Sabemos que quando se fala em aulas de yoga, posturas de yoga ou até aula de yoga para iniciantes, a maioria das pessoas associa a prática a uma atividade relacionada unicamente com a meditação e o relaxamento. E não estão erradas, uma vez que o objetivo do yoga é atingir uma união entre o corpo e a mente. Mas isso não quer dizer que seja apenas um exercício mental. A verdade é que existem cada vez mais pessoas a aderir a aulas da modalidade, por esta ser uma ótima forma de se manter em forma enquanto também trabalha a mente.

Os praticantes de yoga trabalham para atingir um equilíbrio único na sua vida, com técnicas de meditação e relaxamento que ajudam a reduzir os sintomas de ansiedade e stress. Mas parte desse trabalho é físico, e os exercícios realizados nas aulas requerem algum esforço muscular. E para os poder executar e entrar no nível mais avançado da prática de yoga, precisa de saber executar as posições básicas corretamente, uma vez que são as mais frequentes durante as aulas.

Se está agora a começar a praticar yoga, este artigo é para si. Continue a ler para saber quais são as posições mais utilizadas nas aulas de yoga e que deve conhecer. Estas são todas as nossas dicas sobre como executar essas posições e ainda um guia para todos os iniciantes de yoga que querem começar a praticar a modalidade.

alunas em aula yoga
Existem várias posições essenciais, que são as primeiras que aprende e que executa mais vezes. | Fonte: Pexels.com

Aprenda a controlar a respiração com uma aula de yoga.

Os melhores professores de Yoga disponíveis
Susana
5
5 (16 avaliações)
Susana
35€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Maria fernanda
5
5 (12 avaliações)
Maria fernanda
20€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Vanessa
5
5 (5 avaliações)
Vanessa
20€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Manuela
5
5 (9 avaliações)
Manuela
30€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Estela
5
5 (10 avaliações)
Estela
35€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Ana
5
5 (12 avaliações)
Ana
18€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Artur
5
5 (4 avaliações)
Artur
10€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Zeartur
5
5 (4 avaliações)
Zeartur
44€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Susana
5
5 (16 avaliações)
Susana
35€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Maria fernanda
5
5 (12 avaliações)
Maria fernanda
20€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Vanessa
5
5 (5 avaliações)
Vanessa
20€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Manuela
5
5 (9 avaliações)
Manuela
30€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Estela
5
5 (10 avaliações)
Estela
35€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Ana
5
5 (12 avaliações)
Ana
18€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Artur
5
5 (4 avaliações)
Artur
10€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Zeartur
5
5 (4 avaliações)
Zeartur
44€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Vamos lá

Posturas essenciais do curso de yoga

Para poder praticar yoga, terá que executar uma série de posições e posturas de yoga durante cada aula, com o objetivo de alongar e fortificar os músculos e articulações, bem como diminuir os sintomas ansiedade e stress ao meditar e relaxar profundamente. Estas são as posições básicas pelas quais vai começar.

Postura da criança

Esta é uma das posições de descanso clássicas do yoga e ajuda a tranquilizar a mente ao mesmo tempo que alonga as costas e as ancas.

Para a executar, coloque-se de joelhos, com as costas direitas, e inspire. Depois, expire, incline-se para a frente e encoste a cabeça no tapete de yoga, enquanto estica os braços à sua frente, com as palmas das mãos viradas para baixo. Respire profundamente durante um minuto e volte à posição inicial.

Postura de cão com a cabeça para baixo

Esta postura é polivalente e permite fortalecer as costas, abrandar o ritmo cardíaco e a repor a energia. Para a completar, coloque-se de gatas, com os joelhos e as mãos assentes no chão, e inspire. Quando expirar, olhe para baixo, apoie-se nos pés e nas mãos, e estique as pernas. Respire profundamente durante um minuto e regresse à posição inicial.

Postura de cão com a cabeça para cima

Esta é uma posição especialmente benéfica para os praticantes com asma, ciática e sintomas de depressão. Para a executar, deite-se de barriga para baixo e, depois, coloque as palmas das mãos lateralmente aos ombros. Inspire e pressione as mãos e os pés no tapete ao mesmo tempo que alonga para cima o resto do corpo. Expire e estique os braços e empurre o corpo e as pernas para a frente.

Postura do triângulo estendido

Esta postura é bastante benéfica para os pulmões, além de ajudar a tonificar o corpo e aliviar as dores nas costas. Para a executar corretamente, coloque-se de pé, com as pernas afastadas o máximo possível, garantindo que se sente confortável. Levante os braços até à altura dos ombros e coloque o pé direito num ângulo de 90 graus. Em seguida, incline a perna direita e leve a mão direita até ao tornozelo, tíbia ou joelho.

posicao para alongar
As posições base permitem aprender a alongar, a meditar, a controlar a respiração e a relaxar, práticas essenciais de yoga. | Fonte: Pexels.com

Estique o braço esquerdo até ao teto, olhe para cima e mantenha esta posição durante 5 a 8 respirações. Volte à posição inicial e repita o exercício com o outro lado, colocando o pé direito num ângulo de 90 graus e o pé esquerdo num ângulo de 45 graus.

Postura da árvore

Este exercício ajuda a abrandar o ritmo do físico e da mente, além de melhorar o equilíbrio e a concentração. Deve tentar mantê-la o máximo de tempo possível para ter os melhores resultados.

Para o realizar, comece com os pés juntos e, depois, coloque o pé direito sobre a coxa esquerda. Una as mãos e encontre um ponto para fixar os olhos durante 8 a 10 respirações. A seguir, repita o exercício com o outro pé. Tenha em mente que não se deve inclinar para o lado da perna que está esticada, de forma a trabalhar os músculos abdominais.

Postura da ação invertida

Esta postura invertida é a forma ideal de terminar a aula caseira de yoga. É simples, relaxante e ajuda a melhorar a qualidade do sono. Para a executar, sente-se de frente para uma parede, o mais próximo possível, e estique as pernas para cima e contra a parede. O seu tronco deve ficar a um ângulo de 90 graus. Respire profundamente durante alguns minutos e relaxe.

Descubra quais são as posições de yoga que tem que conhecer.

Dicas para começar um curso de yoga

Ao contrário do que possa pensar, fazer yoga não é tão complicado quanto parece. Sabemos que as posições podem parecer assustadoras para os iniciantes, que não imaginam como vão conseguir alcançar essa posição e que é totalmente impossível. Mas não é!

aluna a esticar as costas
Não precisa de ter receio de começar! O início é a parte mais difícil, mas depois de começar não para. | Fonte: Pexels.com

Na verdade, todas as práticas associadas à atividade são perfeitamente acessíveis e apenas é necessário algum treino. Mas, para todas as pessoas que gostavam de começar a ter aulas e ainda têm algum receio, deixamos aqui algumas dicas para começar esta aventura.

O primeiro passo é encontrar o local adequado para a prática de yoga, com o ambiente ideal para as aulas. Porque, apesar de o yoga ser uma atividade versátil, que pode ser realizada em qualquer lugar, o sítio que escolher deve ter o mínimo de interferências possíveis de forma a garantir a execução segura das posições.

Se optar pelas aulas num estúdio, garante que escolhe um estúdio com as condições adequadas. Se optar por aprender em casa, com um professor particular ou online, deve decorar o local de forma adequada, sem objetos que possam servir de distração. Também pode escolher uma música ambiente calma, se isso o ajudar.

Outro passo importante é a escolha do método. Existem vários métodos de yoga que pode praticar e essa escolha vai determinar o tipo de aula que vai ter. Alguns são considerados mais dinâmicos, com posições mais desafiadoras, que fortalecem os músculos e ajudam queimar calorias. Outros são mais relaxados e podem ser mais indicados para aqueles alunos que ainda estão a começar e se sentem receosos.

É essencial escolher o método que quer iniciar, optando por aquele que mais se adequa ao seu perfil e aquilo de que está à procura. O Hatha Yoga, por exemplo, é considerado um estilo mais lento e calmo.  Mas também pode optar por outras práticas como o Vinyasa Yoga, Ashtanga yoga, Hot yoga e dezenas de outros métodos com diversos benefícios. Qualquer um deles está ao seu alcance.

Algo que também passa despercebido a muitos alunos, é a escolha da roupa que vão utilizar nas aulas. Idealmente, deve optar por roupas confortáveis, mas não muito soltas. É importante que proporcionem a flexibilidade necessária para a realização das posturas.

Acima de tudo, o mais importante é não desistir. Sabemos que o início pode ser complicado, mas tem toda a capacidade para dominar esta prática e conseguir completar todos os exercícios. Basta que se empenhe e que não desista logo à partida.

aula yoga em casa
Com professores particulares pode treinar em casa, num estúdio ou até totalmente online. | Fonte: Pexels.com

Saiba quais são os exercícios de meditação que pode fazer no seu dia a dia.

Importância de escolher o professor ideal para as aula yoga

Parte de se preparar para iniciar esta atividade física, inclui encontrar e escolher o professor ideal para o acompanhar nesta viagem. Esta escolha é muito importante porque o professor pode proporcionar a ajuda a perceber qual é o método de yoga porque deve começar, quais são as posições que pode ou não executar (no caso de ter problemas de saúde antecedentes) e, acima de tudo, ajudar a evoluir.

Para fazer esta atividade de forma segura, precisa do conhecimento de um profissional sobre os conceitos mais teóricos de yoga e como os pode aplicar nas aulas práticas. O seu papel é extremamente importante e deve ser reconhecido. Pode procurar por professores que lecionem em estúdios ou professores particulares que vão a sua casa, analise o seu perfil e escolha aquele que achar melhor.

Lembramos que na Superprof encontra vários professores de yoga prontos a ajudar.

>

A plataforma que conecta profes particulares e alunos

1ª aula gratuita

Gostou deste artigo? Deixe a sua avaliação!

5,00 (1 note(s))
Loading...

Catarina

Eterna otimista, com um bichinho por viajar. Apaixonada por literatura e ficção. Metro e meio de pessoa, vivo pelo lema "Though she be but little, she is fierce". Trabalho atualmente como tradutora e redatora freelancer.