Lisboa é a capital portuguesa e, por isso, a cidade onde se concentra uma maior parcela da população portuguesa e um maior número de turistas.

É a cidade das grandes produtoras televisivas, das grandes empresas, das mais conhecidas universidades portuguesas, o centro cultural onde se localizam os museus mais importantes, a cidade onde há um maior número de espaços de trabalho – e, aliás, onde há cada vez mais espaços de co-working –, bem como um maior número de salas de espetáculo, instalações desportivas, lojas, restaurantes, cafés, galerias etc.

É, por isso, a cidade que também atrai um maior número de estrangeiros, não só para passear pelo Chiado e conhecer Lisboa, mas também para trabalhar nas grandes empresas ou faculdades sediadas na capital. Consequentemente, Lisboa oferece inúmeras escolas de línguas, que favorecem a aprendizagem do inglês, do francês, do mandarim e, claro, do alemão.

Assim, se o aluno deseja dominar as frases em alemão e aprender a falar esta língua sem precisar de recorrer a um intérprete ou tradutor alemão, está no sítio certo: em Lisboa e em numerosas cidades portuguesas há várias formas de aprender a falar a língua alemã com brio e rigor.

Começar pelo princípio e aprender a dizer sim, não e obrigado em alemão

Se o aluno vive em Lisboa e pretender começar a aprender alemão desde cedo, o nosso conselho é que peça aos seus pais para ingressar na escola alemã de lisboa.

Pois é, é desde pequenino que se torce o pepino e, por isso, se o aluno tem particular tendência para as línguas germânicas e julga que facilmente aprenderá as cores em alemão e os dias da semana em alemão, então o nosso conselho é que procure ingressar num colégio alemão ou numa escola alemã desde os primeiros anos de escolaridade. Desta forma, se vive em Faro poderá ingressar na escola alemã do Algarve, e se vive em Lisboa poderá ingressar no ensino da escola alemã de lisboa.

Um rapaz sentado num banco de jardim, com um dicionário de alemão no colo.
Aprender as cores e os dias da semana em alemão desde pequenino é o primeiro passo para se ser um ás nesta língua | Fonte: Unsplash

A escola alemã de lisboa é a segunda escola alemã mais antiga no estrangeiro, tendo sido fundada em 1848 com o objetivo de difundir a língua alemã na comunidade portuguesa. Esta escola, que é frequentada por cerca de 1060 alunos e que tem cerca de 145 professores, tem três níveis de ensino em que os alunos podem ingressar:

  • jardim de infância;
  • escola primária;
  • escola secundária.

Assim, os alunos poderão aprender os números em alemão, as horas em alemão e o alfabeto em alemão, avançando lentamente ao longo da sua formação para o vocabulário alemão mais difícil, para a utilização de um bom dicionário alemão português, para a construção das mais complexas frases em alemão e, claro, para aprender a conjugar os verbos em alemão sem uma única hesitação.

O certo é que, na escola alemã de lisboa, os alunos são seguidos de forma individual, de forma a que, tal como os alunos que aprendem alemão na escola alemã do porto, possam ingressar no ensino superior em Portugal ou na Alemanha. Para tal, importa salientar que a escola alemã de lisboa se orienta pelos seguintes princípios:

  • Encontro – compreendido como a noção de intercâmbio interpessoal, cultural e linguístico entre todos os alunos, professores e colaboradores da escola alemã;
  • Responsabilidade e disciplina – que são a base da aprendizagem nesta escola alemã;
  • Promoção do desenvolvimento pessoal e modelação da personalidade – sabendo que os alunos devem adquirir os conhecimentos sobre a atualidade de forma a que saibam mais do que os dias da semana em alemão e sejam cidadãos plenos e responsáveis;
  • Bom ambiente escolar – para que todos os alunos se sintam bem na escola e haja confiança e responsabilidade entre professores, alunos e colegas;
  • Organização – em que os professores e colaboradores da escola alemã trabalham no sentido de ter uma comunicação aberta e transparentes com os alunos e pais;
  • Pedagogia e formação de qualidade –  sendo que esta escola alemã procura assegurar a melhor qualidade de ensino, mantendo todos os alunos – desde os alunos do jardim de infância (que aprendem as cores em alemão) aos alunos do ensino secundário (que devem saber conjugar os verbos em alemão sem dificuldade) – motivados e capazes de dar resposta aos níveis de exigência impostos por este estabelecimento de ensino.

Escolher um dos cursos intensivos de alemão que Lisboa tem para oferecer

Se, por outro lado, o aluno pretende ingressar na aprendizagem da língua alemã mais tarde, já em adulto, não se preocupe: quer pretenda aprender alemão em Viseu quer viva no Porto, não lhe faltarão opções.

Mas se viver na capital lisboeta, o aluno pode seguir uma das sugestões que se seguem:

  • ingressar num dos cursos intensivos de alemão do goethe institut lisboa;
  • procurar um dos cursos de alemão da escola de línguas Berlitz;

Fazer um curso de alemão no goethe institut lisboa

A primeira grande escola com cursos intensivos de alemão ideais para quem já trabalha, mas quer saber mais do que os dias da semana em alemão é o goethe institut lisboa.

O goethe institut lisboa é um instituto cultural de âmbito internacional da República Federal da Alemanha que tem como objetivo promover o conhecimento da língua alemã no estrangeiro e fomentar o intercâmbio cultural internacional. Tendo sido fundado nos anos 60 em Portugal, tem cerca de 50 anos de experiência no ensino do alemão e na promoção da comunicação intercultural luso-alemã. Assim, é o local ideal para quem nunca frequentou um colégio alemão e, não sabendo como aprender alemão sozinho, quer transformar-se num ás na língua alemã.

Uma professora de alemão, em frente a um quadro branco.
Escolher ingressar num curso do goethe institut lisboa e saber que falar alemão está ao alcance de todos | Fonte: Unsplash

E o que tem o goethe institut lisboa para oferecer aos adultos e jovens com mais de 16 anos interessados em saber bem mais do que os numeros em alemão? Muita coisa:

  • cursos intensivos e cursos extensivos de alemão dos níveis A1 a C2, com conteúdos orientados pelas diretrizes do Quadro Europeu Comum de Referência de Línguas (QECR);
  • múltiplos eventos culturais relacionados com a língua e cultura alemã;
  • um leque diversificado de serviços informativos sobre a Alemanha;
  • formação de professores de alemão;
  • etc.

Cursos intensivos de alemão para empresas

Outro cenário onde surge um frequente interesse na língua alemã é no mundo laboral. Pois é, quer trabalhe numa grande empresa em Lisboa, quer viva no Funchal e queira aprender alemão para comunicar com colegas de trabalho alemães, a verdade é que, nesses casos, saber dizer mais do que bom dia em alemão é muito útil. Por essa razão, há muitas empresas que procuram ensinar alemão aos seus colaboradores e, assim, melhorar o seu desempenho comercial.

Na capital portuguesa, uma das escolas de alemão que dá resposta a esta procura é a Berlitz. A Berlitz é uma escola que oferece:

  • cursos presenciais de grupo para empresas – uma excelente opção para as empresas ou negócios que queiram investir nas capacidades comunicativas dos seus colaboradores e que ensina alemão de forma natural a, no máximo, 7 a 8 participantes em simultâneo, ao ritmo e com a frequência que a referida empresa desejar.
  • cursos virtuais de grupo em empresas – que beneficiam de ser dados por professores nativos e experientes, num calendário totalmente ajustável, e com aulas gravadas para que os alunos possam rever a matéria a todo o momento;
  • seminários de comunicação intercultural – que, além de colocarem os colaboradores das empresas numa situação de comunicação necessária para a prática e fluência linguística, destinam-se a melhorar a forma como as empresas comunicam com diferentes culturas, oferecendo-lhes ferramentas necessárias para que todos os colaboradores atinjam um ótimo nível de comunicação dentro da empresa em que trabalham.
Uma chávena de café, um caderno, uma caneta e um computador em cima de uma mesa de madeira.
Várias empresas procurar cursos intensivos de alemão que permitam que os seus colaboradores aprendam a língua à distância | Fonte: Unsplash

Aprender a utilizar um dicionário de alemão com um professor particular

Se, por outro lado, o aluno não está interessado em ingressar numa escola alemã ou não parece inclinado para seguir a calendarização planeada dos cursos intensivos de alemão do goethe institut lisboa ou da escola de línguas Berlitz, pode ainda escolher ingressar nas aulas de alemão particulares oferecidas pelos professores da Superprof. E, nesse caso, pode fazê-lo quer viva em Lisboa, quer pretenda aprender alemão na cidade de Coimbra.

Com a Superprof – uma plataforma onde o aluno pode encontrar imensos professores disponíveis para lhe ensinar o que quiser, onde e quando quiser – o aluno interessado em aprender muito mais do que a dizer olá e adeus em alemão pode fazê-lo com a ajuda de:

  • um profissional com muitos anos de experiência no ensino do alemão;
  • um aluno de alemão avançado que lhe possa dar uma ajuda com o seu vocabulário alemão;
  • um falante nativo de alemão que o ajude a não incorrer nos erros mais comuns e a praticar a oralidade como ninguém.
Um rapaz em frente a uma estante cheia de livros, numa biblioteca.
Com um professor de alemão particular o aluno saberá escolher um dicionário alemão português perfeito para o ajudar no estudo | Fonte: Unsplash

Assim, se deseja aprender alemão sozinho ou quer simplesmente poder optar pela metodologia que melhor se adapta aos seus objetivos, então siga os nossos conselhos e procure começar por responder a estas questões:

  • Quais as razões que o motivam a pensar "quero aprender alemão"?
  • Gostava de visitar ou viver num dos países que falam alemão? Se sim, porquê?
  • Quais sãos as suas melhores caraterísticas?
  • Quais serão as suas maiores dificuldades durante as aulas de alemão: a gramática, a oralidade, a cultura ou o vocabulário alemão?
  • Sabe quais são as principais caraterísticas da língua alemã?
  • Tem e sabe como utilizar um bom dicionário alemão português?

Quando o aluno souber responder a estas questões e estiver mais esclarecido no que diz respeito às suas motivações para aprender a falar alemão, basta procurar um professor da Superprof que se adeque aos seus objetivos e que esteja disponível para lhe dar aulas totalmente personalizadas.

Além disso, não se esqueça de que com a Superprof pode encontrar um professor de alemão quer viva nas cosmopolitas cidades de Lisboa e Porto, quer deseje aprender a falar alemão no Baixo-Alentejo, na cidade de Beja.

Boa sorte!

Precisa de um professor de Alemão ?

Gostou deste artigo?

5,00/5 - 1 voto(s)
Loading...

Marta

Sou, desde sempre, uma ávida leitora, com o coração apontado para a escrita, e uma bibliófila incurável, com um fraquinho por arquivos e espólios. Hoje, trabalho como revisora, editora e produtora de texto freelancer e sou colaboradora do Centro de Linguística da Universidade de Lisboa.