O número de surfistas em Portugal continua a aumentar de ano para ano e não é de estranhar. Com praias e locais para surfar conhecidos a nível mundial, e o consequente aumento do turismo relacionado com os melhores surfistas a domar ondas no país, é normal que cresça o interesse nesta experiência e na prática deste desporto.

Mas não é só por poder apanhar ondas na Ericeira, na Foz, na Nazaré, no Algarve, em Carcavelos ou em Peniche que deve ponderar começar a praticar esta modalidade. Sim, já deu para perceber que temos das melhores praias na Europa e que as nossas ondas originam muito turismo em Portugal. Até pode tentar apanhar uma onda numa praia das ilhas se quiser, mas ser o melhor surfista não é só um título pessoal. Na verdade, praticar surf pode trazer-lhe muitos benefícios.

Quer pratique surf numa praia do norte, numa praia Lisboa ou em qualquer cidade ou região de Portugal, a modalidade pode ajudá-lo a melhorar a coordenação motora e o equilíbrio, que são vantagens e condições de que vai usufruir de forma permanente até ao resto dos seus dias.

O benefício que lhe vai trazer domar uma onda na maré é muito maior do sequer que possa calcular. Por isso se ainda tem dúvidas se deve começar a praticar surf, saiba mais sobre como a sua agilidade e postura de todos os dias podem ser influenciadas por este desporto mundial de renome. Tudo é parte integral desta experiência!

homem a carregar prancha
Existem várias praias de norte a sul da costa Portugal onde pode aprender surf e como dominar uma onda. | Fonte: Unsplash.com

Sabia que praticar surf também traz inúmeros benefícios para a saúde mental?

Os melhores professores de Surf disponíveis
Duarte
5
5 (4 avaliações)
Duarte
15€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Fábio
5
5 (4 avaliações)
Fábio
25€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Alexandre
Alexandre
35€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
João
5
5 (2 avaliações)
João
20€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Daniel
5
5 (2 avaliações)
Daniel
20€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Pedro
Pedro
30€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Gonçalo
5
5 (1 avaliações)
Gonçalo
20€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
António
António
20€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Duarte
5
5 (4 avaliações)
Duarte
15€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Fábio
5
5 (4 avaliações)
Fábio
25€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Alexandre
Alexandre
35€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
João
5
5 (2 avaliações)
João
20€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Daniel
5
5 (2 avaliações)
Daniel
20€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Pedro
Pedro
30€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Gonçalo
5
5 (1 avaliações)
Gonçalo
20€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
António
António
20€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Vamos lá

O que é o equilíbrio?

O Dicionário Priberam da Língua Portuguesa define equilíbrio como o "estado de um corpo que se mantém, ainda que solicitado ou impelido por forças opostas". Pode parecer desnecessário estar a definir o que é o equilíbrio, todos sabemos precisamente o que é, certo? Mas na verdade falar sobre equilíbrio é um pouco mais abrangente do que simplesmente saber que é o que nos mantêm de pé.

E não, não nos estamos a referir ao equilíbrio simbólico ou a um equilíbrio espiritual. Na verdade, existem 3 tipos de equilíbrio que são determinados pelo comportamento de um corpo numa situação em que a sua posição original é alterada. São eles:

  • equilíbrio estável: quando um objeto, após ser afastado da sua posição de equilíbrio, volta à mesma;
  • equilíbrio instável: quando um objeto, após ser afastado de sua posição de equilíbrio, continua a afastar-se cada vez mais;
  • equilíbrio indiferente: quando um objeto tem a sua posição alterada e, mesmo assim, mantém a sua situação de equilíbrio.

Por esse motivo, podemos falar de equilíbrio numa situação em que se encontra um corpo que, apesar de ter pouca base de sustentação, se consegue manter sem cair (como quando nos equilibramos na beira de um passeio) ou quando dois pesos iguais se contrabalançarem ou dois corpos em contrapeso também se encontram em perfeito equilíbrio (como dois pesos numa balança). Sabe qual é o equilíbrio necessário para estar em pé na prancha de surf?

surfista em onda gigante
É necessário ter bastante equilíbrio no surfe para se manter na prancha quando apanha uma onda na maré. | Fonte: Pixabay.com

Saiba também como pode tonificar o corpo a praticar surf.

O que é a coordenação motora?

De uma forma simplificada, a coordenação motora é a capacidade que temos de realizar movimentos articulados com os músculos esqueléticos, de forma a dominar o nosso corpo no espaço e controlar os nossos movimentos. Ou seja, a coordenação é a capacidade de sincronizar vários movimentos através do cérebro, músculos e articulações. Para nos podermos movimentar é necessário que haja interação entre os sistemas muscular, esquelético, nervoso e sensorial.

Como todos sabemos, a coordenação motora é aperfeiçoada durante a nossa vida. Mesmo durante a gestação, ainda como fetos, já realizamos movimentos, mas é apenas com a passagem do tempo que estes se tornam precisos e que ganham algum objetivo. Ou seja, quando nasce, um bebé já realiza movimentos, mas só apenas passado algum tempo é que será capaz de o fazer de forma voluntária e consciente, como quando estica as mãos para pegar num brinquedo ou pega numa colher para comer, por exemplo.

Cada pessoa tem uma capacidade motora distinta, bem como um ritmo diferente de aprendizagem. O que é fácil para uma pessoa pode ser completamente impossível de realizar para outra. Por este motivo, é importante garantir que cada um de nós é estimulado do modo mais adequado, de forma a conseguir desenvolver a sua coordenação motora da melhor forma. Mesmo que sinta algumas dificuldades em desenvolver determinadas capacidades motoras, não se preocupe! Existem várias formas de desenvolver a nossa coordenação.

Uma ótima forma de trabalhar a nossa coordenação motora e conseguir que ela evolua é pela prática de um desporto e é precisamente por isso que as crianças começam a ter aulas de educação física desde muito cedo. Ao praticar desporto passamos a trabalhar melhor alguns movimentos e, desde forma, a nossa coordenação fica mais precisa e tornamo-nos mais ágeis. Este aumento da capacidade provém da realização de vários movimentos em simultâneo, o que obriga o cérebro e os músculos a trabalhar em conjunto.

crianca a surfar
Quando está na água da praia a tentar apanhar uma onde, é necessário coordenar o uso de vários músculos e isso deve ser aprendido desde muito cedo no surfe. | Fonte: unsplash.com

Descubra como pode ganhar mais resistência física ao praticar este desporto.

Fazer um curso de surf para aumentar o equilíbrio e a coordenação motora

Um dos objetivos do surfista é, obviamente, colocar-se de pé na prancha de surf e conseguir manter-se sem cair da mesma. Se quer começar a surfar, deve ter em conta que levantar-se na prancha é o desafio que todos os iniciantes têm que ultrapassar e, mesmo os surfistas mais experientes também têm de continuar a fazê-lo.

Para se equilibrar em cima de uma prancha é preciso bastante prática e a postura correta, além de agilidade para ultrapassar os obstáculos que a maré lhe coloca. Uma vez que a dificuldade acresce no mar, o surfista tem que treinar a sua técnica dentro e fora de água, porque a força das ondas e da maré e o seu movimento constante fazem com que seja ainda mais difícil manter-se de pé.

Esta prática constante trará mais equilíbrio ao corpo, uma vez que este é melhorado e potenciado durante a atividade, e este benefício acaba por ser visível tanto dentro e fora do mar. Por isso pode ter a certeza de que se começar a surfar vai melhorar, de forma exponencial, o seu equilíbrio.

A coordenação motora também é uma parte fulcral, uma vez que o surfista tem que pensar em vários movimentos em simultâneo e coordenar várias diferentes partes do corpo. A frequência com que terá que realizar estes movimentos fará com que a sua postura seja corrigida e com que o sistema cardiorrespiratório e cardiovascular fiquem resistentes e alinhados. A alternância dos movimentos necessários vai causar uma melhoria significativa na sua coordenação motora, uma vez que vai precisar de bastante agilidade para alternar entre remar, mergulhar, ficar de pé na prancha e fazer manobras.

tunel na onda
Para conseguir surfar corretamente e apanhar as ondas, precisa de exercer uma série de movimentos dentro e fora da água da praia para ganhar agilidade no surfe. | Fonte: Unsplash.com

Depois de começar a surfar, todas as pessoas que o rodeiam irão conseguir dar conta da melhoria na coordenação motora. Este é apenas um dos vários benefícios do surf, mas é bastante importante e pode ser uma grande mais valia para os problemas de muitas crianças, por exemplo, porque é muito comum haver falta de coordenação motora nessa fase. Tal como mencionamos anteriormente, a coordenação motora é algo que se vai desenvolvendo ao longo da vida e que melhora com a prática de desporto, por isso porque não começar a ter aulas de surf para melhorar este problema? Além de que de certeza que vão gostar mais de poder ir para a praia.

Hoje em dia, a maioria das escolas de surf têm instrutores destinados para ajudar os mais novos e, mesmo que já seja adulto, nunca é tarde demais para começar a aprender. Principalmente se sente que podia beneficiar de uma ajudinha extra para ser mais ágil e coordenado no dia-a-dia.

De qualquer das formas, surfar é algo que lhe traz inúmeras vantagens, tanto a nível físico como psicológico. Há alguma coisa melhor do que poder fazer desporto na praia enquanto aproveita o sol e o mar? Ainda por cima num país como o nosso com praias de costa a costa. Aliás, podemos até alegar que temos de norte a sula da costa do nosso país algumas das melhores praias da europa, senão do mundo. Afinal de contas quem ainda não não viu as notícias sobre as ondas gigantes na Nazaré?

Por isso, não há razões para não surfar em qualquer região de Portugal, que tem turismo destinado apenas às suas ondas! De que está à espera para começar?

>

A plataforma que conecta profes particulares e alunos

1ª aula gratuita

Gostou deste artigo? Deixe a sua avaliação!

5,00 (1 note(s))
Loading...

Catarina

Eterna otimista, com um bichinho por viajar. Apaixonada por literatura e ficção. Metro e meio de pessoa, vivo pelo lema "Though she be but little, she is fierce". Trabalho atualmente como tradutora e redatora freelancer.