As crianças familiarizam-se desde muito cedo com o desenho, sendo uma das fontes de estímulo didático mais entusiasmante para miúdos de qualquer idade.

Após o período dos seus primeiros rabiscos, as crianças aperfeiçoam o seu controlo dos gestos e as suas coordenações motoras finas. Em paralelo, desenvolvem também a sua capacidade de observação e imitação, ferramentas úteis para o desenvolvimento de uma identidade artística.
No entanto, antes de decidir se realmente valerá a pena inscrever o seu pequeno em aulas de desenho para crianças, qualquer que seja a sua tipologia, deve ter em consideração as seguintes questões para obter um resultado favorável:

● O seu filho tem um interesse real em desenhar ou de se exprimir de forma artística?
● Tem alguma experiência prévia na área da arte plástica?
● Planeia levá-lo a aulas de desenho para melhorar a sua técnica e aprimorar eventuais habilidades já existentes, ou prefere que se trate apenas um hobby dos seus tempos livres?
● Tem alma de artista e quer partilhar a sua paixão ao facultar lições de desenho às suas crianças para que estas aprendam a admirar verdadeiras obras de arte?

As aulas de desenho são um complemento interessante para a educação artística ministrada nalgumas escolas primárias, sendo uma disciplina que tem vindo a ganhar mais atenção e relevância na sociedade atual devido à sua multidisciplinaridade. Trata-se assim de um investimento cultural e uma oportunidade de ensino revolucionária para fortalecer a relação entre a arte e a criança ao dar-lhe as ferramentas necessárias para desenvolver o seu talento e o seu espírito criativo.

Existe até uma reflexão interessante sobre a maneira como as crianças se desenham a si próprias. Um estudo com 175 crianças confirma que a forma como elas se desenham depende da autoridade e da familiaridade de quem as observa nesse momento.

Com que idade uma criança começa a aprender a desenhar?

Antes de inscrever o seu filho em aulas de desenho, é importante que a criança tenha adquirido previamente certas habilidades que a irão ajudar a ter sucesso nesta nova atividade.

Entre desenhar por diversão e descobrir as técnicas básicas do desenho e a expressão da sua liberdade artística, há um grande passo a dar.
Como disse Pablo Picasso: "Todas as crianças são artistas. O problema, é continuar a ser artista depois de adulto".

Antes dos 6 anos, a criança desenha para se divertir. Essa atividade permite que ela desenvolva as suas capacidades motoras e desperte os seus sentidos e a sua criatividade. Estes são alguns dos benefícios de atrair os pequenos para qualquer tipo de atividade lúdica que envolva a criação artística, permitindo uma aprendizagem divertida de algo que será bastante útil no seu futuro.

Cores são mágicas e deixam a vida mais feliz
Deixe todo o material disponível que o seu filho possa precisar para desenhar e veja a magia acontecer!

A criança pratica esta atividade todos os dias na escola e em casa. Seja em oficinas de pintura ou oficinas de desenho, nenhuma criança desenvolveu ainda o objetivo de representar fielmente um modelo, como é o caso dos adultos nas suas aulas de artes plásticas. A sua única preocupação será divertir-se e não criar uma obra de arte de forma intencional e deliberada.

No entanto, ainda que o seu produto final sejam uns simples rabiscos, desenhar continua a ser um meio de expressão importantíssimo. A criança apenas ainda não possui as capacidades cognitivas necessárias para apreender o desenho de forma realista, como a materialização do seu sentido de observação e a representação fiel do objeto de inspiração.

As oficinas de desenho para crianças desenvolvidas pelo jardim de infância são planeadas de maneira a despertar a sua imaginação e a sua sensibilidade criativa. É também uma oportunidade de aprendizagem dos elementos base como, por exemplo, descobrir as cores primárias e as suas derivadas e desenvolver a sua sensação de profundidade e espaço. Este tipo de atividades costuma ter bastante sucesso desde que a criança se divirta com a tarefa e possa florescer livremente.

Muitas vezes, com a aprendizagem do alfabeto e da leitura, as crianças encontram uma nova atividade de predileção. De repente, descobrem os livros e como estes estão repletos de novas aventuras. Por causa disso, algumas tendem a deixar o desenho de lado para explorar outro universo criativo: as histórias.

Se o seu filho continua a viver diariamente com um lápis na mão, é porque a sua paixão pelo desenho está bem ancorada. Será nesta fase que deverá pensar em matriculá-lo em cursos para aprender novas técnicas de desenho mais aprofundadas e abrir-se para o mundo da arte em todos os seus aspetos. É certo que as crianças têm um forte potencial artístico a desenvolver, a questão será saber como incentivá-las.
A pintura, o desenho, a escultura, tudo pode ser aprendido desde muito cedo!

Como organizar e planear aulas de desenho de sucesso?

É óbvio que as aulas de desenho devem adaptar-se à idade da criança, mas também ao seu nível de conhecimento desta área.

Crianças de 6 a 10 anos não têm as mesmas habilidades de concentração e disciplina que um adolescente, por exemplo. Também não têm a mesma maturidade e perceção da realidade. Por isso, é importante adaptar o tipo de curso de desenho consoante o aluno em questão e ainda a sua duração para que os resultados do mesmo sejam frutíferos, permitindo a sua evolução, e se continue a obter melhores peças artística de aula para aula.

Em todos os casos e modalidades de aula disponíveis, além da abordagem técnica, os cursos de desenho devem debruçar-se sobre temas relacionados à arte em geral. Este é realmente o momento perfeito para apresentar às crianças alguns pintores, ilustradores e até escultores, bem como as diferentes correntes artísticas!

Crianças gostam de aprender em grupo
As aulas de grupo são muito importantes para a aprendizagem de várias matérias. | Fonte: Pexels

As aulas em grupo são particularmente interessantes para assuntos artísticos já que estas facilitam as trocas de técnicas e sugestões de melhoria, estimulam a criatividade individual e promovem o desenvolvimento artístico.

Aulas de desenho para crianças dos 6 a 11 anos com professores desenho

Para os alunos do ensino básico, as aulas de desenho costumam ser divididas em várias partes, todas relacionadas ao mesmo tema e apenas uma técnica. No entanto, as possibilidades de expressão artística nesta idade são variadíssimas e passíveis de experimentação. Entre elas tem a pintura com os dedos, as colagens, o pontilhismo, o trabalho em aguarelas, entre muitos outros estilos artísticos existentes de execução relaxada e divertida.

Como incentivar um menino nas artes?
Os mais novos gostam muito de imaginar situações e contar histórias com os seus desenhos

Podemos assim cortar o curso de desenho em vários momentos distintos:

  • Apresentação de um trabalho e discussão sobre suas características,
  • Explicação da técnica para o trabalho e demonstração,
  • Desenho de um tema específico.

Se a essa idade, as obras dos grandes pintores clássicos são difíceis de alcançar com precisão, é muito fácil se inspirar em artistas contemporâneos ou mesmo em arte abstrata. Assim, as crianças podem colorir ou praticar um desenho se inspirando em grandes artistas da arte contemporânea!

Por exemplo: as obras de Keith Haring! Seu lado colorido atrai crianças.

E por que não Matisse?

Então, ensinar a desenhar trabalhos inspirados em pinturas conhecidas como as de Keith Haring pode ser um bom exercício!

Encontre também um bom profe para um curso de pintura em tela!

Natureza morta também é interessante nessa idade

Esse exercício permite que as crianças trabalhem seu sentido de observação. Por isso, escolha objetos simples antes de organizar a aula do mesmo modo: perguntas e trocas, demonstração e prática.

As crianças aprendem a desenhar enquanto se divertem e essas aulas têm a vantagem de estimular sua curiosidade e seu senso de observação.

A natureza inspira
A natureza é uma ótima fonte de inspiração! | Fonte: Pexels

Estes cursos podem ser divididos em variados momentos distintos:

● Apresentação de um trabalho e discussão sobre as suas características;
● Explicação da técnica a ser utilizada para o trabalho em questão e demonstração da mesma;
● Interpretação e desenho de um tema específico.

Se nesta idade, as obras dos grandes pintores clássicos são difíceis de alcançar com precisão, recomenda-se que tenha como inspiração artistas contemporâneos ou mesmo a arte abstrata. Assim, as crianças podem colorir ou praticar as suas técnicas de desenho através da observação de algo estimulante, devido às suas cores garridas e diferentes formas geométricas, e que poderão tentar representar elas próprias sem grandes dificuldades.

Outra forma de arte bastante recomendada para esta faixa etária será a representação de natureza morta. Este exercício permitirá que as crianças trabalhem o seu sentido de observação da realidade.

As crianças aprendem a desenhar enquanto se divertem e estas aulas dinâmicas têm a vantagem de estimular a sua curiosidade e capacidade de concentração.

Aulas de desenho a partir dos 12 anos

A partir dos 12 anos, os pré-adolescentes já terão desenvolvido um sentido bastante mais fiel de representação do desenho e treinado como melhorar as suas técnicas artísticas.

Nesta idade, os seus esboços tornam-se mais realistas. O saber olhar e representar no papel aquilo que se vê já foi bem exercitado com diferentes exercícios e assimilado e as crianças prestam mais atenção aos detalhes da sua criação. É, então, tempo para ensiná-los a aprofundar o básico e aperfeiçoar as suas técnicas de desenho.

Já que as suas habilidades de concentração e dedicação à tarefa também aumentam, o aprendiz de desenho pode passar mais tempo na sua composição, tornando o desenho um verdadeiro meio de expressão pessoal.

Nesta idade, as crianças gostam particularmente de desenvolver capacidades artísticas dinâmicas como criar bandas desenhadas, mangás ou caricaturas. Com isto, podem aprender a desenhar como os ilustradores dos seus desenhos animados favoritos, mas também aprender a arte de contar histórias através do desenho.

Lazer é uma palavra muito importante na infância
A pintura deve ser ensinada aos pequenos como se tratasse de uma brincadeira.

Os adolescentes gostam particularmente de abordar tópicos como quadrinhos, mangás ou caricatura. Com isso, eles podem aprender a desenhar como os autores de seus quadrinhos favoritos, mas também aprender a arte de contar histórias.

Bases do desenho para as crianças

Através de todos esses temas passíveis de serem desenvolvidos consoante as idades mais adequadas, as crianças podem facilmente aprender os conceitos básicos do desenho e aperfeiçoar a sua técnica.

Entre os essenciais, encontramos as seguintes modalidades:

● Desenho linear: aprender a desenhar formas e os contornos de um objeto, respeitando as suas proporções;
● Desenho em perspetiva: para passar do desenho 2D para 3D, o professor deve transmitir as técnicas essenciais para facilitar o processo. Este é um passo essencial para dominar a arte do desenho realista.
● Técnicas relacionadas a diferentes ferramentas de trabalho: qual a ferramenta ideal para qual suporte? Para que efeito específico a obter? As aulas de desenho são uma oportunidade para se familiarizar com todos os tipos de utensílios artísticos como a tinta acrílica, o guache, a pintura a óleo, o lápis de carvão, o pastel, a caneta de ponta fina, as aguarelas, entre muitas outras opções que permitirão à criança deliberar qual o material mais adequado para a criação artística em mente.
● Os efeitos da estrutura, sombra e luz: como dar profundidade ao desenho e reproduzir o que vemos? Aprendemos aqui como tocar nos detalhes mais importantes de qualquer obra de arte, mas que passam despercebidos a um desenhista amador, para fazer reproduções fiéis à realidade, para passar uma emoção ou para valorizar um elemento em destaque do desenho.

Portanto, aprender a desenhar visa primeiro refinar os recursos disponíveis, desenvolver um domínio do gesto e da técnica, e adquirir automatismos. Posteriormente, o trabalho concentra-se em aspetos técnicos específicos que permitem às crianças treinar as suas habilidades existentes e descobrir novas facetas da arte do desenho.

Após começar a desenhar, a sua aprendizagem desta arte nunca terminará. Ao longo das suas aulas e das suas próprias criações, aprenderá constantemente novas técnicas a aplicar, verá o seu estilo pessoal evoluir e encontrará novas inspirações. É verdadeiramente uma paixão evolucionária que se tornará tanto melhor consoante o investimento pessoal de cada futuro artista na matéria.

Qual é o perfil de professores desenho ideais para crianças?

Para ensinar arte às crianças é essencial ser um bom pedagogo, ser alguém persistente e paciente.

Por melhor artista que seja, um professor não saberá ensinar às crianças as suas habilidades se não tiver a capacidade de as entender e colocar-se ao seu nível, se não souber como estimular a sua vontade de aprender e, principalmente, se não conseguir lidar com as frustrações inerentes à iniciação de um novo talento.

As primeiras pinturas a gente nunca esquece
Quando é que as crianças passam dos rabiscos para desenhar bonecos e o sol?

Para ensinar o desenho às crianças, é essencial:

● Gostar de crianças e saber como atrair a sua atenção: ensinar crianças é quase uma vocação por si só, ou estamos preparados para isso, ou não, qualquer que seja a área do conhecimento em questão;
● Tornar as aulas divertidas: uma apresentação sobre o cubismo é provavelmente muito interessante para públicos mais maduros, mas certamente não é adequada para crianças que iniciam o seu percurso artístico. É importante ter em mente que públicos diferentes irão ter exigências distintas e deverão, de igual forma, ter um plano de aulas de desenho adequado à sua faixa etária;
● Adaptar o seu vocabulário: mesmo que tenha de ensinar vocabulário específico relacionado ao desenho, é importante saber desconstruir e explicar os conceitos a serem apresentados de forma simples para que a criança os compreenda.
● Ser diplomata: nunca deverá dizer a uma criança que o seu trabalho está perdido, ou que o resultado final não é bom o suficiente. Isto poderá ser incrivelmente devastador para a sua tenra idade e a criança poderá mesmo perder toda a motivação para continuar a aprender a desenhar. Explique-lhe que o importante é persistir e continuar a treinar e dê alguns conselhos para que faça ainda melhor numa próxima tentativa.
● Ser animado: para progredir, as crianças precisam de ser encorajadas. Diante das suas dificuldades e das suas frustrações, o professor terá de ser capaz de encontrar as palavras apropriadas para motivá-las a não desistir.

Crianças incentivadas
Deve incentivar todas as crianças a descobrir o seu potencial artístico. | Fonte: Pexels

Não se esqueça que as aulas de desenho para as crianças devem, acima de tudo, ser sinônimo de prazer e diversão! Então, deve existir espaço suficiente para que a imaginação e a criatividade floresçam de aula para aula.

Trata-se de um momento de relaxamento fora da escola, uma maneira de desenvolver os sentidos e as aptidões de forma inconsciente. Para que os cursos de desenho sejam produtivos e satisfatórios, é essencial que a criança seja prestativa, que tenha iniciativa própria para desenhar e gosto no trabalho desenvolvido com o seu mentor. Não adianta que os seus pais ou a sua família a forcem a seguir esse caminho, se a criança não tiver qualquer interesse em prosseguir com o seu estudo da arte e do desenho.

Agora que abordamos todos os tópicos inerentes à decisão de matricular o seu pequeno em aulas de desenho, sobra uma outra questão: que tipo de aulas serão as mais indicadas para a sua situação?

Existem variadas alternativas para a resolução deste problema. Poderá optar por inscrever o seu filho numa escola de arte da sua cidade, pode procurar por aulas extracurriculares desenvolvidas pelas instituições culturais da sua área, pode recorrer a aulas de desenho particulares com algum artista local e ainda tirar partido das ferramentas online para ensinar as crianças a desenhar!

Crianças aulas online
Hoje em dia, as crianças conseguem aprender imenso com aulas online. | Fonte: Pexels

A realidade é que nunca foi tão fácil aprender algo novo como hoje em dia. Através destas possibilidades à sua disposição, poderá avaliar qual a modalidade mais favorável às suas circunstâncias e começar uma nova aventura de forma informada.

Se procura uma solução adaptável às suas necessidades e desenhada à sua medida, a Superprof é a solução ideal para si e para o seu filhote ao oferecer-lhe modalidades de aulas distintas (desde presenciais a aulas online) e um leque variadíssimo de professores desenho com currículos artísticos distintos para que possa escolher o mentor mais indicado para o que deseja aprender.

Precisa saber mais sobre a nossa plataforma antes de inscrever o seu filho nas nossas aulas de desenho? Consulte abaixo algumas das perguntas mais frequentes dos nossos novos utilizadores e tome a sua decisão de forma esclarecida.

Precisa de um professor de Desenho ?

Gostou deste artigo?

5,00/5 - 1 voto(s)
Loading...

Ricardo

Marketeer. Professor. Country Manager. Redator. Dedicação a 200% em tudo o que me comprometo ao longo da minha vida. Adoro as diferentes personalidades existentes em ambiente profissional e social. Em constante transformação. Escrevo para partilhar o meu conhecimento e entusiasmo aos leitores que queiram ver respondidas as suas questões ou aprofundar algum tema.