Os exames nacionais, implementados no final do ensino secundário no ano de 1996, são ainda hoje uma dor de cabeça para muitos alunos e alguns, chegam até a desistir da ideia de frequentar o ensino superior por esse motivo.

São momentos de muito stress, principalmente para os alunos que não se sentem preparados para os exames nacionais e à medida que as datas exames nacionais se vão aproximando, a ansiedade vai piorando e não permite que os estudantes se consigam concentrar e estudar.

O ideal é que o aluno vá fazendo a sua preparação exames nacionais ao longo dos 3 anos do ensino secundário para que possa chegar à semana anterior aos exames nacionais relaxado, descansado e sem necessidade de fazer revisões. (Claro que estas são sempre recomendadas, nem que seja ler por alto as obras recomendadas para os exames nacionais de portugues ou então rever as fórmulas que irão ser precisas para resolver as questões do enunciado do exame de matemática).

Os melhores professores de Exames Nacionais disponíveis
Gabriel
5
5 (9 avaliações)
Gabriel
10€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Sandra
5
5 (31 avaliações)
Sandra
9€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Ana
5
5 (11 avaliações)
Ana
10€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Teresa
5
5 (15 avaliações)
Teresa
20€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Maria ana
5
5 (9 avaliações)
Maria ana
6€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Magda filipa
5
5 (6 avaliações)
Magda filipa
10€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Sara
5
5 (4 avaliações)
Sara
11€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Margarida
5
5 (9 avaliações)
Margarida
15€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Gabriel
5
5 (9 avaliações)
Gabriel
10€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Sandra
5
5 (31 avaliações)
Sandra
9€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Ana
5
5 (11 avaliações)
Ana
10€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Teresa
5
5 (15 avaliações)
Teresa
20€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Maria ana
5
5 (9 avaliações)
Maria ana
6€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Magda filipa
5
5 (6 avaliações)
Magda filipa
10€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Sara
5
5 (4 avaliações)
Sara
11€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Margarida
5
5 (9 avaliações)
Margarida
15€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Vamos lá

Exames nacionais: para que servem afinal?

Os exames nacionais são uma parte muito importante na vida dos estudantes do ensino secundário pois é através do sucesso nos exames nacionais que os alunos conseguirão acesso ao ensino superior. O ensino superior, embora não seja o único factor que determine o sucesso profissional de uma pessoa e se esta irá conseguir estar bem financeiramente no futuro, é, para muitos, o mais importante.

É através dos cursos superiores que os alunos conseguem adquirir conhecimentos específicos nas áreas de estudo e é também através dos seus certificados de licenciatura, mestrado ou doutoramento que dão provas das suas competências. Por isso, embora não seja o único, é um dos mais importantes.

Sem ter passado pelo ensino superior e ter completado um dos muitos cursos superiores, o aluno irá ficar sem qualquer especialização, não estando apto para arranjar emprego nas áreas que mais segurança e estabilidade (profissional e financeira) oferecem, tendo muitas vezes de se sujeitar aos postos de trabalho que aparecem, que não satisfazem as suas necessidades a nenhum nível e isto cria trabalhadores infelizes e desmotivados.

Posto isto, sim, o ensino superior é cada vez mais importante e para provar a competência dos mais novos, os do ensino secundário e para que estes tenham acesso ao ensino superior, existem os exames nacionais.

exames nacionais factor determinante de felicidade e realização
Ter bons resultados exames nacionais irá permitir acesso ao ensino superior e a uma vida profissional feliz | Fonte: Pexels

Em suma, os exames nacionais, embora pareçam ser algo chato e a maioria dos alunos, se tivesse oportunidade, não os os fizesse, fazem parte do percurso que os estudantes começam desde cedo para uma vida de sucesso.

Uma vida de sucesso não quer dizer que se tornem milionários (embora não seja impossível) mas sim, que entrem no ensino superior no curso superior que desejam e mais de identificam e que sigam uma carreira profissional que os satisfaça a todos os níveis.

Escolhe um trabalho de que gostes, e não terás que trabalhar nenhum dia na tua vida

Que alunos devem fazer os exames nacionais?

A resposta é simples e curta: todo e qualquer aluno do ensino secundário ou equivalente que pretenda ter o certificado do ensino secundário e que pretenda fazer candidatura ao ensino superior.

Como já referimos, os exames nacionais são para os alunos do ensino secundário mais do que uma data em que os nervos estão à flor da pele por terem de responder a questões de matéria que foi aprendida ao longo de 3 anos. Os exames nacionais servem como prova das competências do aluno para que este possa ou não continuar o seu percurso escolar.

Algo que infelizmente pode acontecer é o exame nacional em questão não correr às mil maravilhas e no final, quando o aluno receber os resultados exames nacionais perceber que talvez o seu acesso ao ensino superior possa ser colocado em causa.

Outra situação bem possível de acontecer é, por exemplo, um aluno faz os exames nacionais portugues e tem uma nota de 16 que, no final, se transforma em 17,4 valores media ensino secundário. Este aluno vê nos anos anteriores que o curso superior de Linguas Aplicadas, e verifica que nesse ano a média do último candidato a entrar foi de 175,6 valores (valor real consultado no site da DGES para o ano lectivo 20/21).

Este aluno automaticamente pensa que tem hipóteses no entanto, decide colocar um segundo e terceiro curso como plano B, caso não consiga uma vaga. Pode perfeitamente no ano a seguir a média desse curso subir para 17,7 e por apenar uma décima, o aluno não consegue entrar, tendo de se sujeitar à sua segunda opção.

Ponderar o futuro depois dos exames nacionais
A candidatura ensino superior é uma fase da vida dos alunos na qual além de terem de estudar para os exames nacionais, devem ponderar bem o seu futuro | Fonte: Pexels

Ora, isto não é o ideal mas, acontece bastantes mais vezes do que gostaríamos. Os cursos superiores têm um certo limite de vagas que não pode ser ultrapassado. O aluno tem três hipóteses:

  • Faz o curso que entrou, podendo este não ser o ideal para si;
  • volta ao secundário, faz uma melhor preparação exames nacionais e repete os exames nacionais para que consiga uma vaga no ano seguinte:
  • ou então, tenta fazer uma candidatura para a 2ª fase de candidaturas ao ensino superior, seja na mesma cidade ou noutra mais longe.

Este é o pensamento dos jovens que estão prestes a fazer os exames nacionais e honestamente, são todas as suas opções e compreendemos que possa ser bastante assustador e para alguns até desanimador.

Mas, começar a preparação exames nacionais com pelo menos um ano de antecedência irá certamente permitir ao aluno que este siga o caminho e o curso de ensino superior que pretende.

As candidaturas Sub-23

Não só os alunos do ensino secundário podem fazer as suas candidaturas ao ensino superior. Este é também uma possibilidade para as pessoas mais velhas, podendo até ter 60 anos que desejam voltar a estudar e especializar-se em alguma área com um curso de ensino superior.

As suas candidaturas são diferentes no entanto, também eles deverão fazer os exames nacionais ou as provas específicas de forma a comprovarem as suas capacidades de frequentar um estabelecimento de ensino superior.

Os melhores professores de Exames Nacionais disponíveis
Gabriel
5
5 (9 avaliações)
Gabriel
10€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Sandra
5
5 (31 avaliações)
Sandra
9€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Ana
5
5 (11 avaliações)
Ana
10€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Teresa
5
5 (15 avaliações)
Teresa
20€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Maria ana
5
5 (9 avaliações)
Maria ana
6€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Magda filipa
5
5 (6 avaliações)
Magda filipa
10€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Sara
5
5 (4 avaliações)
Sara
11€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Margarida
5
5 (9 avaliações)
Margarida
15€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Gabriel
5
5 (9 avaliações)
Gabriel
10€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Sandra
5
5 (31 avaliações)
Sandra
9€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Ana
5
5 (11 avaliações)
Ana
10€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Teresa
5
5 (15 avaliações)
Teresa
20€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Maria ana
5
5 (9 avaliações)
Maria ana
6€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Magda filipa
5
5 (6 avaliações)
Magda filipa
10€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Sara
5
5 (4 avaliações)
Sara
11€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Margarida
5
5 (9 avaliações)
Margarida
15€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Vamos lá

Como fazer a candidatura ensino superior?

Depois de terem feito os exames nacionais e terem recebido os resultados exames nacionais, os alunos receberão também a ficha ENES. Com esta ficha, que contém toda a informação do percurso do aluno ao longo do ensino secundário, as suas notas e médias de todas as disciplinas e também o resultado dos exames nacionais, o aluno poderá então fazer a sua candidatura a um dos cursos superiores.

Esta candidatura pode e deve ser feita online, no site da DGES , onde o aluno deverá seguir os passos indicados no site. Para aceder, pode utilizar os dados das finanças online ou então uma palavra passe que lhes será fornecida via e-mail ou carta.

Estudar para ter bons resultados exames nacionais
Estudar bastante é a chave para o sucesso nos exames nacionais e a porta de entrada para o acesso ao ensino superior | Fonte: Pexels

Esta candidatura ensino superior deve ser bastante ponderada. Embora seja possível o aluno colocar mais do que uma opção de cursos colocando em primeiro o curso superior que pretende fazer, deverá ser consciente. Como mencionamos há pouco, por vezes não existe vaga para esse aluno por umas décimas.

Se o aluno vir que teve uma média de ensino secundário de 14 e o curso em questão está todos os anos com uma média de 17 ou 18 (como é o caso do Curso Superior em Línguas e Relações Internacionais), o aluno deve escolher outro curso ou então, voltar ao ensino secundário, atacar os livros e estudar bastante para subir as suas médias!

Esteja atento às datas dos exames nacionais!

Embora improvável e raro acontecer, por vezes o aluno pode deixar-se levar tanto pelo estudo e pela preparação para exames nacionais que pode esquecer-se da data do exame nacional! O exame nacional de matemática pode estar a acontecer naquele momento e o aluno estar em casa a treinar as fórmulas.

Se vê que pode ter tendência para que algo do género aconteça, marque no calendário, coloque despertadores diários no telemóvel. É muito importante não faltar aos exames nacionais pois embora possa repeti-los na 2ª fase de exames, não vai haver outra oportunidade, enquanto que se a 1ª fase não correr como esperado, poderá sempre candidatar-se à 2ª fase de exames nacionais para tentar melhorar e aumentar esse mesmo resultado, ficando com mais hipóteses de acesso ao ensino superior.

A parte mais importante: a preparação exames nacionais, qual a melhor forma?

Sem uma boa preparação, não irão existir bons resultados exames nacionais nem o aluno terá oportunidade de escolher um dos cursos superiores pois não terá acesso ao ensino superior.

É algo normal e enraizado em alguns verem que os exames nacionais estão a 15 dias de distância e ainda decidir esperar mais uns dias para começar o estudo. Enquanto que outros iniciam logo explicações para exames nacionais no início do ensino secundário, logo no 10º ano. Embora seja inteligente fazer essa escolha e garantir que não se deixa nenhuma dúvida para trás, a preparação para os exames nacionais pode iniciar com a ajuda de um professor particular no início do 11º ano.

É no 11º ano que o aluno irá enfrentar os primeiros exames nacionais e iniciando as aulas particulares no início do ano irá permitir que o estudante, juntamente com o seu professor consigam rever a matéria importante do 10º ano e ir consolidando todo o conhecimento que o aluno vai adquirindo ao longo do 11º ano.

Ter ajuda de um professor particular para os exames nacionais
Poderá fazer a preparação para exames nacionais com um professor Superprof online | Fonte: Pexels

Para conseguir um bom professor particular, existem várias formas mas, sem dúvida que utilizar a Superprof será a mais rápida e eficiente pois na plataforma encontrará professores de todas as disciplinas em todas as cidades portuguesas, professores estes que estão habituados a lidar com os exames nacionais e a preparação para os exames nacionais.

Basta entrar na plataforma e pesquisar as disciplinas que vai decidir fazer os exames nacionais, a sua cidade e ver os perfis dos professores Superprof disponíveis ou perto de si, ou online!

Não deixe nada ao acaso, queremos realçar novamente a importância dos resultados dos exames nacionais. São os exames nacionais que poderão ditar o seu futuro, por isso, muito empenho e força de vontade no estudo!

>

A plataforma que conecta profes particulares e alunos

1ª aula gratuita

Gostou deste artigo? Deixe a sua avaliação!

5,00 (1 note(s))
Loading...

Cláudia

Sou uma pessoa dedicada e empenhada a 100% a todos os projetos, quer sejam eles de carácter mais pessoal quer sejam a nível profissional. Sou licenciada em Assessoria e Tradução de todo o tipo de matérias e para além disso sou especializada na língua inglesa e alemã. Tenho uma grande paixão pela leitura e escrita. Sou muito curiosa e aberta ao conhecimento o que me faz querer saber, aprender e partilhar mais sobre, na verdade, tudo um pouco.