Qualquer aluno teria gostado de ter tido Albert Einstein, ele próprio um matemático de sucesso preservado para toda a história, como professor de matemática no colégio, no ensino secundário, ou até na universidade, pois ele entendeu que não basta memorizar teoremas e raciocínios matemáticos para ser realmente bom nesta disciplina. O segredo para que tenha sucesso é assimilar e colocar em prática o conhecimento adquirido nas suas aulas para que consiga desenvolver raciocínios lógicos e resolver exercícios cada vez mais complexos. Para que tenha êxito como professor de matemática, deve fazer com que os seus conteúdos programáticos sejam apropriados para o nível atual do seu aluno para que possam ser explicados de forma simples e concisa, e entendidos eficazmente pelos seus estudantes presencialmente ou através de explicações de matemática online.

Não tenha medo das fórmulas! São mais fáceis de compreender do que imagina. | Fonte: Pexels

Essa é a principal pedra no meio do caminho de variados estudantes que os faz muitas vezes tropeçar nessa disciplina: nem sempre é possível desenvolver um raciocínio lógico aquando da resolução dos exercícios propostos pelo professor ou nas explicações matemática, especialmente se as bases desta matéria não estiverem bem consolidadas.

Quando pensamos em estudar a tão infame cadeira de matemática e os exercicios de matematica, muitos de nós ficamos com os cabelos arrepiados, alguns levantam uma sobrancelha cautelosa enquanto outros fazem-se de desentendidos. É fácil arranjar mil e uma desculpas para tentar escapar ao estudo desta dolorosa matéria.

A realidade é que todos nós temos uma história agridoce com as aulas de matemática do nosso passado; às vezes adoramo-las, outras vezes odiamos sequer pensar na obrigação que é frequentá-las. Igualmente, todos nós nos lembramos dos nossos professores que eram tão horríveis que nos faziam querer evitar as suas aulas por completo, enquanto que outros de nós, pelo contrário, apreciavam a beleza dos exercicios de matematica e transmitem hoje a sua paixão pelos números para os seus próprios alunos.

Saiba calcular sem o uso da máquina
Os materiais didáticos tradicionais, como livros de exercícios e calculadoras, não são as únicas ferramentas que poderá utilizar para o ajudar a aprender matemática!

Como professor, deve saber, em primeiro lugar, que nem todos os seus estudantes irão ter as mesmas habilidades cognitivas para realizar os exercicios de matematica, sendo assim importante que desenvolva um plano de estudos adequado a cada um deles.

Algumas pessoas têm mais habilidades para entender, interpretar e aplicar a matemática, por terem uma maneira adequada de raciocinar, uma mente analítica e cartesiana que se encaixa perfeitamente neste tipo de disciplina, enquanto que outros têm a dedicação e a persistência necessárias para continuar a estudar até aprenderem a resolver determinado problema, equação, teorema e fórmula. Cada aluno é um caso particular e o ensino de qualquer disciplina deverá ser feito tendo isso em mente.

Embora as habilidades interpessoais não sejam tudo para que os seus alunos tenham sucesso aquando da aprendizagem desta matéria, há um outro critério muito importante a ser levado em consideração: o seu método de ensino.

Aqui, a Superprof oferece-lhe algumas dicas para ensinar os exercicios de matematica a todos os tipos de estudantes e garantir que estes vejam progressos de aula para aula.

Como dar explicaçoes de matemática com sucesso?

Como fazer para que as suas aulas chamem a atenção dos seus alunos, para que permaneçam motivados e interessados em melhorar cada vez mais? Mais, como fazer com que eles se apaixonem pela disciplina dos números e mudarem completamente a sua opinião de que a matemática é uma matéria difícil? Será que isso é sequer possível?

Apaixone-se pela disciplina dos números! | Fonte: Pexels

Para ensinar matemática e fórmulas resolventes, um professor deve ter uma visão de um verdadeiro matemático! Isso quer dizer que o mentor deve ser capaz de moldar o conteúdo das aulas consoante o seu público e as suas necessidades de aprendizagem, para torná-las o mais atraentes e menos chatas possível para cada um dos seus alunos.

Entenda que, se alguém precisa de aulas particulares na disciplina dos números, é porque já tem uma certa dificuldade ou resistência para com a álgebra, a geometria, as probabilidades, etc., então, não torne a relação dos seus estudantes com a matemática mais difícil que ela já é. Tente atrair a sua atenção através de quebra-cabeças ou puzzles matemáticos para que eles aprendam as regras básicas desta disciplina sem que deem por isso.

Caso contrário, será difícil para que estes vejam qualquer interesse em continuar a frequentar as suas aulas e, sem dúvida, tal afetará negativamente a sua vontade de progredir e de melhorar.

Brinque aprendendo álgebra
Parece um mundo misterioso, mas podemos desvendar a matéria dos números com simples esquemas lúdicos e jogos básicos. Só precisa de um pouco de imaginação para que tal seja possível!

Existem dois pontos relevantes de mencionar quanto ao conteúdo das suas aulas: o professor particular deve ser capaz de combinar a teoria e a prática.

É totalmente prejudicial construir um plano curricular à volta de dar apenas um curso puro sem fazer com que o seu aluno aplique o que foi aprendendo ao longo do seu percurso através de exercícios divididos por temáticas. Para realmente ver frutos do seu trabalho é importante transmitir o conteúdo necessário à aprendizagem dos diversos assuntos matemáticos e mostrar quais as aplicações práticas do que se for ensinando ao seu aluno.

O importante neste tipo de disciplinas exatas é ensinar, explicar e detalhar as propriedades e teoremas através dos exercícios. Ensinar ao aluno apenas o teorema em si, irá fazer com que ele não compreenda a sua utilidade, não sabendo quais os passos que deverá tomar para a sua aplicação e, consequentemente, este será incapaz de resolver o exercício proposto.

Além disso, qualquer estudante irá achar a matéria ensinada certamente irritante ao longo das aulas, por não ver qualquer propósito quanto à sua aprendizagem nem aplicabilidade no seu dia a dia.

Por outro lado, quando o professor particular é capaz de explicar um teorema ou equação através de um exercício modelo, o aluno poderá obter uma ideia concreta e precisa do que é necessário para solucionar o problema e entenderá mais facilmente o que deve fazer nesse tipo de exercícios para chegar a um resultado final correto.

É muito mais fácil entender uma equação quando é explicada por um professor particular. | Fonte: Pexels

De certa forma, a resolução de exercícios deve transformar o conteúdo aprendido em algo divertido! Assim, será muito mais fácil ensiná-lo e tal fará com que seja mais simples para o seu aluno assimilar o procedimento necessário.

Tenha explicações matemática em Almada!

Dar aulas de matemática: conheça a experiência de uma blogger como professora de matemática

«O meu nome é Corinne Huet e sou professora de matemática há quase dez anos na França. Depois de dar aulas num colégio na região parisiense de Yvelines, agora trabalho numa escola em Val d’Oise, também na região de Paris. Atualmente, ensino matemática a estudantes do segundo e do terceiro ano do segundo ciclo, por isso, sou capaz de lhe dar algumas dicas sobre como ensinar matemática. Na minha opinião, a maneira mais fácil e acessível de educar os seus alunos no que toca à aprendizagem desta disciplina, e lhes dar algumas noções base da matéria através de um regime online, é através dos vídeos educacionais que tem à sua disposição através de uma simples pesquisa pela internet.

É por isso que criei um blog de matemática chamado “bossetesmaths.com” que oferece aulas de matemática e exercícios em formato de vídeo para que os seus alunos possam entender um conceito instantaneamente através da sua visualização.

Então, conheça aqui a minha experiência como blogger da disciplina dos números

Não há limites para saber calcular
Geometria também pode ser uma brincadeira!

Explicador de matematica: como diminuir os bloqueios de matemática nos jovens estudantes

As origens dos bloqueios em matemática são múltiplas e o aluno pode não entender para que serve determinado teorema, ou até a utilidade da disciplina por completo, a não ser para ter boas notas e passar de ano na escola. Estas dificuldades dos estudantes portugueses a matemática são há muito conhecidas...

Uma das causas mais comuns de bloqueio é que o aluno perde-se na linguagem matemática e os seus significados.

Na verdade, os explicadores de matemática devem tem em atenção a sua linguagem e usar palavras comuns aquando da explicação dos procedimentos a ter em determinado exercício, já que isso irá ditar o quão bem o aluno irá ser capaz de aprender, e de interiorizar, os conceitos da sua aula. Os professores nem sempre estão conscientes das ambiguidades lexicais que podem existir enquanto explicam os procedimentos matemáticos e, como resultado, o estudante perde o rumo e sente que a matemática é uma disciplina impossível de perceber.

Ao não ser capaz de assimilar o básico, o aluno terá dificuldades em conseguir progredir na sua aprendizagem, especialmente quando for necessário o uso de símbolos para exprimir determinada equação ou resolver certo problema.

Como os símbolos não têm significado para ele, o estudante desta disciplina não consegue entender as suas diferenças e quais as situações em que os deve utilizar.

Faça aulas de matemática pela webcam

Se procura um tipo de aulas que lhe possa dar a liberdade de as frequentar quando e onde quiser, que tal aderir ao regime de aulas online já bastante sedimentado em diferentes áreas do saber?

Tenha aulas online de matemática no conforto de sua casa. | Fonte: Pexels

As principais vantagens deste tipo de aprendizagem é que poderá avançar nos seus estudos sem ter de seguir horários rígidos nem ter de se deslocar a um determinado local para ter as suas explicações matemática. Outras mais valias menos óbvias são:

  • Sem tempo desperdiçado nos transportes públicos: é claro, quando se faz um curso de matemática online, o aluno, ou até o professor, não precisa de perder tempo no trânsito para chegar ao local onde será a sua aula, tendo tudo disponível à distância de um simples clique. Isso permite que o professor ofereça horários mais flexíveis para as suas aulas e permite que o aluno beneficie de um curso específico para as suas metas curriculares mesmo que este more numa área onde não há professores experientes na sua temática de eleição;
  • Economia de custos: ter de se deslocar para ter as suas sessões pode facilmente duplicar o tempo gasto pelo aluno para ter uma lição de uma hora. Este tempo perdido poderá ser transformado em horas de aulas de matemática pela webcam, que lhe permitirá aproveitar melhor o seu tempo livre e ter um melhor retorno pelo seu investimento financeiro pelas suas aulas. Alguns mentores oferecem ainda descontos imbatíveis para quem prefere optar por esta tipologia de aulas, já que também eles ficam a ganhar ao prestarem este tipo de serviço ao pouparem em deslocações;
  • Sem restrições geográficas: a localização geográfica do professor e do aluno deixa de ser importante. Para aceder às suas aulas basta ter um computador, um tablet ou um smartphone, e uma boa conexão internet e terá tudo o que é necessário para que as suas aulas sejam produtivas;
  • Possibilidade de cursos em vídeoconferência: como professor, pode ainda aproveitar para dar aulas a mais do que um aluno ao mesmo tempo e em locais diferentes, otimizando assim o seu tempo disponível;
  • Programas curriculares específicos para si: ao ter aulas online com um professor particular, o aluno também terá algum dizer no que toca ao currículo das mesmas. Assim, em vez de ter que acompanhar os seus colegas em matérias que não acha serem relevantes para o seu percurso em particular, poderá conversar com o seu mentor e chegar a um acordo relativamente ao que será possível estudar nas suas sessões.

Aprenda matemática de maneira diferente

A matemática é um pouco como uma língua estrangeira. Trata-se de um assunto com o seu próprio vocabulário, os seus próprios códigos e símbolos, a sua maneira única de pensar e a sua própria cultura. É uma disciplina que exige a aquisição de um bom método de aprendizagem para aprender, já que é de primordial importância que cada aluno encontre a melhor maneira de assimilar os conhecimentos que lhe são instruídos pelo seu professor, para que os possa aplicar aquando da resolução dos seus exercícios propostos.

Dica n ° 1 para estudar de forma metódica: praticar, treinar, repetir.

Ter uma boa memória não é o suficiente para ter sucesso a matemática, nem para tirar boas notas nos seus exames. A aprendizagem desta disciplina deve ser associada a uma prática concreta, com exercícios que exploram os conceitos teóricos lecionados pelo seu professor para que os consiga aplicar no futuro sem quaisquer dificuldades.

Para aprender corretamente uma palavra, uma demonstração, uma fórmula, uma equação, ou uma regra, é preciso imaginá-la num contexto específico, dando-lhe dimensão e aplicabilidade.

Saiba contar com instrumentos de cálculo
Jogos, quebra-cabeças, puzzles, e outras brincadeiras, tudo isso é válido na hora de estudar matemática.

Dica 2: Substitua uma noção abstrata por algo concreto.

Para isso, o aluno pode começar por associar cada noção a uma imagem, memória ou som.

A matemática, assim como um idioma estrangeiro, deve estar permanentemente viva na mente do seu estudante para que faça sentido, caso contrário, ela permanecerá uma arte abstrata, uma ciência obscura, sem qualquer aplicação na vida real.

Se precisa de ainda mais motivação para dar início aos seus estudos, saiba que ser bom a matemática irá abrir-lhe as portas para várias profissões de sucesso do mundo moderno, tais como engenheiro informático, programador, gerente ou administrador financeiro, astrónomo, entre outras alternativas.

Com o tempo, verá que os seus esforços e dedicação valem realmente a pena, já que, uma vez instituídas as condições para desencadear o raciocínio certo, a matemática parece realmente mais simples e até comparável a uma brincadeira de crianças.

Se é um estudante que sempre achou que matemática é uma disciplina difícil e pouco interessante de se aprender, porque não pedir a ajuda de um professor dedicado para o ajudar a ultrapassar as suas dificuldades quanto a esta matéria para que tenha um melhor aproveitamento escolar? Se é alguém com já alguma experiência na área mas procura especializar-se num campo específico desta temática, que tal procurar por um mentor que o guie ao longo do seu percurso e que seja capaz de lhe dar todas as ferramentas necessárias para que, com muita dedicação e estudo, claro, se torne num matemático de sucesso?

Visite o nosso website e veja todas as ofertas que temos disponíveis para si para que possa realmente evoluir nesta disciplina sem quaisquer obstáculos e atingir as suas metas quer académicas como profissionais. Qualquer que seja o seu nível de conhecimento atual na mesma, a Superprof garante ter a solução ideal para si com as explicações matemática.

Veja mais abaixo algumas questões frequentes dos nossos novos inscritos para que possa ter uma base para se guiar aquando da sua decisão quanto a esta nova iniciativa curricular:

Precisa de um professor de Matemática ?

Gostou deste artigo?

5,00/5 - 1 voto(s)
Loading...

Ricardo

Marketeer. Professor. Country Manager. Redator. Dedicação a 200% em tudo o que me comprometo ao longo da minha vida. Adoro as diferentes personalidades existentes em ambiente profissional e social. Em constante transformação. Escrevo para partilhar o meu conhecimento e entusiasmo aos leitores que queiram ver respondidas as suas questões ou aprofundar algum tema.