Já decidiu que quer partilhar os seus conhecimentos sobre uma determinada matéria ou disciplina nos seus tempos livres, certo? Então, somos da opinião que tem de ter em conta qual a importância das aulas de apoio escolar e qual o tipo de aula que vai realizar.

Independentemente da disciplina que vai ensinar, seja ela português, matemática, história e geografia, ou até desenho, tem de ter em conta que possuir conhecimentos sólidos sobre essa mesma disciplina é fundamental para um progresso notório na aprendizagem do seu aluno.

Para além disto, e não menos importante, deve saber que o tipo de aula que vai exercer vai, por consequência influenciar os métodos pedagógicos a adotar, assim como a sua rentabilidade financeira.

Quer saber mais sobre este assunto? Leia este artigo! Temos certeza que vai ficar esclarecido!

Os melhores professores de Explicações disponíveis
1ª aula grátis!
Eulália marques
5
5 (3 avaliações)
Eulália marques
7€
/h
1ª aula grátis!
Isabel
4,9
4,9 (8 avaliações)
Isabel
6€
/h
1ª aula grátis!
Pedro
5
5 (15 avaliações)
Pedro
13€
/h
1ª aula grátis!
Samuel
5
5 (14 avaliações)
Samuel
3€
/h
1ª aula grátis!
Sandra
5
5 (30 avaliações)
Sandra
9€
/h
1ª aula grátis!
Eugénia
5
5 (5 avaliações)
Eugénia
10€
/h
1ª aula grátis!
Susana
5
5 (10 avaliações)
Susana
10€
/h
1ª aula grátis!
Francisco
5
5 (15 avaliações)
Francisco
15€
/h
1ª aula grátis!
Eulália marques
5
5 (3 avaliações)
Eulália marques
7€
/h
1ª aula grátis!
Isabel
4,9
4,9 (8 avaliações)
Isabel
6€
/h
1ª aula grátis!
Pedro
5
5 (15 avaliações)
Pedro
13€
/h
1ª aula grátis!
Samuel
5
5 (14 avaliações)
Samuel
3€
/h
1ª aula grátis!
Sandra
5
5 (30 avaliações)
Sandra
9€
/h
1ª aula grátis!
Eugénia
5
5 (5 avaliações)
Eugénia
10€
/h
1ª aula grátis!
Susana
5
5 (10 avaliações)
Susana
10€
/h
1ª aula grátis!
Francisco
5
5 (15 avaliações)
Francisco
15€
/h
1ª aula gratuita>

Ser professor particular ou explicador privado

As explicações privadas são talvez o modelo de aulas de apoio ao estudo mais conhecido e requisitado pelos alunos em Portugal. Porém relembramos que é importante saber como dar aulas particulares ou explicações ao domicílio.

Este tipo de acompanhamento escolar é individual e personalizado, e pode ser feito numa sala alugada pelo professor, num espaço público como um café, ou ainda na casa do aluno ou do professor.

O explicador particular dispõe de um ensino mais personalizado.
O explicador particular deve estar totalmente focado nas necessidades do aluno.| Fonte: Pexels

A duração de cada aula e a frequência semanal ou mensal deve ser acordada entre o tutor e o aluno, consoante as necessidades do aluno e a disponibilidade do professor. Porém, com o decorrer da aprendizagem, o aluno e o professor podem alterar a regularidade das aulas de apoio escolar, caso a aprendizagem por parte do aluno esteja a ser feita com maior ou menor rapidez.

Neste tipo de ensino, o explicador está com total atenção à personalidade e às dificuldades do aluno em questão e, por consequência, vai desenvolver técnicas e metodologias pedagógicas adequadas que vão otimizar o tempo de estudo, assim como a ajudar o aluno a consolidar os conhecimentos de uma forma dinâmica e motivadora.

Por outro lado, o tutor deve estar preparado para que o formando coloque dúvidas sobre futuras saídas profissionais, qual a melhor carreira profissional a seguir e qual a faculdade ou universidade que ele deve frequentar para obter um curso sólido na área em questão. Não se esqueça que, para o seu aluno, será também uma figura de exemplo a seguir pela sua atitude e postura.

Assim, existem vários meios para conseguir ser professor privado ou explicador. Deixamos aqui alguns exemplos:

  • inscrever-se em plataformas de aulas de apoio escolar: pode inscrever-se em plataformas como a Superprof, onde estão também inscritos muitos alunos que aguardam pela sua ajuda para obterem o sucesso escolar tão desejado;
  • apresentar a sua candidatura espontânea em escolas e centros de explicações: sendo que, é preciso ter em conta que neste tipo de instituições, é requerida uma formação académica superior e mais especializada;
  • divulgar os seus serviços através da internet e redes sociais: este talvez seja o método mais autónomo e rápido. Pode começar já a divulgar as suas aptidões enquanto tutor nas suas redes sociais. Temos certeza que existe algum amigo ou familiar que vai requisitar ou recomendar os seus serviços.

Para além disso, sabe quais são os requisitos para dar aulas de apoio escolar?

Dar aulas de grupo em centros de explicações

Dar aulas de grupo em centros de explicações requer, por norma, mais dependência (de uma entidade patronal) do que se trabalhar autonomamente como explicador. Isto significa que, prestando este tipo de serviço, o tutor está seguro de que os seus rendimentos não dependem de quantos alunos terá em cada aula e, caso usufrua de um contrato de trabalho, está protegido relativamente aos seus direitos e deveres.

Contudo, e como já foi referido, neste tipo de instituições, as qualificações do futuro professor são sempre avaliadas e normalmente, são contratados, os explicadores que têm um curso superior especializado nalguma disciplina ou possuem algum dos cursos necessários para dar explicações.

Dar aulas num centro de explicações é gratificante.
Dar aulas num centro de explicações é gratificante porque o tempo letivo torna-se um lugar de partilha de conhecimentos e dúvidas. | Fonte: Pexels

Nos centros de estudo, as aulas de apoio escolar são realizadas em pequenos grupos de, no máximo, dez alunos. E embora este tipo de aulas seja menos personalizado do que as aulas particulares ao domicílio, há aqui também espaço para todos os alunos participarem e exprimirem as suas dúvidas e maiores dificuldades.

Neste tipo de ensino, o professor enfrentará vários desafios, entre os quais:

  • interiorizar e perceber as dúvidas de todos os seus alunos;
  • responder a essas mesmas dúvidas em tempo útil e satisfatório para os seus alunos;
  • conseguir captar a atenção de todos os seus alunos, através dos métodos pedagógicos adotados.

Somos da opinião que, nas explicações dos centros de estudo, o professor deve assumir o papel de mediador, encorajando os alunos a interagirem uns com os outros, a responderem às questões que surgirem e, ainda, alimentar o debate sobre o tema ou questão que surgir nessa mesma aula. Aqui os alunos possuem mais liberdade para explorar as suas ideias e pontos de vista, porém, há que estabelecer e garantir que esta partilha de ideias e saberes é feita de forma organizada para que os conhecimentos sejam bem consolidados.

Por fim, queremos deixar claro que neste tipo de acompanhamento, os resultados podem aparecer de forma mais lenta, sendo que, é de conhecimento geral que as aulas de apoio escolar em grupo pressupõem uma aprendizagem a longo prazo e por isso deve ter objetivos diferentes das aulas de apoio ao estudo particulares.

Dar aulas de apoio escolar online

Depois de fazer o seu plano de tutoria ou passar por todas as etapas para poder dar aulas de apoio escolar, deve concentrar-se no tipo de ensino que pretende oferecer. E, dito isto, deve ter em conta que as aulas de apoio escolar online estão a ganhar cada vez mais importância no mercado das explicações porque:

  • são mais cómodas, tanto para o professor, como para o aluno;
  • são por vezes mais dinâmicas devido a alguns meios digitais adotados pelo professor para passar os seus conhecimentos;
  • facilitam a otimização do tempo pois aluno e professor não precisam de contabilizar a duração das deslocações até ao espaço da aula;
  • funcionam e respondem, na maior parte das vezes, às expectativas do aluno.
As aulas de apoio escolar online estão a ganhar cada vez mais importância no mercado das explicações.
As aulas de apoio escolar online estão a ganhar cada vez mais importância no mercado das explicações porque são muito cómodas tanto para o explicador como para o aluno. | Fonte: Pixabay

Assim, podemos dizer que este tipo de acompanhamento escolar é também indicado para quem quer aperfeiçoar os seus conhecimentos numa determinada disciplina ou ainda para quem quiser preparar-se para ume exame de entrada para o ensino superior.

E, para que as aulas de apoio escolar online sejam realizadas com sucesso, o professor deve:

  • certificar-se que tem uma boa conexão à internet;
  • que o seu sistema de som e o microfone estão a funcionar perfeitamente;
  • garantir que está num local bem iluminado;
  • garantir que o aluno sabe a duração e qual o horário das aulas online;
  • garantir que tem todo o material necessário perto de si, para que não existam quebras na comunicação;
  • fornecer ao formando materiais e métodos de estudo digitais e dinâmicos para que este fique motivado a frequentar as aulas.

Neste tipo de ensino, são muitas vezes utilizados como ferramentas de apoio, os cursos ou mini-aulas disponíveis em plataformas de vídeo que, podem ajudar a esclarecer aquelas "dúvidas de última hora" ou então, que conseguem fazer um resumo da matéria aprendida num certo espaço de tempo. No entanto, é preciso ter em conta quais os conhecimentos importantes a reter, após uma análise detalhada da fonte de informação e dos comentários de outros visualizadores.

Aulas de apoio ao estudo nas escolas

As aulas de apoio ao estudo nas escolas podem funcionar de dois modos: como tempo letivo extra onde o aluno expõe as suas dificuldades relativamente a uma ou várias disciplinas e o tutor vai incidir a sua atenção nas dúvidas expostas; ou como tempo extra curricular onde o aluno pode fazer os seus trabalhos de casa e, por consequência, exprimir algumas dúvidas ou questões que surgiram, entretanto.

É possível dar aulas de apoio ao estudo nas escolas.
As aulas de apoio ao estudo na escola podem ser um espaço de aperfeiçoamento de conhecimentos ou um momento em que o aluno pode fazer os trabalhos para casa. | Fonte: Pexels

É preciso ter em conta que nem todas as escolas, quer públicas, quer privadas, usufruem e dispõem deste tipo de serviços e normalmente é cobrado um valor extra por este tipo de serviço.

Neste tipo de acompanhamento escolar é também exigido que o professor tenha uma formação especializada ou um curso superior e o tutor vai estar também dependente de uma entidade patronal que ditará os seus deveres e direitos.

Aqui as aulas de apoio escolar podem ser dadas de forma individual, caso sejam focadas nas necessidades e dificuldades de um aluno em específico ou em grupo, caso se tratem de aulas extra curriculares onde os alunos têm oportunidade para realizar os trabalhos para casa.

Assim, esperemos que depois desta análise pormenorizada de todos os tipos de ensino de apoio escolar, tenha decidido inscrever-se na Superprof! A sua inscrição na nossa plataforma é totalmente gratuita e temos certeza que vai ajuda-lo a perceber como divulgar os seus serviços de explicador e vai permitir que encontre rapidamente um ou mais alunos com quem partilhar os conhecimentos da sua disciplina favorita!

Precisa de um professor de Explicações ?

Gostou deste artigo?

5,00/5 - 1 voto(s)
Loading...

Marília

Sou licenciada em História da Arte e Mestre em Estudos Artísticos, na vertente de Teoria e Crítica da Arte. No passado, escrevi também alguns artigos para a revista Umbigo (online) e criei e geri todos os conteúdos da plataforma pensarte.pt.