Muitos são os desafios que se deparam perante um aluno do Ensino Secundário. Testes, exames, dúvidas, a vergonha em participar na aula e esclarecer questões que tanto atormentam os alunos ou até o medo de falar com um professor muito autoritário que não cria à vontade com os estudantes... e estas são só algumas das vicissitudes de quem trilha o camaleónico percurso escolar.

Obviamente que todos estes receios e todas as dificuldades que referimos são perfeitamente normais e, muitas delas, decorrem do próprio processo de crescimento — afinal, quantos de nós, na escola, não tiveram já vergonha de fazer uma pergunta pelo medo de que esta fosse ridícula? Pois é: além da escola os alunos estão — sobretudo aqueles que já entraram na adolescência —, a passar por uma fase de muitas mudanças a nível físico e psicológico. Por isso é normal que nem sempre o foco seja, durante os 90 minutos da aula, o mesmo e que outras questões se levantem na cabeça dos nossos pré-adolescentes e adolescentes.

Contudo, sabemos ainda que, nesta etapa, o percurso escolar (e os resultados obtidos, nomeadamente a média das disciplinas) podem ter um peso significativo na definição do futuro académico do estudante, daí ser necessário arranjar estratégias para colmatar as dificuldades sentidas, esclarecer as dúvidas e ter um estudo que seja realmente eficaz.

 

Rapaz com óculos a olhar par a janela com ar pensativo
A adolescência é uma etapa de muitas mudanças psicológicas que, inevitavelmente, chocam com o percurso escolar. | Fonte: Unsplash

É nesse sentido que a Superprof facilita a escola quer para os alunos quer para os pais que, por vezes, não sabem qual a melhor maneira de os ajudar com aquelas disciplinas em que sentem mais dificuldades ou até naquelas em cujos testes e exames — por um motivo ou por outro — o aluno quer ter notas de excelência.

Além disso, terá a possibilidade de escolher a explicação ideal, ao domicílio, para todos os tipos de alunos — em que o professor se desloca até sua casa —, permitindo ao aluno estar num ambiente familiar, onde está completamente à vontade, a estudar de uma forma acompanhada, treinando os exercícios e questões que suscitam mais dificuldades, com um professor pronto a explicar a reformular a matéria, esclarecer todas as dúvidas e dotar os estudantes de estratégias para otimizar o estudo.

Mas as vantagens não ficam por aqui. Além de aulas ao domicílio, os alunos têm ainda a possibilidade de ter a sua explicação individual online, via Skype, sendo apenas necessário terem uma boa conexão wi-fi. E desenganem-se aqueles que duvidam da eficácia deste método. Afinal, muitos são os benefícios de ter explicações online e aulas via Skype. Seja qual for o motivo que leva o aluno a recorrer a explicações, na Superprof encontra a explicação ideal para qualquer disciplina, aos melhores preços e com excelentes professores — de facto, razões não faltam para recorrer às explicações Superprof e brilhar nos exames!

Um dos benefícios das explicações via Skype é a possibilidade de o professor efetuar uma partilha de ecrã — podendo, por exemplo, dar as explicações no word, ao mesmo tempo que o aluno o segue (vendo-o e ouvindo-o) e poder enviar, sem esforço, numerosos documentos em formato word ou pdf com explicações sobre determinados aspetos da matéria ou com exercícios específicos, não fosse a palavra de ordem para muitas disciplinas de componente prática "exercitar"!

Pessoa a escrever a lápis
Praticar é a palavra de ordem, em disciplinas como a matemática ou a físico-química. | Fonte: Unsplash

Além do mais, o professor pode partilhar com o estudante links de páginas que possam ser úteis e complementares ao estudo — como, por exemplo, vídeos que contenham explicações simples e divertidas de determinadas partes da matéria. Os alunos verão que, durante esta sessão de explicação particular, toda a atenção do professor estará direcionada para a resolução das questões que assolam o estudante.

Mas obviamente que os alunos podem também optar por aulas de grupo — que, em geral, são ainda mais acessíveis em termos de preço. No entanto, os preços das explicações Superprof variam consoante a experiência e conhecimentos do professor, sendo que um professor muito experiente tenderá a cobrar mais por hora.

Tudo dependerá dos objetivos e metas do aluno em questão. Porém, antes de tomar qualquer decisão, o melhor será fazer uma pesquisa na plataforma Superprof e consultar os diferentes perfis de professores disponíveis para determinada disciplina (francês, matemática, português, geografia, físico química, matemática b, entre tantas e tantas outras...), analisar a sua formação académica e experiência profissional, assim como os horários em que este está disponível e, claro, quais as modalidades em que, preferencialmente, ensina (se presencial, virtualmente, em aulas particulares e/ou de grupo).

Depois desse período de ponderação e escolha, saiba que a grande maioria dos professores oferece a primeira aula, permitindo ao aluno testar e perceber se é de facto com aquela pessoa que pretende vir a ter explicações.

Os melhores professores de Explicações disponíveis
1ª aula grátis!
Isabel
4,9
4,9 (8 avaliações)
Isabel
6€
/h
1ª aula grátis!
Pedro
5
5 (15 avaliações)
Pedro
13€
/h
1ª aula grátis!
Samuel
5
5 (14 avaliações)
Samuel
3€
/h
1ª aula grátis!
São
5
5 (5 avaliações)
São
6€
/h
1ª aula grátis!
Sandra
5
5 (30 avaliações)
Sandra
9€
/h
1ª aula grátis!
Susana
5
5 (10 avaliações)
Susana
11€
/h
1ª aula grátis!
Jorge
5
5 (5 avaliações)
Jorge
5€
/h
1ª aula grátis!
Tiago
5
5 (15 avaliações)
Tiago
12€
/h
1ª aula grátis!
Isabel
4,9
4,9 (8 avaliações)
Isabel
6€
/h
1ª aula grátis!
Pedro
5
5 (15 avaliações)
Pedro
13€
/h
1ª aula grátis!
Samuel
5
5 (14 avaliações)
Samuel
3€
/h
1ª aula grátis!
São
5
5 (5 avaliações)
São
6€
/h
1ª aula grátis!
Sandra
5
5 (30 avaliações)
Sandra
9€
/h
1ª aula grátis!
Susana
5
5 (10 avaliações)
Susana
11€
/h
1ª aula grátis!
Jorge
5
5 (5 avaliações)
Jorge
5€
/h
1ª aula grátis!
Tiago
5
5 (15 avaliações)
Tiago
12€
/h
1ª aula gratuita>

Otimizar o estudo com explicações

As explicações são também uma excelente forma de melhorar as capacidades cognitivas, a inteligência emocional, e o treino de competências que integram mas em muito ultrapassam o âmbito escolar. Assim, melhorar notas e atingir a excelência nas pautas e manter bem longe as tão temidas negativas que tanto amedrontam pais e filhos são só algumas das muitas vantagens de ter um explicador ou vários explicadores para cada disciplina (preferencialmente particular).

  • Aumento do sentido de responsabilidade e criação de um método de estudo;
  • Melhor organização do agendamento e planeamento geral do estudo de todas as disciplinas;
  • Desenvolvimento do raciocínio lógico;
  • Aprofundamento da matéria ensinada em contexto de sala de aula;
  • Revisão e consolidação das matérias;
  • Esclarecimento de questões e dúvidas — que, por vezes ,os alunos têm receio de expor numa aula da escola ou, mesmo após a explicação do professor, continuam sem compreender;
  • Prática de exercícios com acompanhamento — permitindo-lhes pensar em cada passo com o professor — que, assim, facilmente identificará as áreas problemáticas onde o aluno está a cometer algum erro;
  • Reforço da motivação, melhoria da auto-estima enquanto aluno e melhoria da relação com a aprendizagem e a escola em geral;
  • Melhores resultados nos testes e exames nacionais e, consequentemente, uma média mais alta — que aumentará o leque de escolha dos cursos universitários;

Além de todos estes benefícios, o bom explicador transformar-se-á também num amigo, numa figura que, impreterivelmente, torce pelo sucesso escolar do aluno e o mune de ferramentas que não só lhe permitem ter melhores notas como levam a que ele encare os momentos de avaliação, como testes e exames — que pode ser stressantes e, por isso, difíceis de gerir — com mais calma, confiança e, claro, energia positiva!

Rapariga a olhar para o computador e mordendo um lápis com aparência nervosa
Manter a calma e um estado de espírito positivo é essencial para levar o estudo e as explicações a bom porto. | Fonte: Unsplash

Conselhos para usufruir ao máximo de uma aula e/ou explicação

De modo a que os estudante possa usufruir ao máximo da sua explicação, há algumas máximas, aplicáveis a todas as disciplinas e transversais a todos os anos escolares — que os alunos devem assimilar e seguir. São elas:

  • desligar ou tirar o som do telemóvel, mantendo-o bem longe. Afinal, o tempo da explicação não se coaduna com enviar (nem sequer pontualmente!) mensagens aos amigos;
  • ter sempre os materiais necessários para a explicação e ter a iniciativa de levar, para a explicação, exercícios com o qual o aluno sinta dificuldades, pedindo ajuda ao professor e/ou explicador;
  • ouvir com atenção o explicador e, no caso de não perceber alguma coisa, avisá-lo o mais cedo possível;
  • reler a matéria em voz alta, sozinho, de modo a rever e reter conhecimentos;
  • fazer os exercícios, trabalhos de casa e tarefas que o explicador pede, fazendo do estudo diário e proveitoso;
  • consultar os livros da biblioteca da escola — por exemplo, para requisitar e ler em casa livros de ficção (em português ou inglês) ou para usar no estudo, no caso de livros de testes e fichas de biologia ou história, por exemplo;
  • encarar a escola, as aulas e explicações de uma forma positiva: afinal este é o período da nossa vida em que formamos e sedimentamos a base dos nossos conhecimentos e aprender é, sem dúvida, das mais entusiasmastes coisas que podemos fazer!
Rapaz de costas, numa biblioteca
Como forma de completar o estudo, há que consultar a biblioteca da escola. | Fonte: Unsplash

Para além de todas estas dicas para ajudar o desempenho escolar do aluno para que o aluno almeje o sucesso escolar, é essencial que se sinta bem e feliz consigo mesmo. Isto significa que os estudantes devem apostar também em atividades extracurriculares que vão ao encontro dos seus interesses — sejam eles na área da música, dança, línguas, desporto, artes marciais etc.

Muitas dessas atividades estimularão e treinarão competências que também em muitas disciplinas da escola são requeridas e quem sabe se poderão ajudar o aluno a definir interesses que, mais tarde, sejam relevantes na afirmação de um percurso profissional e/ou artístico, nas suas vidas. Outra forma de auscultar os interesses dos estudantes é através dos diferentes clubes que as escolas oferecem, como o clube de teatro, escrita, jornalismo, físico-química, entre muitos outros, que tanto escolas públicas como colégios no âmbito da educação privada ou até as explicações a qualquer área, na Superprof, colocam ao dispor dos alunos.

É certo que, quando os alunos têm um propósito, uma ambição ou um sonho direcionados para um objetivo específico encaram também os estudos de forma mais responsável!

Uma vez ultrapassado o desafio do ensino secundário, não deixe de lado a hipótese de procurar por explicações ensino superior!

Precisa de um professor de Explicações ?

Gostou deste artigo?

5,00/5 - 1 voto(s)
Loading...

Elsa

Trabalho na área da consultoria linguística e produção de texto há três anos e sou, actualmente, professora de português para estrangeiros. Dedico a maior parte do meu tempo livre à leitura e à escrita, tendo já publicado crónicas e poesia em revistas culturais e literárias.