O Algarve é uma das mais bonitas e relaxantes regiões de Portugal. Imerso num clima mediterrâneo quente – que agrada a quase todos –, coberto de montanhas, praias e bonitas cidades banhadas pelo oceano Atlântico, no Algarve nada falta para viver numa agradável atmosfera estudantil ou familiar.

Contudo, bem sabemos que todas as terras do Algarve são muito animadas e que esta região sul do país está recheada de eventos culturais, atividades turísticas e muito, mas muito boa música.

A cidade de Faro, situada no limite do conhecido Parque Natural da Ria Formosa, não é exceção! Por isso, é uma das cidades do país mais indicadas para quem quer aprender a tocar piano, dominando as notas musicais e o teclado como ninguém!

Basta consultar a agenda cultural de Faro para se perceber que esta cidade algarvia tem inúmeros concertos durante todo o ano, o que é um grande incentivo à formação musical da população e, sobretudo, uma grande motivação para quem quiser aprender a ler partituras para piano ou mesmo para quem se quiser transformar num conhecido pianista portugues!

Sim, de concertos de rock e jazz de músicos internacionais a atuações das bandas e sociedades filarmónicas de todo o país, na agenda cultural de Faro o piano estará sempre presente.

E se o estudante que está a considerar aprender piano ainda estiver na dúvida, deixe que as majestosas paisagens de areia do Algarve o inspirem, encontrando as forças necessárias para se sentar ao piano e enfrentar as subtilezas do teclado.

Os melhores professores de Piano disponíveis
Leonardo
5
5 (16 avaliações)
Leonardo
38€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
João
5
5 (15 avaliações)
João
25€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Francisco
5
5 (17 avaliações)
Francisco
25€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Diogo
5
5 (10 avaliações)
Diogo
26€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Kelly
4,9
4,9 (8 avaliações)
Kelly
15€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Elena
5
5 (8 avaliações)
Elena
18€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Anna luisa pires
5
5 (8 avaliações)
Anna luisa pires
20€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Catarina
5
5 (6 avaliações)
Catarina
25€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Leonardo
5
5 (16 avaliações)
Leonardo
38€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
João
5
5 (15 avaliações)
João
25€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Francisco
5
5 (17 avaliações)
Francisco
25€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Diogo
5
5 (10 avaliações)
Diogo
26€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Kelly
4,9
4,9 (8 avaliações)
Kelly
15€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Elena
5
5 (8 avaliações)
Elena
18€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Anna luisa pires
5
5 (8 avaliações)
Anna luisa pires
20€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Catarina
5
5 (6 avaliações)
Catarina
25€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Vamos lá

Onde estudar piano na cidade de Faro?

Se quiser aprender piano avançado na cidade do Porto ou numa estudar piano numa cidade do centro de Portugal como Viseu, o aluno pode optar por escolas como:

  • a Escola Superior de Música e Artes do Espetáculo, no Porto.
  • o Conservatório Regional de Música de Viseu Dr. José Azeredo Perdigão;

Mas, em Faro, as opções também são muitas e, se o estudante pretende aprender a tocar piano pelo sul de Portugal, a Superprof aconselha-o a dar uma vista de olhos às seguintes opções:

  • Conservatório Regional do Algarve Maria Campina;
  • Associação Filarmónica de Faro;
  • aulas de piano particulares no distrito e cidade de Faro.
Um rapaz em frente a um teclado de piano, com uma mão sobre as teclas.
Em Faro o aluno pode aprender piano num conservatório, numa associação ou mesmo em sua casa | Fonte: Unsplash

No Conservatório Regional do Algarve os alunos podem ter aulas de piano em três regimes diferentes: o regime supletivo — em que os alunos frequentam a escola regular e, ao mesmo tempo, têm as aulas de piano do currículo musical do conservatório —, o regime articulado — em que o aluno vai aprender piano num regime de formação em que o ensino da música e a escola regular se articulam de forma a não ampliar a sua carga horária do aluno — e o regime livre — em que os estudantes escolhem ter apenas algumas horas de aulas de piano por dia.

Aqui, o estudante pode ter aulas de piano de nível básico, ou até terminar o ensino básico e secundário sabendo ler as mais complexas partituras de piano, conhecendo todos os constituintes do piano (dos pedais ao teclado) e sabendo tudo sobre a teoria musical, das notas musicais, ao compasso musical, passando pelas escalas ao piano e por muitos outros exercícios.

Outra opção para quem queira aprender piano em Faro e talvez até seguir uma carreira no mundo dos instrumentistas em Portugal – atuando em várias cidades do continente português ou tocando piano em regiões autónomas como a da Madeira ou dos Açores – é começar a sua formação na Escola de Música da Associação Filarmónica de Faro. Aqui o aluno poderá aprender tudo sobre o piano, conhecer o mundo das bandas filarmónicas e talvez até dar o primeiro passo para continuar a aprender a tocar piano sozinho.

Por fim, o aluno que deseje aprender a tocar piano na soalheira cidade de Faro pode ainda optar por ter aulas de piano particulares. Com um professor como os que a Superprof tem ao seu serviço, o aluno poderá aprender piano de qualquer nível, e ao seu ritmo. Basta escolher o professor mais próximo de si, o professor cujos valores por hora sejam mais acessíveis, o professor com a metodologia mais adequada ao que o aluno deseja.

Enfrentar a linguagem das pautas musicais à beira-mar

Se o rigor e a exigência das aulas de piano ou do ensino de música regular assustam o nosso leitor, não se precipite. Como dissemos, Faro é uma cidade cuja harmonia e beleza vão certamente facilitar a aprendizagem do piano.

Basta pensar que Faro é um dos principais destinos de férias dos portugueses – e de tantas outras pessoas do mundo –, o que prova que é uma cidade carregada de história e beleza, mas também de paisagens relaxantes como as da praia, da Ria Formosa e, até no inverno, do centro da cidade.

A fotografia de uma praia no distrito de Faro.
Paisagens de areia e oceano são o cenário ideal para aprender os acordes piano | Fonte: Unsplash

Sim, Faro destaca-se das restantes cidades movimentadas do Algarve por ser, sobretudo, uma cidade cénica. Assim, em Faro o estudante de piano poderá estudar as notas musicais e praticar – com persistência – os acordes e as escalas de piano, sem nunca ser influenciado pelo bulício e o frenesim das grandes cidades.

Deste modo, o aluno terá não só mais tempo para praticar, terá mais concentração para ler a partitura de piano que ficou de estudar em casa, mas também uma ótima vista para inspirar a sua interpretação dessa pauta musical – quem sabe imaginando-se sentado a um piano de cauda, dando um concerto junto ao mar.

Júlio Resende: um grande pianista portugues da atualidade

Se as escolas e metodologias de ensino disponíveis e as paisagens maravilhosas não estão a convencer o estudante de que é possível aprender piano em Faro, talvez o perfil de um pianista portugues o convença a abraçar as aulas de piano.

Júlio Resende é um músico, compositor e pianista portugues cada vez mais conhecido no mundo da música internacional e é, claro, natural de Faro! Além disso, começou a tocar piano bastante cedo – aos quatro anos de idade – e deu início ao estudo formal de música precisamente no Conservatório de Faro. Assim, começou por tomar contacto com o piano classico, mas (e talvez graças ao ambiente animado e inspirador de Faro) acabou por ganhar gosto pela improvisação ao piano, mais tarde pelo jazz e, depois, até pelo fado, pelo rock e por outros estilos de música.

Hoje, Júlio Resende é o primeiro pianista portugues a ter uma composição sua como parte da banda sonora de uma grande série americana da HBO: a «Foodie Love». Foi também o primeiro a «trazer o fado ao piano», trabalhando sobre a voz da famosa fadista portuguesa, Amália, e, em 2017 lançou um dos seus projetos de piano mais arrojado de sempre: uma banda de pop-rock com influências indie e de música eletrónica, que homenageia a poesia do heterónimo pessoano Alexander Search.

Uma rapariga ruiva, de pé, a improvisar ao piano.
Queres tocar piano como um grande pianista portugues? Estuda, pratica e improvisa! | Fonte: Pixabay

Sim, Faro pode dar à luz grandes talentos das pautas musicais como Júlio Resende. E quem sabe se o aluno que decidir aprender a tocar piano em Faro não acaba também por se transformar num pianista portugues unanimemente aclamado pela crítica nacional e internacional.

Já se não viver em Faro, mas ainda assim sentir que seguir a carreira de um grande pianista é, de facto, a motivação perfeita para aprender a tocar piano, então não se pode esquecer de que há muitos outros grandes nomes do piano em Portugal...

É o caso de Maria João Pires – a pianista natural de Lisboa que é o modelo ideal para quem quiser aprender piano na capital portuguesa – e Luís Figueiredo – um pianista natural de Coimbra, e o exemplo perfeito para quem deseja aprender piano na cidade dos estudantes.

Saídas profissionais para quem aprender piano

Mas além de grandes intérpretes como Maria João Pires, Júlio Resende e Luís Figueiredo, o estudante deve ter presente que aprender piano tem muitas outras saídas profissionais na área da música.

Um aluno que estude piano e siga para o ensino profissional ou superior de música para aprender a ler as mais difíceis pautas musicais e enfrentar o teclado com vigor e inspiração acabará por estudar acústica, história da música, coro e canto, notação musical e interpretação, análise musical e, claro, o seu instrumento de eleição — o piano.

Por isso, é claro que terá sempre diversas saídas profissionais no mundo do piano, podendo, por isso:

  • ser um instrumentista, e tocar piano em qualquer contexto;
  • pertencer a uma banda ou grupo;
  • fazer parte de uma orquestra e especializar-se em música de câmara;
  • ser um músico solista e dar asas à vertente de vedeta da sua personalidade, brilhando em palco, frente a um elegante piano de cauda;
  • ser professor na área de instrumento e, além de transmitir o seu gosto pela música, ajudar inúmeros alunos a aprender a tocar piano e a enfrentar as dificuldades tantas vezes sentidas frente ao teclado e às partituras de piano;
  • tornar-se um animador socio-cultural ou um programador de eventos;
  • ser um técnico de som com um ouvido apurado para o compasso musical de qualquer peça, artista ou instrumento;
Um computador, uma caneta, post-its e uma agenda de um programador cultural em cima de uma secretária.
Aprender a tocar piano para se tornar num bom programador cultural? Porque não? | Fonte: Unsplash

Claro, e visto que a formação em piano é bastante rigorosa e exige muita sensibilidade, quem aprender piano também estará apto a trabalhar em inúmeras outras áreas profissionais como no ramo da gestão cultural, no âmbito da história e investigação e, quem sabe, no ramo das tecnologias de som e na sua vertente comercial. Pode ainda utilizar a sua sensibilidade para se tornar um compositor de renome, um letrista ou – se tiver inclinação para o mundo dos negócios – ser manager de um artista ou de uma banda.

O certo é que aprender piano – quer seja diante das maravilhosas paisagens marítimas de Faro ou em qualquer outra cidade de portuguesa – é possível e recomendável para todos os que tenham inclinação para a música.

Basta que saibamos onde aprender piano e em que pianistas alimentar a nossa motivação! Depois, resta apenas estar ciente de que o piano pode abrir muitas portas para uma vida profissional no mundo da música.

>

A plataforma que conecta profes particulares e alunos

1ª aula gratuita

Gostou deste artigo? Deixe a sua avaliação!

5,00 (1 note(s))
Loading...

Marta

Sou, desde sempre, uma ávida leitora, com o coração apontado para a escrita, e uma bibliófila incurável, com um fraquinho por arquivos e espólios. Hoje, trabalho como revisora, editora e produtora de texto freelancer e sou colaboradora do Centro de Linguística da Universidade de Lisboa.