“A Grande Muralha da China é um belo trabalho, mas já existem muitos muros entre as pessoas.” Mikhail Gorbachev (1931), ex-Presidente da União Soviética.

A citação que abre este artigo foi proferida durante uma visita oficial à China em 1989, por Mikhail Gorbachev, o líder do Partido Comunista e, naquela altura, Presidente da União Soviética, pouco antes da queda do Muro de Berlim.

Aprender um idioma complexo como o chinês, para algumas pessoas, pode soar como um imenso desafio, como atravessar a Grande Muralha Chinesa. Mesmo aqueles que são experientes em idiomas como o inglês, espanhol ou até alemão, se sentem desafiados pela dificuldade de aprender mandarim.

São muitos os aspetos que contribuem para esta complexidade: a pronúncia, a linguagem tonal, a escrita, a gramática, os sons, diferem muito daqueles que estamos acostumados. Contudo, não significa que aprender a língua de Mo Yan seja uma tarefa impossível. Quer fazer um curso de mandarim?

A grande Muralha da China
A Grande Muralha da China: metáfora para a aprendizagem da complexa palavra chinesa. | Fonte: Unsplash.com

É necessário notar que ter aulas de mandarim apenas uma ou duas vezes na semana não será suficiente. Para aumentar a potência do seu curso de chinês, será preciso apoiar-se nos materiais extras, nomeadamente os vídeos, aplicações e leituras sobre o tema. Neste artigo, ensinaremos como potencializar a sua aprendizagem no idioma de Confúcio e como melhorar as suas chances de entrar no mercado de trabalho.

Os melhores professores de Chinês disponíveis
1ª aula grátis!
Joana
5
5 (8 avaliações)
Joana
20€
/h
1ª aula grátis!
Catarina
5
5 (7 avaliações)
Catarina
18€
/h
1ª aula grátis!
跃yue
5
5 (3 avaliações)
跃yue
15€
/h
1ª aula grátis!
Isabela
5
5 (4 avaliações)
Isabela
12€
/h
1ª aula grátis!
Yiying
5
5 (4 avaliações)
Yiying
15€
/h
1ª aula grátis!
Patrícia alexandra
Patrícia alexandra
12€
/h
1ª aula grátis!
Lisa
Lisa
12€
/h
1ª aula grátis!
Shin
5
5 (6 avaliações)
Shin
15€
/h
1ª aula grátis!
Joana
5
5 (8 avaliações)
Joana
20€
/h
1ª aula grátis!
Catarina
5
5 (7 avaliações)
Catarina
18€
/h
1ª aula grátis!
跃yue
5
5 (3 avaliações)
跃yue
15€
/h
1ª aula grátis!
Isabela
5
5 (4 avaliações)
Isabela
12€
/h
1ª aula grátis!
Yiying
5
5 (4 avaliações)
Yiying
15€
/h
1ª aula grátis!
Patrícia alexandra
Patrícia alexandra
12€
/h
1ª aula grátis!
Lisa
Lisa
12€
/h
1ª aula grátis!
Shin
5
5 (6 avaliações)
Shin
15€
/h
1ª aula gratuita>

As aplicações no seu telemóvel são amigas da aprendizagem

Atualmente, existem aplicações para todo o tema e necessidade e, é normal que as pessoas passem grande parte do seu dia conectadas à internet a partir dos seus tablets, telemóveis e outros aparelhos que se tornaram parte do nosso cotidiano. Estas aplicações com a evolução constante da tecnologia, passaram a ajudar na aprendizagem, incluindo no estudo de outros idiomas.

Basta procurar um bocado e encontrará uma grande variedade de aplicações para a aprendizagem da língua chinesa. Para saber qual delas é a melhor opção para os seus objetivos, será questão de fazer testes. Pode ser que a primeira aplicação não apresente resultados satisfatórios, não desista. A solução é simples, basta desinstalar a aplicação e procurar por outra. Com testes, certamente encontrará uma que tenha os recursos e ferramentas que ajudarão a obter os melhores resultados.

Este pode ser somente o primeiro passo na aprendizagem de mandarim. No futuro poderá planear uma viagem à China, conhecendo assim a Grande Muralha e as belezas da cultura do gigante asiático. Enquanto este sonho não se torna realidade, listamos abaixo algumas aplicações para telemóvel que poderá fazer o download para estudar o mandarim. Que tal fazer um curso de chinês? 

Aprender por aplicações
Aprender mandarim com ferramentas complementares, como as aplicações. | Fonte: Unsplash.com

Easy Chinese para aprender mandarim

Na Universidade de Beijing, na China, há um projeto especializado no desenvolvimento de produtos para educação. A Easy Chinese, aplicação para o estudo do idioma chinês, surgiu com o intuito de facilitar a aprendizagem de um dos idiomas mais falados no mundo. A princípio, o seu público alvo eram os miúdos, que estão apenas a aprender a se comunicar.

No entanto, a aplicação se tornou igualmente útil para adultos estrangeiros que estão a ter o primeiro contacto com o idioma. Na Easy Chinese, os conteúdos são apresentados com áudios de falantes nativos, facilitando o treino do ouvido para a compreensão da linguagem falada. O programa completo é composto por 38 módulos, com cerca de 400 caracteres e ao final de cada um destes módulos, é possível realizar atividades que testam o conhecimento obtido.

Speak Chinese para aprendizagem de chinês

A Speak Chinese, como o nome sugere, é uma aplicação que desenvolve uma ferramenta mais focada na pronúncia e na comunicação. Os seus conteúdos são apresentados principalmente com atividades sonoras e as suas respectivas imagens. Para uma aprendizagem mais rápida e natural, o estudo intensivo utiliza as 100 principais palavras do idioma.

Saiba que se está a procurar uma aplicação mais completa, que aprofunde os seus conhecimentos no mandarim, talvez o Speak Chinese não seja o bastante. Entretanto, será possível lhe oferecer uma boa base com o objetivo de se comunicar no idioma. O processo de aprendizagem disponível nesta aplicação divide-se em três níveis, com áudios gravados por nativos chineses, conferindo precisão na aprendizagem das pronúncias.

Mindsnacks para melhorar o mandarim

Esta aplicação é a mais lúdica. Se está a aprender chinês e gosta de passar horas em jogos no telemóvel, tenho cá uma ótima opção. A Mindsnacks, vulgarmente traduzida para Petiscos para a Mente, é uma aplicação totalmente gratuita e nela através de atividades poderá aprender novos idiomas, incluindo o mandarim. Tudo se dá de maneira descontraída, com jogos e perguntas.

O principal objetivo destas perguntas e jogos é aumentar o seu vocabulário, melhorar as estruturas gramaticais e até potencializar a sua capacidade de compreensão durante a conversação. E mais, existem na aplicação, bibliotecas de imagem, jogos como, quebra-cabeças, de memória e arquivos de áudio. Que tal experimentar agora mesmo um destes meios de aprender a divertir-se? Quer potencializar o seu curso de mandarim?

Conheça os sites especializados em aprender mandarim

Além das aplicações já citadas, existem sites especializados aos que desejam melhorar nos estudos do mandarim. Para aqueles preferem estudar pelo computador e não através do pequeno ecrã do telemóvel, há também uma variedade de opções.

O site China Culture  apresenta um pequeno curso gratuito para quem esta a dar as primeiras vistas à cultura chinesa. Com o site, o estudante é capaz de atingir o nível A1 da tabela internacional de idiomas. À medida que melhora no idioma, vê a possibilidade de aumentar o seu vocabulário e aprender o bom uso da gramática.

A famosa rede de televisão britânica, a BBC, oferta no seu site oficial, cursos de idiomas, entre os quais poderá encontrar um curso de chinês. Se precisa de cursos complementares e deseja estudar por conta própria, os cursos da televisão britânica são ótimas opções, especialmente para aqueles que estão no início do progresso na língua chinesa.

Assim como a BBC, uma das universidades mais respeitadas do mundo, a Universidade de Cambridge, também disponibiliza um curso de mandarim online, sem custos. Porém, as suas lições são apresentadas no idioma nativo, o inglês, ou seja, é requerido um conhecimento prévio do idioma anglo-saxão para aproveitar o curso de chinês. Em videoaulas e atividades o curso é desenvolvido com o objetivo de preparar o aluno tanto na parte escrita quanto na parte oral. Além destes exemplos, existem outras páginas e sítios onde é possível fazer o download de atividades e vídeos que ajudarão a complementar os seus estudos.

Estudar por estes meios, sem o acompanhamento de um professor ou um feedback personalizado, poderá desmotivar o aluno, devido ao nível de dificuldade do idioma estudado. Assim sendo, recomendo um programa de aulas particulares com um professor de chinês e a utilização destas aplicações e sites como uma ferramenta complementar. Desta forma, terá mais recursos para praticar com um professor os seus conhecimentos já adquiridos. Procura por aulas de mandarim? Quanto custa um curso de mandarim?

Potência turística chinesa
Se não pode ir à China, encontre um correspondente para aprender mandarim. | Fonte: Unsplash.com

Encontre um correspondente chinês

Muitas vezes, o que nos impede de ir a qualquer sítio do mundo é a barreira linguística. Ao pensar em embarcar para a China, por exemplo, muitas pessoas sentem-se inseguras, já que o idioma local pode ser considerado difícil, com razão. É por este motivo que é imensamente importante conhecer a cultura local e o seu idioma antes de comprar os bilhetes.

Mas, como fazer? A resposta é simples: por que não procurar o contacto com comunidades chinesas que vivem cá em Portugal? Ou mesmo, usar a internet para corresponder-se com nativos da língua?

E mais, existem fóruns e sites com canais específicos para comunicação em chinês. Poderá aceder num destes site e ter a experiência de entrar em contacto com falantes nativos e estudantes da língua, pessoas com diferentes backgrounds e de diversas partes do mundo. Quando entrar em contacto com estas ferramentas, verá que além da prática do mandarim, esta comunicação proporcionará um importante intercâmbio cultural.

Outras formas de conseguir contacto com falantes de chinês são:

  • Conversar com o dono daquele restaurante chinês que fica ao pé de casa. Pode ser que, no início, haja algum desconforto, entretanto com o tempo perceberá que uma simpatia nascerá;
  • Falar com os seus colegas de universidade ou trabalho sobre os seus estudos da língua chinesa. Pode ser que algum deles conheça alguém, algures, que também está a aprender o idioma, para praticarem juntos;
  • Frequentar zonas da cidade que poderá conviver com a cultura chinesa;
  • Participar de grupos do Facebook ou outra plataforma que proporcione a comunicação com pessoas inseridas nestas culturas.

Estes são apenas alguns exemplos. Simples movimentos e atitudes proporcionam o encontro. E o encontro facilita a aprendizagem.

Estude a história da China através da literatura e cinema

Quando experimentamos algo que apreciamos, como um bom prato, queremos imediatamente conhecer os ingredientes, certo?

Para aprender de facto a língua chinesa, é importante estudar a história milenar da China e as suas dinastias: os ingredientes que construíram o idioma falado por Confúcio. A cultura deste país é extremamente rica e, o estudo do seu idioma, é uma porta aberta para a música chinesa, artes e literatura. É por esta razão que tentar aprender puramente o idioma, sem conhecer os ingredientes que o consolidaram, sem perceber as suas origens e os seus caminhos históricos, seria um desperdício.

Estudar história permite conhecer a biografia de grandes personagens, grandes imperadores da cultura do país, com legados que ainda são significativos para as tradições da China atualmente. Ao aprender sobre grandes personagens da história da China, é possível perceber melhor as nuances da língua e os caracteres utilizados na escrita.

A língua chinesa surgiu há mais de 2.000 anos e só a história é capaz de nos fazer perceber os caminhos que transformaram este idioma. Quais foram as influências que o construíram e as transformações que o caracterizam.

Filmes e música chinesa
A música chinesa, o cinema chinês, sua culinária: todos aspetos importantes para a aprendizagem do idioma. | Fonte: Unsplash.com

Cinema chinês com áudio original

Para aqueles que alcançaram níveis avançados no idioma, será possível experimentar: ouse ver um filme chinês com áudio original e com a legenda em chinês, será um bom desafio! Entretanto, se é iniciante, poderá assistir aos filmes legendados em português, pode parecer pouco, mas começará a se acostumar com a fonética chinesa.

No princípio, poderá parecer estranho, difícil, mas com o tempo verá que nada mais é que um treino cognitivo. Mesmo sem compreender, por enquanto, todo o discurso, o seu cérebro acostumar-se-á com os tons, frases e expressões. E então, impulsionará a sua memória auditiva e aperfeiçoará a pronúncia. A verdadeira imersão cultural proporcionada por este hábito é muito valiosa.

O cinema chinês é conhecido por explorar as vertentes marcantes da cultura do país: a sua unidade cultural, a tradição milenar e, mais recentemente, o poderio económico e modernidade característicos da China como potência mundial. Que tal começar agora mesmo a aprender chinês de forma prática e lúdica?

Precisa de um professor de Chinês ?

Gostou deste artigo?

5,00/5 - 2 voto(s)
Loading...

Rodolfo

Sou um comunicador, músico e redator brasileiro que vive em Portugal. Escrevi e apresentei programas na televisão brasileira. Lançei 4 álbuns com minhas composições. Atualmente, sou Diretor de Comunicação de um pequeno clube de futebol português, redator freelancer e pai de um miúdo que não para de correr pela casa.