Albert Einstein percebeu desde cedo que "a tarefa essencial do professor é despertar a alegria de trabalhar e de conhecer" e esta frase resume em poucas palavras qual a tarefa básica dos explicadores ou dos professores de reforço escolar.

Em Portugal existem muitos locais onde poderá aprender como dar lições de apoio de reforço. Porém, antes de começar a sua formação académica, deve ter em mente quais os seus objetivos com este tipo de atividade. E podem ser vários:

  • conseguir um rendimento complementar outras atividades profissionais;
  • trabalhar a tempo inteiro como professor de reforço escolar ao domicílio ou numa escola;
  • ganhar alguma experiência profissional no âmbito do acompanhamento estudantil;
  •  partilhar o seu conhecimento sobre alguma disciplina ou matéria específica e ainda ajudar melhorar as notas dos estudantes.

Contudo, e independentemente da sua motivação para exercer este tipo de função, deve saber que este tipo de trabalho exige acompanhamento, esforço e dedicação e não pode ser concretizado na base do improviso.

Queremos com isto dizer que, a transmissão de conhecimento exige habilidades essenciais e específicas, tais quais: o compromisso, a organização, o saber ouvir, a empatia e a tolerância.

Quais são as habilidades necessárias para dar aulas num centro de explicações?
Existem competências humanas que são essenciais para ser ao grupo dos explicadores de sucesso. | Fonte: Unsplash

Relativamente às habilidades técnicas, e caso queira fazer desta atividade, a sua profissão principal, deverá frequentar um dos cursos para explicadores uma vez que, o facto de ter uma formação académica mais específica e especializada vai permitir que o valor das suas aulas particulares seja mais elevado do que, por exemplo, as aulas de apoio ao estudo em que o tutor é um aluno que está neste momento a frequentar o ensino secundário.

Assim, somos da opinião que a atividade de professor de reforço escolar é uma das mais desafiantes que existe, pois para além de estar em constante aprendizagem, o explicador deve ser também o modelo exemplar (enquanto docente e humano) para o seu aluno.

Acha que tem tudo isto e que pode ser um excelente explicador e trabalhar numa escola? Se ainda não tem certeza disso, aconselhamos que leia este artigo. Está pronto? Vamos lá!

Os melhores professores de Explicações disponíveis
Pedro
5
5 (17 avaliações)
Pedro
15€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Isabel
4,9
4,9 (8 avaliações)
Isabel
6€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Francisco
5
5 (29 avaliações)
Francisco
15€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Sandra
5
5 (30 avaliações)
Sandra
9€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Marta
5
5 (8 avaliações)
Marta
8€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Francisco
5
5 (15 avaliações)
Francisco
15€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Jorge
5
5 (5 avaliações)
Jorge
5€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Susana
5
5 (10 avaliações)
Susana
11€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Pedro
5
5 (17 avaliações)
Pedro
15€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Isabel
4,9
4,9 (8 avaliações)
Isabel
6€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Francisco
5
5 (29 avaliações)
Francisco
15€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Sandra
5
5 (30 avaliações)
Sandra
9€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Marta
5
5 (8 avaliações)
Marta
8€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Francisco
5
5 (15 avaliações)
Francisco
15€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Jorge
5
5 (5 avaliações)
Jorge
5€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Susana
5
5 (10 avaliações)
Susana
11€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Vamos lá

Partilhar e acompanhar: as funções básicas dos explicadores

As aulas de apoio escolar são um momento mais intimista de partilha de conhecimento entre o professor o aluno e este é um dos benefícios das aulas de reforço. Esta ideia é valida em todas as circunstâncias, ou seja, quer o aluno se encontre em fase de superação de dificuldades escolares ou simplesmente tenha a intenção de melhorar a sua média académica.

Assim sendo, gostar de transmitir e partilhar os seus conhecimentos é uma qualidade fundamental para a profissão de professor ou explicador particular. Esta habilidade permite, em primeiro lugar, que o aluno obtenha a aprendizagem e desenvolvimento esperado, de forma clara, objetiva e rigorosa. E em segundo lugar, ao constatar a evolução do seu aluno, o professor vai sentir-se certamente realizado com todo este processo e pelo facto de estar a conseguir a ajudar o seu estudante a ultrapassar a sua maior dificuldade.

Somos da opinião que, este prazer pela partilha dos conhecimentos e a vontade de acompanhamento por parte do professor, vai ser notado pelos seus alunos e este fator, aliado à sua comunicação clara e objetiva, vão facilitar e agilizar a aprendizagem dos seus alunos.

Isto significa que, ter muitos conhecimentos técnicos não chega para conseguir ajudar a melhorar as notas dos seus formandos! É necessário possuir certas habilidades humanas como a empatia, o altruísmo e a dedicação para garantir o sucesso escolar  e o melhoramento das notas dos seus alunos!

As aulas online também incluem o acompanhamento por parte do explicador.
Nas aulas online, o explicador deve estar apto a partilhar o seu conhecimento assim como a acompanhar o aluno no seu percurso escolar. | Fonte: Pexels

Para além disto, temos a certeza que o seu empenho e a vontade de acompanhar o percurso escolar dos seus alunos vai, por consequência ajudá-lo a criar uma relação amigável com os seus formandos e é de opinião geral que, a boa relação entre formador e formando é um fator muito importante para a aprendizagem.

Não obstante, aconselhamos que seja ainda carismático, sorridente, e criativo para que todas as suas aulas sejam um bom momento quer para si, como para quem está a usufruir do seu acompanhamento. Só assim vai conseguir ajudar os seus formandos!

E agora, está pronto para descobrir qual o caminho a percorrer para dar lições de reforço ao estudo?

Pedagogia e Paciência: as palavras-chave do explicador

Pedagogia e paciência são as palavras-chave na atitude diária do explicador. E porquê? Porque em primeiro lugar, deve lembrar-se que para além de professor, vai ser considerado também numa figura exemplar do aluno. E em segundo lugar, deve lembrar-se que todas as pessoas têm dificuldades diferentes e por consequência, ritmos de aprendizagem diferentes.

Assim, consideramos que paciência é essencial para este tipo de profissão pois manter a calma é fundamental para a realização de um momento letivo leve, descontraído e produtivo.  Lembre-se, mais uma vez, que a sua atitude vai ser constantemente avaliada e tida em conta pelos seus alunos e que esta influenciará inconscientemente o decorrer das aulas e por consequência, o aproveitamento escolar dos seus formandos.

Para além disto, deve ser persistente e resiliente, e ter em conta que o progresso do estudante é um caminho longo a percorrer e deve ser transparente com o seu aluno. Ou seja, deve explicar-lhe que os resultados esperados podem demorar a aparecer e que apesar de todas as dificuldades que possam surgir, não o vai deixar desistir!

Além de ser paciente, carismático, inteligente, gentil e empático, deve também debruçar-se sobre os seus métodos de pedagogia pois serão as técnicas de ensino adotadas que o ajudarão a atrair cada vez mais alunos e por consequência, a aumentar os seus rendimentos com esta profissão.

A palavra pedagogia incluem um conjunto de atividades, princípios, métodos e estratégias de ensino e os professores devem dominar essas técnicas que são muitas e variadas, especialmente nos dias de hoje, devido às novas tecnologias.

O sucesso escolar depende da pedagogia do explicador.
A pedagogia adotada nas aulas de apoio ao estudo vai ser determinante no sucesso escolar do aluno.| Fonte: Pexels

Dito isto, consideramos que a sua função como professor ou explicador privado é adicionar criatividade, entusiasmo e dinamismo às suas aulas e às atividades propostas em tempo letivo. E lembre-se: a abordagem pedagógica que vai utilizar vai ser a sua imagem de marca para atrair novos e diferentes públicos!

Se ainda tem dúvidas sobre quais as modalidades de ensino particular que existem, aconselhamos que leia o nosso texto sobre os tipos de explicações e de aulas de apoio ao estudo. Temos certeza que vai ajudá-lo a decidir se quer dar acompanhamento numa escola ou de forma particular!

Flexibilidade e empatia: virtudes essenciais do apoio escolar online

Se ainda não decidiu se vai partilhar os seus conhecimentos sobre matemática, línguas ou ciências fisico quimicas mas quer que as suas aulas de apoio escolar ou explicações sejam um momento gratificante para si e para os seus alunos, saiba que tem de se mostrar uma pessoa empática e flexível.

Isto significa que, independentemente da disciplina que vai lecionar, deve estar preparado para ouvir as dificuldades específicas de cada aluno e a preparação das suas aulas deve ser personalizada e singular. Ou seja, deve ser realizada, tendo por base o esclarecimento das preocupações do seu formador.

Esta ideia também é válida se tiver no mesmo momento (mas em tempos letivos diferentes), dois alunos a aperfeiçoar os seus conhecimentos na mesma disciplina. Nesta situação, deve ter em conta que, apesar do conteúdo poder ser o mesmo ou semelhante, a abordagem pedagógica utilizada em cada aula será diferente e personalizada, pois cada aluno possui as suas próprias necessidades e dúvidas específicas.

Assim, e embora não seja estritamente necessário frequentar um curso para dar explicações num centro de estudos ou ao domicílio, ser professor particular exige uma capacidade significativa de adaptação uma vez que deve ser capaz de ajustar rapidamente a sua metodologia de acordo com o desafio apresentado pelo aluno.

Dito isto, pensamos que ser flexível é uma das virtudes essenciais para a realização desta atividade e esta é uma aptidão que pode obter durante a sua formação como professor ou através de suas experiências pessoais.

Porém, nunca que se esqueça que juntamente com a progressão da aprendizagem do aluno, surgem novas necessidades. Isto significa que, apesar do formando já estar esclarecido sobre as dúvidas que o trouxeram até si, pode querer continuar a frequentar os seus serviços de apoio ao estudo para se preparar para um exame nacional ou para garantir o seu sucesso escolar até ao final do ano letivo. E nestes casos, o professor deve estar pronto e mostrar-se entusiasmado para o alcance de novas metas de aprendizagem!

O apoio pedagógico é um caminho lento e de pequenos progressos.
Não se esqueça que o apoio pedagógico deve ser dado nas explicações uma forma contínua, empática, flexível e resiliente. | Fonte: Pexels

Para além da flexibilidade e a capacidade de adaptação a diferentes públicos com variadas dúvidas, os explicadores devem também ser empáticos e tentar compreender qual a origem e a razão das dúvidas dos seus alunos, para que o aproveitamento do tempo letivo seja feito da melhor forma e com a maior eficácia.

Já percebeu que tem todas as características necessárias para ser um explicador exemplar mas não sabe como divulgar as suas aulas de apoio escolar? Visite o site da Superprof e inscreva-se! Na nossa plataforma vai encontrar muitos alunos com diferentes objetivos e questões, que o ajudarão começar esta viagem pela partilha do conhecimento!

Estamos à sua espera e garantimos que vai valer a pena!

>

A plataforma que conecta profes particulares e alunos

1ª aula gratuita

Gostou deste artigo? Deixe a sua avaliação!

5,00 (1 note(s))
Loading...

Marília

Sou licenciada em História da Arte e Mestre em Estudos Artísticos, na vertente de Teoria e Crítica da Arte. No passado, escrevi também alguns artigos para a revista Umbigo (online) e criei e geri todos os conteúdos da plataforma pensarte.pt.