Dominar a técnica e o estilo próprio da guitarra portuguesa ou na verdade de qualquer outro tipo de guitarraguitarra eletrica, acústica, clássica etc — é possível e está ao alcance de todas as carteiras com a Superprof.

Neste artigo falamos sobre aulas de guitarra para tocar com técnica e expressividade (a bons preços) que a nossa plataforma oferece, sobre os (muitos) motivos pelos quais deve começar a aprender a tocar guitarra (ou outro instrumento musical) e ainda sobre tudo aquilo que precisa de saber para ser um bom aluno de guitarra e, quem sabe, tornar-se o próximo grande guitarrista português.

Antes de mais, importa perceber por que motivos devemos aprender a tocar um instrumento musical — para além do gosto pessoal e de termos já esse interesse pela música — e até descortinar por que razões importa ter conhecimentos sobre teoria musical, aprender a ler partituras e até descobrir mais sobre os diferentes estilos de música.

Na Superprof, os alunos encontram aulas de guitarra que lhes permitirão treinar qualquer estilo e tirar o maior proveito desse tempo com o professor de guitarra. O aluno poderá pois escolher o professor que trabalhe mais com um estilo em específico nas aulas — jazz, rock, blues, entre outros — e até aproveitar ao máximo as aulas de guitarra portuguesa, se essa for a preferência do estudante. A escolha dependerá obviamente dos interesses e objetivos do aluno.

Obviamente que o estudante pode também decidir não levar o estudo da guitarra tão seriamente, e encarar o processo de aprender a tocar guitarra como um passatempo — e, claro, em função disso, escolher o professor e a frequência de aulas que mais se adequa às metas que pretende atingir.

Rapariga a saltar com guitarra na mão
Se o objetivo não é profissionalizar-se, o aluno pode também encarar as aulas de guitarra como um divertido e desafiante passatempo. | Fonte: Unsplash
Os melhores professores de Viola disponíveis
Lorenzo
5
5 (25 avaliações)
Lorenzo
15€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Kelly
4,9
4,9 (15 avaliações)
Kelly
15€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
José
5
5 (11 avaliações)
José
10€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Zé
5
5 (23 avaliações)
20€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Ricardo
5
5 (10 avaliações)
Ricardo
20€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Thiago
5
5 (8 avaliações)
Thiago
20€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Marcos
5
5 (15 avaliações)
Marcos
15€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Diogo
5
5 (6 avaliações)
Diogo
15€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Lorenzo
5
5 (25 avaliações)
Lorenzo
15€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Kelly
4,9
4,9 (15 avaliações)
Kelly
15€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
José
5
5 (11 avaliações)
José
10€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Zé
5
5 (23 avaliações)
20€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Ricardo
5
5 (10 avaliações)
Ricardo
20€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Thiago
5
5 (8 avaliações)
Thiago
20€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Marcos
5
5 (15 avaliações)
Marcos
15€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Diogo
5
5 (6 avaliações)
Diogo
15€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Vamos lá

Aulas de guitarra na Superprof

Na Superprof, seja qual for o nível de quem procura aulas de guitarra — ou seja quer falemos de um aluno de guitarra iniciante ou, por outro lado, já de um profissional de guitarra — existem diferentes tipos de aulas, adequados a diferentes expectativas e metas.

Na plataforma Superprof é possível encontrar um amplo espectro de professores de guitarra com muita experiência, formação qualificada e reconhecida — já que, em muitos casos, pode consultar os diplomas dos professores que aqui leccionam — e, mais importante de tudo, dotados de experiência e artisticidade e prontos para transmitir todos os seus conhecimentos a um aluno de guitarra dedicado e interessado em aulas de guitarra particulares, de forma a que o aluno possa aprender de modo personalizado.

As aulas particulares são, em geral, mais caras do que as aulas em grupo, mas claro que permitem uma atenção muito mais personalizada ao aluno, mais orientada às suas dificuldades e metas.Em geral, os estudantes encontrarão muitas aulas de apenas dez ou doze euros por hora, e no caso de professores extremamente experientes (ou até conhecidos no mundo da música), vinte ou trinta euros por hora.

Tudo dependerá do currículo, da formação académica do professor e, claro, da decisão pessoal no que toca a escolher um valor a cobrar ao aluno. Obviamente que profissionais reconhecidos no mundo da música, e já com muita experiência de ensino, cobram mais à hora.

E convém lembrar que uma aula mais barata não é necessariamente menos boa que uma mais cara. Afinal, é possível encontrar aulas a preços acessíveis e de muita qualidade, conduzidas por excelentes professores.

Outra das vantagens Superprof é o facto de a primeira aula ser grátis — permitindo ao estudante avaliar se é mesmo com aquele pedagogo que pretende iniciar o percurso da aprendizagem ou aperfeiçoamento da guitarra.

Dentro da modalidade de aulas particulares, o aluno poderá escolher entre aulas presenciais (ao domicílio) e aulas online. De facto, aprender guitarra portuguesa com rigor e qualidade, via webcam pode ser também uma ótima alternativa às aulas de guitarra presenciais, sem os inconvenientes do transporte da guitarra de casa para a escola e sem a ameaça de a danificar ou o receio de chegar atrasado à aula de guitarra.

Regras para se ser um bom aluno de viola ou guitarra

De modo a que os alunos possam ser bem sucedidos nas suas aulas de guitarra é necessário que na própria aula e em casa dediquem algum tempo ao estudo e treino que as cordas da guitarra exigem. Afinal, não é fácil ter destreza nos dedos, saber as escalas e fazer solfejo ou até tocar (e verdadeiramente interpretar) uma música do início ao fim, sem a ajuda de uma partitura.

Guitarra e
Ser um verdadeiro guitarrista pronto a pisar o palco, implica muito treino, dedicação e expressividade quando se toca | Fonte: Unsplash

Na tentativa de ajudar os nossos estudantes a ultrapassar as eventuais (e normais) dificuldades que possam surgir nas aulas de guitarra, deixamos abaixo algumas dicas e sugestões preciosas que devem pôr em prática:

  • tentar ao máximo nunca faltar às aulas de guitarra e, em caso de falta, pedir anotações, ou uma explicação extra ao professor;
  • levar sempre o material necessário para a aula de guitarra, como a palheta ou determinadas partituras que o professor peça;
  • manter a atenção e o foco na aula;
  • treinar todos os dias, tocando um pouco;
  • rever a matéria teórica;
  • esclarecer todas as dúvidas o mais cedo possível, não as deixando acumular;
  • ver vídeos explicativos de como tocar uma determinada música, adequada ao nível do aluno;
  • cumprir os objetivos propostos pelo professor e, se possível, mostrar-lhe que é capaz de ir além deles;
  • não desanimar, nem desmotivar perante as dificuldades;
  • manter o espírito positivo e auto-confiança na dose certa!
Guitarra, pés com meias, cadernos e chávena
Descontração e energia positiva são essenciais para levar a bom porto o estudo e o treino da guitarra! | Fonte: Unsplash

Além de tudo isto, é importante que o aluno de guitarra tenha algumas fontes de inspiração, isto é, guitarristas consagrados que o façam sonhar alto e ter metas ambiciosas no que toca à guitarra — mas claro, mantendo sempre presente a consciência de que é necessário trabalhar muito para se chegar a um patamar desse género.

Guitarristas como Jimi Hendrix, Jimmy Page, Eric Clapton, ou Steve Vai podem ser grandes inspirações para todos aqueles que almejam tornar-se grandes mestres da guitarra. Por isso, os estudantes de guitarra podem sempre assistir aos solos de guitarra destes e de outros artistas e tentar ver, ao vivo, concertos destas (e de outras) grandes lendas da guitarra. Será uma excelente oportunidade para verem e apreciarem a conjugação da técnica, com a emotividade da interpretação, a par do contacto com o público.

Vantagens de aprender a tocar guitarra ou outro instrumento de cordas

Quer o aluno pretenda tornar-se um guitarrista profissional, ou tão somente aprender a tocar algumas músicas na guitarra, muitos são os benefícios — desde físicos a psicológicos — que tocar um instrumento de cordas como este trará. Vejamos alguns deles.

  • Desenvolve a capacidade de memorização e concentração. Como já vários estudos demonstraram, saber tocar um instrumento estimula o cérebro, puxando pela destreza em lembrar, por exemplo, as notas da música que aprendeu — devendo o aluno tentar tocá-la sem recurso a partitura: apenas de memória;
  • Desenvolve a capacidade de organização, uma vez que o aluno deve estudar e treinar diariamente guitarra, o que o obriga a conciliar a dedicação à guitarra com todas as suas tarefas do quotidiano;
  • Melhora a coordenação motora, já que puxa pela destreza das mãos e dedos, através do treino de movimentos específicos para conseguir aquela nota ou sequência de notas de, por exemplo, um solo de guitarra que o estudante esteja a aprender;
  • Desenvolve o à vontade, a desinibição, a sensibilidade e a expressão das emoções, o que, consequentemente, alivia o stress e atua até como uma forma de terapia — e que pode até ajudar em distúrbios como a ansiedade ou mesmo a depressão;
  • Melhora as capacidades matemáticas do estudante. Pode não parecer, mas a música e a matemática têm algumas ligações, já que no que toca a conceitos como o tempo e o ritmo, as contas também têm aqui o seu papel. Aliás, vários estudos demonstraram já que os alunos que tocam um ou mais instrumentos têm tendência a ter também melhores notas a matemática do que aqueles que não sabem tocar nenhum instrumento;
  • Puxa pela perseverança, disciplina e auto-confiança, qualidades essas que o bom professor de guitarra tenta sempre incutir ao aluno, para levar a bom porto as aulas de guitarra;
  • Permite ao aluno expandir os seus horizontes culturais através dos diferentes estilos de música que podem ser contemplados na aula de guitarra;
  • Desenvolve a sensibilidade e capacidade de comunicar com outrem. Afinal a música é uma forma de expressão de sentimentos e sensações transversais a todos nós.
Homem a tocar guitarra apaixonadamente
Para além de dominar a técnica, o aluno de guitarra deve tocar com expressividade e sensibilidade musical.| Fonte: Unsplash

Como o nosso leitor vê, muitas são as vantagens de aprender a tocar guitarra.

Contudo, alcançar a sensibilidade (que tantos desejam) no que toca à interpretação de um tema na guitarra não é fácil e dificilmente acontecerá da noite para o dia. Sobretudo se o aluno for iniciante, é provável que o desenvolvimento da artisticidade se torne uma preocupação tardia, depois de já dominar minimamente a técnica na guitarra.

Afinal, seguir e aplicar um guia infalível para ser um mestre das cordas da guitarra não é tarefa fácil nem se destina a todos. Será necessário um treino intenso de guitarra e muita dedicação (para além da hora da aula) se o objetivo do estudante for profissionalizar-se.

Além disso, é necessário que o aluno possua alguns acessórios que ajudarão no seu estudo e treino. Se existem alguns de caráter mais opcional, outros há que são quase obrigatórios para quem toca ou quer aprender a tocar guitarra. Assim, o aluno de guitarra deve ter:

  • uma palheta;
  • um suporte para a guitarra;
  • um afinador (ou usar um afinador online);
  • uma correia para a guitarra;
  • um capo ou transpositor (usado para prender as cordas, de modo a que seu som base seja mais agudo);
  • um amplificador de som;
  • uma mala para transportar a guitarra:
  • um pano próprio para limpar a guitarra;
  • um caderno de música.

Além disso, muitos alunos de guitarra que aspiram a tornar-se guitarristas de excelência têm, em casa, uma espécie de estúdio — que lhes permite tocar e até compor — dotado de uma série de acessórios que também podem ser muito úteis, como uma looper station — que permite gravar e reproduzir, quando se quiser, um determinado som — entre muitos outros. No entanto, só valerá a pena fazer esse investimento se o aluno revelar uma assoberbada paixão pela guitarra.

Por fim, lembramos que, se o aluno for motivado, estudioso e aplicado agradará a todos os professores e motivá-los-á ainda amais a lecionar de forma entusiasta. Aliás, muitos deles dão (aos alunos que se revelem extremamente aplicados) dicas extra e sugestões de como ser ainda melhor na guitarra.

Com todos os nossos conselhos, só falta mesmo pegar na guitarra, e tirar dela o som e a alma.

>

A plataforma que conecta profes particulares e alunos

1ª aula gratuita

Gostou deste artigo? Deixe a sua avaliação!

5,00 (1 note(s))
Loading...

Elsa

Trabalho na área da consultoria linguística e produção de texto há três anos e sou, actualmente, professora de português para estrangeiros. Dedico a maior parte do meu tempo livre à leitura e à escrita, tendo já publicado crónicas e poesia em revistas culturais e literárias.