atento a essa possibilidade, para poder atuar o mais rápido possível. Nalguns casos uma intervenção precoce previne complicações futuras, noutros facilita a recuperação e o regresso ao esquema social habitual.

Sempre que sentir um agravamento na sua saúde mental, procure diversificar os seus hobbies, experiência e interesses, reforce os lados familiares e de amizade e mantenha-se ativo fisicamente. Se for necessário, consulte um profissional que o possa ajudar. Existem inúmeros em Portugal com competências para o fazer.

surfistas no mar
As ondas podem ser algo bastante relaxante para a saúde mental. E consegue encontrar as melhores praias da Europa de norte a sul da costa de Portugal, basta procurar qual prefere para fazer surfe. | Fonte: Unsplash.com

Saiba como pode ganhar mais resistência física ao praticar este desporto.

Fazer aula surf para diminuir o stress e melhorar a saúde mental

Sabendo agora as vantagens de ter hobbies e praticar desporto, porque não juntar o útil ao agradável e começar a ter aulas de surf numa das inúmeras praias da costa de Portugal?

Tal como em qualquer outro desporto, surfar ajuda a esquecer o stress do dia-a-dia. Este esquecimento deve-se à necessidade de foco na atividade ou experiência, que fará com que se esqueça de todo o resto enquanto pratica. Durante o período em que está focado na onda, o surfista esquece-se e abstrai-se de todos os problemas do seu dia-a-dia, e direciona a sua energia para o mar. Isto acontece quer seja um iniciante, quer já seja um profissional a domar ondas por toda a costa do país.

Além disso, surfar muda completamente o seu estilo de vida, uma vez que o corpo libera substâncias que dão uma sensação de bem-estar. Isto trará uma sensação de liberdade e uma consciência corporal mais definida. Tudo isto se reflete num aumento da sua qualidade de vida.

Um outro benefício importante, principalmente para os aspirantes a surfistas que trabalham ou estudam em locais fechados, é o contacto direto com o mar e a natureza. O surf permite uma união constante com o sol e com a sua energia, e, por isso, está associado à gestão da ansiedade e ao relaxamento, fatores que contribuem para o bem-estar mental.  Portanto, este é o benefício do surf com mais consequências positivas a nível mental.

surfar uma onda
Se passar vários dias nas ondas, dentro de água, vai conseguir recuperar energias e libertar a pressão dos dias anteriores, tudo isto enquanto pratica desporto. Quer melhor experiência que o surfe? | Fonte: Unsplash.com

Para muitos surfistas, começar a manhã a surfar tem efeitos positivos no restante dia de trabalho, e permite que sejam mais produtivos e mais resistentes à pressão. Por outro lado, surfar ao final do dia permite descarregar as más energias e “desanuviar a cabeça”. Este também é um dos motivos porque muitas empresas organizam aulas de surf para as sessões de team building dos seus colaboradores.

Praticar surf também é um hobby que lhe vai trazer muitos conhecimentos extra. Surfar dá conhecimentos sobre ondulações, ventos, correntes, marés, e muitas outras coisas. Também vai aprender geografia, porque vai querer saber em que região e locais específicos encontra a praia do país com as melhores ondas. Talvez esteja na hora de começar as ler as notícias sobre surf.

Aqui em Portugal não vai ser difícil encontrar uma boa onda, difícil vai ser escolher a que praia de Portugal ir primeiro! Vai à Ericeira, à Nazaré, à Foz?  A Carcavelos, ao Algarve, a Peniche? O que não faltam são praias por onde escolher. Mas lembre-se que quanto mais famosa a nível mundial for a praia, mais notícias vão haver sobre ela e mais turismo vai atrair. Se está a começar e prefere ter aulas de surf sem muita audiência, poderá ser melhor escolher uma praia numa região de norte a sul do país menos conhecida e com menos probabilidades de ser um alvo do turismo europeu.

Além destes, existem muitos mais benefícios de praticar surf, por isso de que está à espera para começar?

Precisa de um professor de Surf ?

Gostou deste artigo?

5,00/5 - 1 voto(s)
Loading...

Catarina

Eterna otimista, com um bichinho por viajar. Apaixonada por literatura e ficção. Metro e meio de pessoa, vivo pelo lema "Though she be but little, she is fierce". Trabalho atualmente como tradutora e redatora freelancer.