Sente uma verdadeira paixão por ensinar? Tem conhecimentos avançados sobre a língua do pensador chines Confucio? Se a resposta a estas duas perguntas é sim, é certo que já tem os pré-requisitos básicos para se tornar professor de chinês.

Com a falta de aulas de mandarim nas escolas tradicionais, construir uma carreira como professor de escolas especializadas no idioma ou de professor particular pode ser uma ótima opção para si. E  se sempre se sentiu atraído pela área da educação, é bem provável que já tenha pensado nisto.

Porém, o que faz com que muitos desistam da carreira antes mesmo de a iniciar é a questão financeira pois, por norma, partimos do pressuposto de que os professores são mal remunerados no nosso país e acreditamos que, mesmo que o assunto ensinado seja um idioma no qual poucos são fluentes, os docentes não vão conseguir uma remuneração que pague sequer as despesas diárias.

Isto significa que, se por um lado tornar-se professor de um idioma específico permite ser um profissional autónomo e, gestor das suas contas e do seu tempo; por outro, o fato de não ter um salário fixo ou uma entidade patronal a gerir o seu desempenho e a recompensá-lo por isso, pode tornar-se muito desanimador.

Contudo, a maior dúvida prevalece nos preços a atribuir a essas aulas, sendo que, esta inquietação não deve ser, de modo algum, motivo para desistir da carreira, ainda que aplicar preços aos seus serviços requer algum cuidado e bastante pesquisa. Saiba todos estes detalhes para começar a dar aulas de chinês ou dar um curso mandarim.

Mas não se preocupe! Aqui na Superprof, nós podemos ajudar.

Quanto ganha um professor de chines
Dar explicações ou aulas de chinês pode ser um ótimo método para alargar o seu orçamento mensal. | Fonte: Pixabay
Os melhores professores de Chinês disponíveis
1ª aula grátis!
Joana
5
5 (8 avaliações)
Joana
20€
/h
1ª aula grátis!
Catarina
5
5 (7 avaliações)
Catarina
18€
/h
1ª aula grátis!
跃yue
5
5 (3 avaliações)
跃yue
15€
/h
1ª aula grátis!
Isabela
5
5 (4 avaliações)
Isabela
12€
/h
1ª aula grátis!
Yiying
5
5 (4 avaliações)
Yiying
15€
/h
1ª aula grátis!
Patrícia alexandra
Patrícia alexandra
12€
/h
1ª aula grátis!
Lisa
Lisa
12€
/h
1ª aula grátis!
Shin
5
5 (6 avaliações)
Shin
15€
/h
1ª aula grátis!
Joana
5
5 (8 avaliações)
Joana
20€
/h
1ª aula grátis!
Catarina
5
5 (7 avaliações)
Catarina
18€
/h
1ª aula grátis!
跃yue
5
5 (3 avaliações)
跃yue
15€
/h
1ª aula grátis!
Isabela
5
5 (4 avaliações)
Isabela
12€
/h
1ª aula grátis!
Yiying
5
5 (4 avaliações)
Yiying
15€
/h
1ª aula grátis!
Patrícia alexandra
Patrícia alexandra
12€
/h
1ª aula grátis!
Lisa
Lisa
12€
/h
1ª aula grátis!
Shin
5
5 (6 avaliações)
Shin
15€
/h
1ª aula gratuita>

Quanto custa aprender chines ou o mandarim na Superprof?

A plataforma Superprof conta com uma grande variedade de professores inscritos para ensinar muitas disciplinas e com o ensino da lingua chinesa este panorama mantém-se. Entretanto, se estar inscrito numa plataforma com tantos profissionais parece dificultar-lhe ainda mais a comunicação dos seus conhecimentos, deve então perceber qual a melhor estratégia a adotar.

A Superprof atua como uma plataforma que promove o encontro entre professores e potenciais alunos. Para fazer parte do leque de profissionais inscritos, basta registar-se no nosso site e inserir os seus dados. Por exemplo será mais fácil um professor ser escolhido se tiver uma formação ou curso de mandarim no seu perfil.

A vantagem é que, com poucos cliques, o interessado em aprender determinada língua ou disciplina, pode entrar em contato com os professores, que são classificados por preços, localidades, entre outros critérios. Se explorar a plataforma, é possível encontrar vários tipos de professores, das várias e diferentes áreas: desde um personal trainer, até um professor de chinês.

O fato de oferecer diversas opções atrai cada vez mais pessoas à plataforma pois a Superprof é, sem dúvida, uma maneira eficaz de ter conhecimento de alguns profissionais que podem estar mais perto do que se imagina.

Para os professores, o registo na plataforma é gratuito e seguido de uma análise ao perfil: há uma avaliação com a finalidade de manter a qualidade da equipa disponível. Uma vez aprovado, o seu perfil é validado e passa a ser visível em pesquisas online.

A partir daí, é só estar atento às novidades da plataforma e esperar pelo contato dos seus novos alunos.

Uma das grandes vantagens de se inscrever na Superprof é que o valor da sua hora/aula será determinado por si, uma vez que, não existem tabelas pré estipuladas ou a imposições quanto ao valor das aulas ou de um curso mandarim.

Além disso, é preciso ter em conta que o nível dos professores inscritos pode ser diferenciado: há professores recém-licenciados, aposentados que procuram um rendimento extra e até mesmo chineses que vivem em Portugal e que querem dar aulas de chines online ou presenciais.

As redes sociais são um lugar fantastico para encontrar alunos de chines
Há muita gente que quer aprender mandarim online para dar o salto na empresa onde trabalha atualmente. | Fonte: Pixabay

É ainda importante lembrar que nesta plataforma, não precisa de corresponder a um padrão de método de ensino, uma vez que não há um professor que seja igual ao outro: cada um tem as suas experiências, as especializações e os seus pontos fortes. Isto faz com que o aluno possa procurar por um professor que vá de encontro às suas expectativas e na Superprof todos os alunos podem encontrar um professor que combine com o seu perfil.

Isto fará com que os alunos que procuram por aulas de mandarim se tornem mais motivados durante as aulas e sintam que o valor investido nas mesmas vai trazer o retorno esperado.

Contudo, é importante ter consciência que há diferenças nos preços das aulas devido a vários fatores como por exemplo a localidade. E, assim sendo, vale a pena pesquisar a região na qual deseja atuar, para que o seu preço seja justo e compatível com o mercado local.

Quanto posso ganhar ao dar cursos de chines ou mandarim?

Como já foi mencionando antes, nem todas as regiões do país oferecem aulas de determinado assunto ou disciplina pelos mesmos preços. Essa diferença de valor ocorre devido a vários fatores como: as variações de salário, o custo de vida do local, cidade ou região e ainda devido ao poder cultural do local. E é importantíssimo respeitar essas vertentes na hora de estipular preços para os seus cursos ou aulas de mandarim ou chines na sua cidade como por exemplo aula de chines Aveiro.

Destaque-se perante quem quer aprender mandarim ou chines online

É normal que no início da carreira como professor de chinês haja uma tendência fazer contas para tentar perceber quanto é possível lucrar com esta profissão. Contudo, avisamos que focar-se apenas nisso pode ser perigoso. É importante que, independentemente de qualquer coisa, não desvalorize o seu trabalho. E, o bom-senso, deve estar sempre presente como profissional nesta área.

Tal significa que, para além do registo em plataformas como a Superprof, deve procurar expandir os seus conhecimentos num local onde a sua remuneração será mais certa e garantida, como por exemplo trabalhar em institutos especializados no idioma para ensinar a quem quer evoluir na língua na sua cidade como por exemplo, para os que desejam aprender mandarim Lisboa.

Aulas de chinês em Institutos

Por norma, quando alguém sente a necessidade de aperfeiçoar os seus conhecimentos num idioma, seja por questões pessoais ou por necessidades profissionais, tende a procurar uma escola especializada, ou seja, um instituto.

Isto acontece porque este tipo de instituição costuma ter uma organização própria, que utiliza metodologias pedagógicas eficazes, elementos culturais e uma boa qualidade relativamente aos professores contratados.

quanto custa uma aula de chines particular
O valor de uma aula de chines, cantones ou mandarim varia consoante a cidade e a cultura do local onde vai ser realizada. | Fonte: Pixabay

Contudo, deve estar consciente que lecionar numa escola destas não lhe dará tanta liberdade assim, tanto em termos de carga horária como na definição de quanto ganhará por hora ou por aula porque será necessário seguir uma série de normas que fazem parte do funcionamento interno na instituição. São informações importantes para que saiba como dar aulas de mandarim ou cursos de mandarim.

Porém, dar aulas neste tipo de estrutura é, sem dúvida, uma maneira eficaz de adquirir experiência e entrar diretamente no mercado de trabalho. Para um professor no início de carreira, por exemplo, nem sempre é fácil conseguir os primeiros alunos particulares. E, depois de lecionar num instituto de idiomas, o professor é visto como mais experiente e a confiança em relação ao seu trabalho tende a aumentar.

Dar um curso de mandarim online

Com a expansão do uso das tecnologias, muitas pessoas têm usado a internet para anunciar os seus produtos ou serviços. E, foi a partir dessa democratização que surgiram as plataformas especializadas em promover o encontro entre alunos e professores, como a Superprof.

Estas oferecem a vantagem de que é o professor quem define o valor das suas aulas e qual a metodologia pedagógica a utilizar nas mesmas.

Não há nenhuma cláusula que o proíba o uso de materiais didáticos e dinâmicos como: as músicas,  os provérbios e as curiosidades que permitam aprofundar os conhecimentos culturais para completar os estudos dos seus alunos. No entanto, é importante lembrar que esta liberdade também traz consigo uma grande responsabilidade.

Se optar por lecionar este tipo de aulas deve ter em conta que as responsabilidades inerentes a qualquer vertente do ensino recaem exclusivamente sobre si. Isto significa que, de certo modo, a carreira de outros depende indiretamente do seu desempenho como professor.

Todavia, adotar uma metodologia própria e inovar no uso dos materiais utilizados para ensinar, podem fazer com que se torne uma referência no ensino da lingua chinesa e isso vai com certeza trazer-lhe ainda mais alunos.

um professor nunca deve perder a sua identidade
Um professor de chinês ou mandarim deve ensinar de forma dinâmica e inovadora, sem nunca perder a sua identidade de docente. | Fonte: Pixabay

Como obter lucro ao ensinar chinês ou mandarim?

Outra dúvida muito comum para quem está a começar a carreira como professor é, quanto ao lucro sobre o valor investido na formação que, outrora, possibilitaram tornar-se professor.

É preciso ter em conta que o seu caminho académico e a sua experiência como docente do idioma podem influenciar no tempo em que é obtido o lucro deste negócio. Ou seja, uma temporada na China ou o desempenho de uma função numa empresa chinesa podem fazer uma grande diferença no seu percurso profissional. Para além disto, é óbvio que a formação universitária na área da educação também pode ser considerada um importante pré-requisito por muitos alunos.

Lembre-se de que, um aluno não deixará de estudar numa escola famosa e importante de chinês para ter aulas particulares consigo apenas pela questão do valor. O aluno tem de ter certeza da qualidade das suas aulas e sentir-se seguro a contratá-lo.

Quem procura um professor particular, espera que este lhe dê mais atenção e que tenha em mente, em todas as aulas, as razões pela qual o fizeram optar por aprender chinês, cantones ou o mandarim e não outros idiomas.

Em Portugal, já existem escolas que oferecem o chinês ou mandarim como uma disciplina opcional. Contudo, escolher um professor particular que já vivenciou a cultura chinesa na primeira pessoa e que domine completamente este idioma, pode ser mais vantajoso do que matricular-se numa dessas escolas.

Se quer ser este tipo de professor, será necessário um longo caminho de formação, preparação e autoconfiança. Mas não se esqueça que o investimento para se especializar é necessário para que o retorno venha posteriormente.

Precisa de um professor de Chinês ?

Gostou deste artigo?

5,00/5 - 1 voto(s)
Loading...

Marília

Sou licenciada em História da Arte e Mestre em Estudos Artísticos, na vertente de Teoria e Crítica da Arte. No passado, escrevi também alguns artigos para a revista Umbigo (online) e criei e geri todos os conteúdos da plataforma pensarte.pt.