A história é uma das disciplinas mais importantes e estudadas no panorama do ensino português. Não é para menos! Trata-se de uma das ciências humanas e sociais mais importantes.

São vários os cursos de ensino superior que pedem o exame de história como prova de acesso. Existem várias licenciaturas dedicadas aos estudos da história, espalhadas por quase todas as faculdades de letras e de ciências sociais das universidades do país.

Em Portugal, uma boa formação nesta disciplina é essencial. Com quase 900 anos de história, Portugal possui um património cultural riquíssimo. Contudo, a República Portuguesa é relativamente recente, sendo a Monarquia o sistema político que mais tempo vigorou no nosso país.

Desde o nascimento do Reino de Portugal até à instauração da República, já muitos livros de investigação foram escritos sobre o nosso país. Durante este período, viveu-se no sistema da Monarquia Portuguesa.

Se pretende investir na sua formação e cultura geral, fazer ingresso num curso de letras, ou apenas melhorar os seus conhecimentos sobre a política e o passado cultural português, é importante que conheça todos os principais momentos da Monarquia Portuguesa. Saiba mais sobre um curso historia e o que precisa saber sobre República Portuguesa.

aprender muito sobre a Monarquia
Nos livros de história, os estudantes podem aprender muito sobre a Monarquia Constitucional Portuguesa. | Fonte: Pexels

Sabia que poderá investir num curso de historia na Superprof? Irá aprender mais sobre o fim da monarquia em Portugal, estudar os vários periodos da historia e também se preparar para as provas de aferição 5 ano historia e geografia de Portugal, exames historia a ou cada teste de historia que realizar.

Os melhores professores de História disponíveis
Gabriel
4,9
4,9 (12 avaliações)
Gabriel
10€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Inês cavadas
5
5 (16 avaliações)
Inês cavadas
12€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Sandra
5
5 (30 avaliações)
Sandra
9€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Isabel
4,9
4,9 (7 avaliações)
Isabel
8€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Filipa
5
5 (8 avaliações)
Filipa
15€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Fabricio
5
5 (13 avaliações)
Fabricio
6€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Maria otília
5
5 (5 avaliações)
Maria otília
13€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Diana raquel
5
5 (6 avaliações)
Diana raquel
9€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Gabriel
4,9
4,9 (12 avaliações)
Gabriel
10€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Inês cavadas
5
5 (16 avaliações)
Inês cavadas
12€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Sandra
5
5 (30 avaliações)
Sandra
9€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Isabel
4,9
4,9 (7 avaliações)
Isabel
8€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Filipa
5
5 (8 avaliações)
Filipa
15€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Fabricio
5
5 (13 avaliações)
Fabricio
6€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Maria otília
5
5 (5 avaliações)
Maria otília
13€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Diana raquel
5
5 (6 avaliações)
Diana raquel
9€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Vamos lá

Aulas de história: caracterização da sociedade no sistema antes da República

Entre alguns dos motivos que levaram à queda da Monarquia, os sociais destacam-se. Por um lado, existia uma burguesia que tinha uma qualidade de vida boa, enquanto todos os que pertenciam ao povo vivam com muitas dificuldades. As suas condições de vida eram deficitárias, os impostos a pagar eram elevados, estavam permanentemente em risco de irem para o desemprego e as taxas de analfabetismo eram muito elevadas. O povo vive em permanente agitação e com uma ausência total de liberdade. Por um lado, existia uma sociedade extremamente rural e, por outro lado, os políticos criavam uma classe urbana e instruída.

Invista em cursos de história para saber mais
Os estudantes devem invistir em cursos de história para saber mais sobre o seu passado. | Fonte: Pexels

Invista num curso historia online ou presencial e descubra mais sobre todo o seu património cultural, política, arqueologia, historia medieval e até sobre disciplinas como filosofia, já que está tudo interligado. Faça uma pesquisa no site da Superprof e leia a apresentação de cada professor de história. Isto depois de saber mais sobre o curso de historia e tudo sobre a Primeira República.

Eventos marcantes no sistema antes da República a aprender com professora de historia

A história, política e património de Portugal estão repletas de eventos memoráveis, alguns dos mais extraordinários pertencentes à monarquia. Muitos deles estão representados no centro da arte nacional e são, ainda hoje, objeto de estudos em várias faculdades, com cursos de ensino superior inteiramente dedicados à sua investigação e pesquisa. Descubra os mais marcantes e aumente a sua cultura:

  • Constituição de 1822, aprovada na sequência da Revolução Liberal de 1820, dá início à história do parlamentarismo constitucional português. Inicia-se a Monarquia Constitucional em Portugal.
  • Em 1822, Portugal perdeu a sua primeira colónia, o Brasil.
  • Em 1884 - 1885, decorreu a Conferência de Berlim onde os países mais desenvolvidos decidiram que os territórios africanos seriam dos países com maiores meios económicos, políticos e demográficos. Portugal parte para a ocupação e exigia Angola e Moçambique.
  • Criação do Partido Republicano Português em 1876 que tinha como objetivo substituir a Monarquia pela República. Conta com o apoio da pequena e média burguesia e de todo o operariado descontente.
  • Existem cada vez mais revoltas contra o regime monárquico, como a de 31 de Janeiro de 1891.
  • 1 de Fevereiro de 1908 é assassinado o rei D. Carlos e o príncipe herdeiro Luís Filipe. D. Manuel II com apenas 19 anos sucede ao trono.
trazer imensa prosperidad
A época dos Descobrimentos acabou por trazer imensa prosperidade. Em plena Monarquia Constitucional Portuguesa, Portugal já era um país falido e com extremas dificuldades. | Fonte: Pexels

Está a preparar o ingresso no ensino superior? Se sonha com o dia em que irá entrar na universidade para tirar a licenciatura com que tanto sonha, está na altura de investir nos estudos com cursos de historia de arte em Lisboa, história medieval ou aulas de história mais gerais. Irá surpreender-se com a quantidade de matérias que irá aprender, como a arqueologia, relações internacionais, ciências humanas, etc. Informe-se sobre o curso historia e o essencial sobre Segunda República.

Os melhores professores de História disponíveis
Gabriel
4,9
4,9 (12 avaliações)
Gabriel
10€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Inês cavadas
5
5 (16 avaliações)
Inês cavadas
12€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Sandra
5
5 (30 avaliações)
Sandra
9€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Isabel
4,9
4,9 (7 avaliações)
Isabel
8€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Filipa
5
5 (8 avaliações)
Filipa
15€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Fabricio
5
5 (13 avaliações)
Fabricio
6€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Maria otília
5
5 (5 avaliações)
Maria otília
13€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Diana raquel
5
5 (6 avaliações)
Diana raquel
9€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Gabriel
4,9
4,9 (12 avaliações)
Gabriel
10€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Inês cavadas
5
5 (16 avaliações)
Inês cavadas
12€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Sandra
5
5 (30 avaliações)
Sandra
9€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Isabel
4,9
4,9 (7 avaliações)
Isabel
8€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Filipa
5
5 (8 avaliações)
Filipa
15€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Fabricio
5
5 (13 avaliações)
Fabricio
6€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Maria otília
5
5 (5 avaliações)
Maria otília
13€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Diana raquel
5
5 (6 avaliações)
Diana raquel
9€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Vamos lá

Curso historia: personagens que se destacaram no sistema antes da República

A cultura portuguesa é protagonizada por um vasto número de personalidades que se destacaram nos panoramas internacionais. Da Monarquia portuguesa, são imensos os nomes que deverá conhecer se pretende investir na sua formação. Fique a conhecer melhor alguns dos mais icónicos e realize uma pesquisa, se pretender reunir mais informação:

  • D. Pedro, filho primogénito de D. João VI, proclama a independência do Brasil. Também exige a aceitação do seu irmão D. Miguel como o herdeiro legítimo do trono.
  • Rodrigues de Freitas, Manuel de Arriaga, Consiglieri Pedroso, Latino Coelho, Bernardino Machado, Afonso Costa, Alexandre Braga, Brito Camacho são alguns deputados republicanos que em diversos momentos chegaram às Cortes.
  • Existiram vários ministros durante toda a Monarquia Constitucional, como duques de Palmela e da Terceira, Silva Carvalho, António José de Ávila.
  • Muitos presidentes do Conselho de Ministros repetiram o seu mandato, como o marquês/duque de Loulé, o marquês de Sá da Bandeira, o conde/marquês de Ávila, Fontes Pereira de Melo, José Luciano de Castro ou Hintze Ribeiro.
  • Rei D. Carlos I foi o Rei de Portugal entre 1889 e o seu assassinato em 1908, juntamente com o herdeiro Luís Filipe. Foi cognominado como "o Diplomata".
  • D. Manuel II, com apenas 19 anos, acabou por ser o último Rei de Portugal entre 1908 e 1910. O Regicídio de 1908 empurrou-o para se tornar o Rei de Portugal.

Se gostaria de saber mais sobre estas personagens, deverá investir em cursos de história ao longo de cada semestre. Especialmente, se está a preparar o ingresso na licenciatura de alguma universidade. Ou mesmo se ainda estiver a estudar no 1º ciclo, 2º ciclo, ou 3º ciclo. Invista sempre na aquisição de mais informação sobre história medieval, arqueologia, filosofia, história contemporânea de Portugal ou historia da arte curso. A distância que o separa de atingir os seus objetivos na área das letras será cada vez menor. É importante que saiba também tudo sobre o curso historia e a Terceira República.

Curso historia e o sistema político antes da República

Antes da Primeira República, o sistema político que vigorava era a monarquia constitucional portuguesa. Era dividido da seguinte maneira e de um modo independente:

  • Poder legislativo, que pertencia aos deputados nas Cortes, em vez de pertencer apenas ao rei, como acontecia na monarquia absoluta;
  • Poder executivo, pertencente ao Rei e, neste caso, também aos ministros;
  • Poder judicial, onde o Rei deixa de ser o juiz supremo, passando o julgamento de crimes a ser feito por juízes.

O poder político passou a obedecer a três grandes pilares: a soberania nacional, a representação política plena e a separação e independência dos poderes.

A soberania era única, indivisível e inaliável. Só poderia ser exercida pelos representantes do povo que eram legalmente sufragados e reunidos em Cortes.

Tratava-se de uma Constituição parlamentarista, onde o poder do Rei era reduzido e os poderes mais importantes estavam concentrados no Parlamento.

Historia online: economia e desenvolvimento no sistema antes da República

Para além da prosperidade que se verificou com as viagens dos Descobrimentos e com a descoberta do ouro no Brasil, a economia portuguesa foi sempre essencialmente agrícola e, por isso, frágil. As fábricas estavam localizadas principalmente nas regiões de Lisboa e do Porto.

Portugal apresenta grandes dívidas. Isto porque a nossa balança comercial era deficitária, ou seja, acabávamos por importar mais do que exportar. A maior parte do povo vivia mal.

Uma crise que começou por volta de 1890 levou à falência de muitos bancos e a dificuldades muito grandes de pequenas e médias empresas. O Estado Português estava completamente desacreditado no panorama internacional. Sob o Governo do Rei D. Carlos I foi declarado falido em 1892 e 1902.

Foram ténues as tentativas de modernizar o país através da introdução de novas tecnologias e de uma mentalidade empreendedora, que se verificava em outros países europeus. Retenha também os cursos historia e as datas a conhecer da República Portuguesa.

Na Superprof, poderá optar por um curso de historia online
Na Superprof, os estudantes podem optar por um curso de historia online e começar a aprender, sem sair de casa. | Fonte: Pexels

O acesso à educação era quase inexistente. Já pensou em tirar um curso de historia na Superprof e preparar-se em cada semestre para a licenciatura que pretende tirar em alguma universidade?

Professor de história poderá ensinar a transição para a Primeira República

Os governos monárquicos foram incapazes de resolver os problemas sociais e económicos do país, o que fazia com que as populações, sobretudo no meio operário, aspirassem o acesso a um novo sistema político.

O ultimato inglês de 1890 deu o mote para que o republicanismo ganhasse força, que viria a consolidar-se na Implantação da República.

O regicídio de D. Carlos a 1 de fevereiro de 1908 deixou claro que o povo exigia uma mudança, que acabaria por acontecer dois anos depois, quando o republicano José Relvas proclama a República a partir da varanda da Câmara Municipal de Lisboa no dia 5 de outubro de 1910.

Manuel II, filho de D. Carlos, é obrigado a embarcar com a família para o exílio em Inglaterra, tornando-se assim o último Rei de Portugal.

A história é um campo fascinante que está repleto ainda de imensas oportunidades de investigação. Continue a adquirir conhecimentos e a aumentar toda a sua informação ao longo de cada semestre, de modo a preparar-se para entrar na faculdade.

Todos os estudantes devem estudar e conhecer os chefes de governo da Monarquia Constitucional Portuguesa.

>

A plataforma que conecta profes particulares e alunos

1ª aula gratuita

Gostou deste artigo? Deixe a sua avaliação!

5,00 (1 note(s))
Loading...

Maria

Copywriter e Produtora de Conteúdo. Dirige o projeto dedicado à criação de conteúdo: Maria Escreve. Gosta de criar artigos que esclareçam as dúvidas e acrescentem valor aos leitores.