Melhorar o desempenho escolar nem sempre passa apenas por estudar mais ou estar mais atento nas aulas. Na verdade, há vários fatores que interferem com as notas do aluno. A começar pela qualidade do professor, pelo à vontade que este cria (ou não) com os estudantes, passando pelo facto de conseguir ou não cativar os alunos para determinada matéria, pelo próprio ambiente familiar do estudante ou, claro, pelo seu bem estar físico e psicológico... enfim: muitos são os aspetos que pesam na definição da nota do aluno.

Neste artigo, exploramos com mais detalhe esses fatores e deixamos ideias de como de aumentar a motivação dos alunos, como otimizar o estudo e, por acréscimo, melhorar as notas.

Antes de tudo, é fundamental que o estudante planeie o estudo: dedicando certos dias a determinadas disciplinas, combinando o estudo individual com algumas sessões de estudo com os colegas e amigos — o que pode ser uma excelente forma de descobrir dúvidas e esclarecê-las — e reservando algum tempo exclusivamente para a resolução de fichas, modelos de testes e exames. O aluno pode até resolver esses exercícios, cronometrando o tempo que demora, de modo a imitar o cenário real de um momento de avaliação e, consequentemente, poder preparar-se melhor — sendo que poderá também investir numa educação privada e descobrir a melhor explicação a qualquer disciplina na Superprof, de que adiante falaremos.

Além do mais, ter sempre presentes as datas das épocas de avaliação faz também parte do guia de qualquer bom aluno. Isto porque o estudo se quer continuado, consistente e atempado: nada de começar a fazer os trabalhos de casa uma disciplina uns dias antes da entrega ou de estudar apenas na véspera dos testes. Não há nada menos produtivo e mais stressante!

Os melhores professores de Explicações disponíveis
Pedro
5
5 (17 avaliações)
Pedro
15€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Isabel
4,9
4,9 (8 avaliações)
Isabel
6€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Francisco
5
5 (29 avaliações)
Francisco
15€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Marta
5
5 (8 avaliações)
Marta
8€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Francisco
5
5 (15 avaliações)
Francisco
15€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Jorge
5
5 (5 avaliações)
Jorge
5€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Samuel
5
5 (17 avaliações)
Samuel
4€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Sandra
5
5 (30 avaliações)
Sandra
9€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Pedro
5
5 (17 avaliações)
Pedro
15€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Isabel
4,9
4,9 (8 avaliações)
Isabel
6€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Francisco
5
5 (29 avaliações)
Francisco
15€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Marta
5
5 (8 avaliações)
Marta
8€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Francisco
5
5 (15 avaliações)
Francisco
15€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Jorge
5
5 (5 avaliações)
Jorge
5€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Samuel
5
5 (17 avaliações)
Samuel
4€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Sandra
5
5 (30 avaliações)
Sandra
9€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Vamos lá

Escolha o local mais adequado para estudar em casa

Posteriormente, é essencial ter um bom local para estudar: uma boa e ampla secretária, uma cadeira confortável numa divisão com poucas distrações e, claro, com uma boa iluminação, tendo sempre à mão o material necessário para o estudo, como os livros, cadernos, canetas e lápis. Convém também que estes materiais estejam organizados na secretária, de modo a que a mesa de estudo não se transforme num verdadeiro caos e a motivação para o estudo se dissipe. Sim, ter um espaço de estudo adequado é absolutamente essencial para que o as horas de estudo sejam produtivas.

 

Pessoa à secretária, com computador e caderno
Ter um espaço organizado e reservado ao estudo é essencial para bem estudar. | Fonte: Unsplash

Outro aspeto importante é a concentração: o aluno deve focar-se completamente no estudo e manter bem longe o telemóvel, que o pode distrair. De modo a favorecer a concentração, recomendamos que o aluno ouça uma música instrumental, uma vez que está provado promover o foco numa determinada tarefa.

Ah e não vale estar em frente aos livros horas e horas! É  bem mais produtivo trabalhar durante apenas uma ou duas horas do que julgar que se vai estudar até altas horas da noite. Não vale a pena iludirmo-nos! Há sim que aproveitar o tempo ao máximo e fazer render o estudo. Nesse sentido, os alunos podem até usar aplicações de telemóvel que os ajudarão a fazer essa gestão do tempo, como por exemplo, a aplicação Evernote, que permite uma mais fácil organização e priorização das tarefas.

Além disso, é crucial que os alunos aproveitem ao máximo as aulas, esclareçam o quanto antes as suas dúvidas com o professor — com o qual, preferencialmente, devem ter uma relação próxima, que lhes permita ter o à vontade necessário para clarificar as questões que possam surgir. Caso não o façam, as dúvidas acumular-se-ão e serão cada vez mais difíceis de dissipar. Portanto, colocar o dedo no ar e fazer as perguntas que atormentam e impedem o aluno de resolver, por exemplo, um determinado problema matemático são medidas obrigatórias de adotar.

E caso a escola regular não seja suficiente, os alunos podem sempre recorrer a um complemento: apoio escolar com pedagogos de excelência... e a preços acessíveis.

A motivação para estudar pode surgir de um acompanhamento familiar

Em segundo lugar, para aumentar a motivação do aluno, é muito importante ter alguns livros sobre os assuntos e matérias que estamos a estudar, para além dos livros adotados pela escola — permitindo assim ao aluno desenvolver uma genuína curiosidade pela matéria lecionada nas aulas e percebendo que essas mesmas temáticas são de interesse geral e não se limitam ao contexto escolar. Afinal, tudo o que aprendemos na escola ou na universidade tem, de uma forma ou de outra, uma ligação com o mundo que nos rodeia.

 

Livros coloridos
Ter uma boa biblioteca em casa é uma forma de aumentar conhecimentos e curiosidade sobre as matérias lecionadas também na escola. Fonte: Unsplash

Em terceiro lugar, de modo a entusiasmar os estudantes para o mundo da arte — no qual se insere, por exemplo, a literatura portuguesa, a disciplina de português e as disciplinas específicas daqueles que escolhem um percurso escolar na área das letras — é importante que estes frequentem, com os seus familiares e amigos, exposições, concertossessões de declamação de poesia e ou leitura de textos literários, peças de teatro, entre tantos outros...

Sem dúvida que, se o hábito de assistir a um qualquer espetáculo fizer parte da vida de um jovem aluno, muitos são os benefícios que daí advirão. Para além de um maior interesse pelas matérias relacionadas com as áreas artísticas, os estudantes aumentarão certamente a sua cultura e poderão pensar melhor e interrogar de outras e novas formas o mundo em que vivem. Afinal, esse é o resultado da leitura de grandes autores como Shakespeare, tal como Harold Bloom deixava implícito.

Esta é uma forma prática de aproximar os alunos do fascinante universo da arte e das humanidades que tanto podem dizer e revelar da complexidade do ser humano. E quem sabe se, com todo esse manancial artístico, o aluno não descobre uma qualquer oculta veia artística?

Sala de um teatro
Assistir a peças de teatro é uma excelente maneira de fazer crescer, nos alunos, o interesse pela arte em geral e pela dramaturgia em particular. | Fonte: Unsplash

Em quarto lugar, para que o aluno se sinta verdadeiramente motivado para estar nas aulas e se dedicar ao estudo, é muito importante que ele mesmo se encontre bem em termos físicos e psicológicos. Um estilo de vida saudável, que passe por uma alimentação variada e equilibrada, pela prática de exercício físico e por atividades que promovam o bem estar e relaxamento mental são imprescindíveis. Sugerimos caminhadas ao ar livre, em contacto com a natureza, a leitura, a meditação e encontros regulares com pessoas que nos façam sentir bem — sejam elas familiares ou amigos em quem possamos verdadeiramente confiar.

E se desse lado há quem pense que o estudo dedicado a tantas disciplinas não deixa margem de tempo para estas e outras atividades, desengane-se. Um aluno organizado e dedicado tem tempo para tudo: basta saber gerir as horas do dia e aproveitá-las da melhor maneira possível e, sim, haverá tempo para tudo!

Encontre na Superprof um professor para explicações com horário compatível com as tarefas extra-curriculares do aluno!

Um bom relacionamento familiar vai fazer com que o aluno evolua no apoio escolar

A relação com a família e a existência de um bom ambiente em casa é também impreterível para o sucesso escolar do aluno. No caso de tal não se verificar, é conveniente que o estudante exponha essa situação, na medida do possível, a um professor ou ao diretor de turma, de modo a que elementos da comunidade escolar estejam a par da situação e possam ajudar o aluno a ultrapassar os obstáculos decorrentes de um ambiente familiar menos positivo, dando-lhe o apoio escolar necessário. Num cenário deste género, é também importante que o aluno se apoie num familiar com quem tenha proximidade e nos seus colegas e amigos. Afinal, aprender com entusiasmo e alegria só poderá decorrer como complemento a um ambiente familiar estável e saudável. Ter um explicador ajuda o estudante a acompanhar a matéria escolar e manter um ritmo constante.

 

Amigas a conversar num jardim
Na vida de um aluno organizado, há tempo para o estudo mas também para a diversão! | Fonte: Unsplash

 

A aliar a tudo isto, os alunos podem usufruir das explicações Superprof. Existem explicadores para todas as disciplinas e todos os níveis de escolaridade, prontos a adaptar a sua metodologia às necessidades de cada aluno. Através de uma pesquisa pela plataforma Superprof é possível consultar as páginas dos diferentes explicadores e escolher aquele cujo perfil se adequa mais ao estudante em causa.

Existe a possibilidade de ter explicações presenciais (na própria casa do aluno, por exemplo) ou, por outro lado, via Skype — uma opção muito prática e confortável pela qual muitos alunos optam. Além do mais, as aulas poderão ser individuais e, portanto, totalmente, moldadas a um só aluno. Na Superprof encontra, aliás, a explicação ideal, ao domicílio, para todos os tipos de alunos, o que permite atingir excelentes resultados em pouco tempo — ou poderão decorrer em pequenos grupos, sendo que esta última modalidade costuma ser um pouco mais económica.

Tudo dependerá das metas, objetivos e expectativas do aluno em questão. O que é certo é que não faltam razões para recorrer às explicações Superprof e brilhar nos exames, testes ou apresentações orais de trabalhos de casa. Se, por outro lado, o objetivo for antes conseguir uma nota muito alta para garantir uma média final inabalável — que, permita ao estudante, por exemplo, entrar em qualquer curso universitário —, nesse caso, a Superprof também conta com professores com muita experiência e com as competências necessárias para garantir uma nota como 18, 19 ou mesmo o almejado 20!

Com a ajuda do professor certo, uma rotina de estudo consistente, esforço e dedicação, as melhores notas estarão ao alcance de todos!

>

A plataforma que conecta profes particulares e alunos

1ª aula gratuita

Gostou deste artigo? Deixe a sua avaliação!

5,00 (1 note(s))
Loading...

Elsa

Trabalho na área da consultoria linguística e produção de texto há três anos e sou, actualmente, professora de português para estrangeiros. Dedico a maior parte do meu tempo livre à leitura e à escrita, tendo já publicado crónicas e poesia em revistas culturais e literárias.