A Java é uma linguagem de programação orientada a objetos, utilizada para desenvolver aplicações, software e sistemas para equipamento eletrónico. Está presente na maioria dos objetos e dispositivos que nos rodeiam e tem cada vez mais aficionados um pouco por todo o mundo.

E Portugal não é exceção. Existem várias opções no país onde pode estudar Java e aprender o conteúdo básico da computação de forma presencial ou virtual. Pode optar for fazer um dos cursos disponíveis nos centros de formação ou numa escola, por um dos vários cursos superiores que encontra em qualquer universidade ou até mesmo através de aulas particulares com um professor.

Quer seja com um curso ou uma aula, vai receber orientação dos professores sobre os conceitos principais que deve estudar, os projetos que deve evitar, os melhores métodos para estudar a matéria e os melhores exercícios para praticar. Mais do que acesso a um certificado, os cursos são acesso a informação privilegiada, garantindo assim que a sua introdução no mundo virtual corre da melhor maneira possível.

E para garantir que tem um conhecimento básico antes de começar o curso e que vai bem preparado para a introdução da primeira aula de computação, criamos este artigo com as informações principais que deve saber sobre a Java.

Os melhores professores de Programação disponíveis
João
5
5 (30 avaliações)
João
20€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Rui
4,9
4,9 (16 avaliações)
Rui
22€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Tomás
5
5 (15 avaliações)
Tomás
17€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
André
5
5 (12 avaliações)
André
25€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Bianca
4,9
4,9 (7 avaliações)
Bianca
10€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Inês
5
5 (7 avaliações)
Inês
20€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Eugénio
5
5 (5 avaliações)
Eugénio
15€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Matheus
5
5 (7 avaliações)
Matheus
15€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
João
5
5 (30 avaliações)
João
20€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Rui
4,9
4,9 (16 avaliações)
Rui
22€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Tomás
5
5 (15 avaliações)
Tomás
17€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
André
5
5 (12 avaliações)
André
25€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Bianca
4,9
4,9 (7 avaliações)
Bianca
10€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Inês
5
5 (7 avaliações)
Inês
20€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Eugénio
5
5 (5 avaliações)
Eugénio
15€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Matheus
5
5 (7 avaliações)
Matheus
15€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Vamos lá

História da linguagem Java ao detalhe

A história da Java começou com Patrick Naughton, Mike Sheridan e James Gosling, um grupo de engenheiros da Sun Microsystems em 1990. Estes engenheiros criaram o Green Project com a intenção de antever a próxima onda na área da tecnologia e chegaram á conclusão que poderiam explorar uma tendência de interligação de redes, onde os dispositivos controlados digitalmente e os objetos poderiam comunicar entre si de forma interativa.

linhas de codigo a subir
Com acesso à tecnologia Java foi possível aos programadores pensarem em novas formas de categorizar dados e objetos, de identificar classes e de definir métodos de criação de conteúdo. Pode dizer-se que gerou uma verdadeira revolução digital. | Fonte: Unsplash.com

Para isso, criaram uma nova linguagem de programação chamada Oak, que permitia desenvolver um sistema que permitisse a comunicação entre objetos diferentes. Com a Oak criaram o *7 (Star Seven ou Estrela Sete), um dispositivo interativo, portátil, com touchscreen que funcionava como um controlador de outros dispositivos elétricos de entretenimento doméstico, como a televisão, por exemplo.

O sucesso da aplicação levou ao desenvolvimento do WebRunner, um navegador que permitia demonstrar as possibilidades que a linguagem Oak oferecia. Mas o sucesso da empresa também trouxe coisas menos boas e a Sun foi obrigada a alterar o nome da Oak, que já era utilizada. Por isso a linguagem Oak passou a Java e e o WebRunner a HotJava.

Numa tentativa de popularizar o navegador e ter a ajuda dos operadores para encontrar possíveis erros na tecnologia, o navegador foi disponibilizado ao público e todos os programadores puderam fazer download de forma gratuita. Depois de testar o software, a comunidade não demorou a proclamar as vantagens da Java e do navegador.

Esse sucesso persistiu até ao dia de hoje e a Java está presente em aplicações de telemóveis, sistemas de banco online, leitores de cartões, sistemas inteligentes e muito mais.

Importância da Java no mundo digital

A internet é das invenções mais importantes do último século. Com ela temos acesso a todo o tipo de informação, podemos interiorizar sobre qualquer assunto através de cursos e aulas online, podemos comunicar com qualquer pessoa num canto qualquer do mundo e muito mais. Isso mudou para sempre o nosso estilo de vida e os nossos hábitos.

Mas não era bem assim antes de existir a Java. Antes desta linguagem existir, a forma como os navegadores da internet funcionavam era bastante diferente, com muito menos interatividade. Foi com a aplicação da Java que os operadores tiveram um vislumbre daquilo que podia ser o futuro da tecnologia, e o facto de ter sido disponibilizada de forma gratuita a todos os programadores levou a que fosse utilizada no desenvolvimento de muitas invenções e aplicações que utilizamos no dia de hoje.

Por isso podemos afirmar que sem Java, os navegadores e as aplicações que utilizamos hoje em dia teriam provavelmente um aspeto e funcionamento muito diferentes e alguns talvez nem existissem.

Os melhores professores de Programação disponíveis
João
5
5 (30 avaliações)
João
20€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Rui
4,9
4,9 (16 avaliações)
Rui
22€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Tomás
5
5 (15 avaliações)
Tomás
17€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
André
5
5 (12 avaliações)
André
25€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Bianca
4,9
4,9 (7 avaliações)
Bianca
10€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Inês
5
5 (7 avaliações)
Inês
20€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Eugénio
5
5 (5 avaliações)
Eugénio
15€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Matheus
5
5 (7 avaliações)
Matheus
15€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
João
5
5 (30 avaliações)
João
20€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Rui
4,9
4,9 (16 avaliações)
Rui
22€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Tomás
5
5 (15 avaliações)
Tomás
17€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
André
5
5 (12 avaliações)
André
25€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Bianca
4,9
4,9 (7 avaliações)
Bianca
10€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Inês
5
5 (7 avaliações)
Inês
20€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Eugénio
5
5 (5 avaliações)
Eugénio
15€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Matheus
5
5 (7 avaliações)
Matheus
15€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Vamos lá

Razões para fazer um curso de Java

A  verdade é que existem vários motivos para aprender a programar ou fazer um curso. A programação tem uma grande utilidade nas tarefas do nosso quotidiano ou até mesmo no ambiente de trabalho. Não é de espantar que nos últimos tempos se veja um aumento da procura de trabalhadores com capacidades informáticas, que sejam capazes de reconhecer a estrutura ou classe de uma interface, de criar conteúdos web e trabalhar no desenvolvimento de linguagem digital.

computador preto com janela
São várias as razões para obter mais sobre desenvolvimento de conteúdo digital e manipulação de dados online num dos cursos existentes no país, mas uma delas é certamente poder seguir carreira profissional na área da tecnologia e da World Wide Web. | Fonte: Unsplash.com

Um programador é capaz de desenvolver equipamentos que realizem as tarefas que preferir, criar algoritmos para resolver cálculos matemáticos ou conseguir comunicar com os seus eletrodomésticos com um smartwatch, por exemplo. Este conhecimento permite que consiga criar diversos softwares, que podem facilitar bastante a sua vida.

Por esse motivo, ser programador traz várias oportunidades de emprego. Pode ser web designer, engenheiro informático ou técnico de informática, entre outras coisas. A quantidade de vagas disponíveis para profissionais que trabalham com tecnologia continua a aumentar e não é de espantar.

Além disso, qualquer pessoa pode aprender a programar. A Java é fácil de compreender e é grátis, o que significa que é acessível a qualquer um.

Diferenças entre Java e JavaScript

Um programador experiente sabe que quando falamos em Java e em JavaScript nos estamos a referir a duas coisas muito diferentes. Mas para quem ainda está a dar os primeiros passos no desenvolvimento de tecnologia e de estrutura e conteúdo web, isto pode ser uma novidade.

As duas linguagens não têm muito em comum,  apenas a sintaxe dos comandos, ou seja, a forma como eles são escritas e utilizadas, é semelhante. Na verdade, existem várias diferenças entre uma e outra, desde as variáveis que são utilizadas para programar, à utilização final até à complexidade do código. Seguem-se alguns exemplos dessas diferenças.

Linguagem de programação vs. linguagem de scripting

Java é uma linguagem de programação, enquanto que a JavaScript é uma linguagem de "scripting". Isto que dizer que não é compilada e executada, porque a sua execução depende do navegador.

Linguagem orientada a objetos vs. linguagem procedimental

A Java é uma linguagem orientada a objetos, ou seja, aplicações que são independentes de outro software ou hardware. Pelo contrário, a JavaScript não é orientada a objetos, e não permite a definição de classes como na Java, com estrutura e implementação de várias interfaces. É uma linguagem mais livre e criativa e é, por isso, recomendada para apps e websites.

Linguagem strongly-typed vs. linguagem weakly-typed

Dependendo do quão restritas são as regras de escrita, as linguagens podem ser classificadas como strongly-typed ou weakly-typed. Em Java, todas as variável têm de ser declaradas e definidas antes de serem utilizadas, garantindo que o seu tipo é especificado. Depois de definida como um certo tipo, a variável não pode ser mudada.

Em JavaScript não existem tipos de variáveis e estas podem receber qualquer tipo de valor, seja ele numérico ou uma cadeia de caracteres. Desde que a operação faça sentido, é possível aplicar operações ou funções a variáveis com tipos diferentes dos iniciais.

linhas de codigo laranja
Existem várias diferenças entre Java e JavaScript, desde os tipos das variáveis, as classes e estrutura das interfaces e as regras da sintaxe da linguagem. Por isso tenha cuidado quando estiver a pesquisar os cursos! | Fonte: Undplash.com

Variáveis primitivas vs. de referência

Em Java as variáveis podem ser classificadas como primitivas ou de referência. Os tipos primitivos são numéricos enquanto que as variáveis de referência são definidas pelo programa. Podem ser classes ou interfaces e grande parte da programação em Java passa por definir os tipos de variáveis que se deve utilizar.

Por outro lado, em JavaScript as variáveis não têm que ser classificadas e portanto este distinção é indiferente à linguagem.

Complexidade vs. simplicidade

Escrever e executar programas em JavaScript é muito mais simples e fácil do que em Java. Isto porque mm Java é necessário conhecer as classes que compõem as interfaces gráficas que permitem a interação e controlo do programa pelo usuário e só com conhecimento desses métodos é que é possível integrar o acesso a recursos de interação nos programas.

Onde fazer um curso de Java e quanto pagar?

Saber utilizar a linguagem Java traz inúmeras vantagens e, portanto, existem cada vez mais opções para cada aluno que queira aprender a programar e trabalhar com a estrutura dos dados e as classes das interfaces.

Existem muitos alunos que ponderam estudar de forma autodidata, mas também pode optar por contratar um professor particular e ter uma aula de desenvolvimento web, ingressar num curso superior numa universidade ou num curso profissional numa escola ou centro de formação.

maos a escrever codigo
Existem várias opções para estudar Java nas várias cidades do país. Pode optar por uma aula de desenvolvimento web, ingressar num curso superior numa universidade ou num curso profissional numa escola ou centro de formação. Qualquer um deles lhe dará acesso ao certificado de programador. | Fonte: Pixabay.com

Qualquer uma das opções é válida, mas com o apoio e acompanhamento de um profissional certificado, vai conseguir desenvolver os seus conhecimentos informáticos e melhorar as suas capacidades digitais. Se tiver um professor que o possa auxiliar nas dificuldades que vai encontrar, terá muito maior hipótese de alcançar sucesso e atingir todas as suas metas.

Na plataforma da Superprof encontra profissionais com elevados níveis de formação e experiência disponíveis para lhe dar aulas. Experts em informática, mas com competências específicas distintas, o que permite que possa escolher o profissional que melhor se adequa à área da tecnologia que quer estudar.

O valor que vai ter que despender depende do tipo de curso que escolher e das aulas que quiser ter. O custo varia de acordo com a formação do professor, o nível de experiência do aluno e localização das aulas (presencial ou online). Pode encontrar aulas desde 8€ a 40€, dependendo da cidade onde se encontra e o tipo de aula.

Pronto para começar a aprender programação?

>

A plataforma que conecta profes particulares e alunos

1ª aula gratuita

Gostou deste artigo? Deixe a sua avaliação!

5,00 (1 note(s))
Loading...

Catarina

Eterna otimista, com um bichinho por viajar. Apaixonada por literatura e ficção. Metro e meio de pessoa, vivo pelo lema "Though she be but little, she is fierce". Trabalho atualmente como tradutora e redatora freelancer.