A meditação é geralmente associada às práticas religiosas ou esotéricas, entretanto, o ato de meditar nada tem a ver com uma religião em especial, e tão pouco com misticismos.

Diferentes estudos na área de neurociências mostram como a meditação age no nosso cérebro e o impacto positivo que ela tem no bem-estar e a na saúde mental. A prática frequente da meditação ajuda a diminuir os efeitos negativos do estresse e aumenta o autocontrole.

Um outro mito em torno da meditação é a idéia de que ela é uma prática reservada aos adeptos do yoga. Na realidade, qualquer pessoa pode meditar. Para isso, ela só precisará de um lugar calmo e recluso, longe do barulho, para que possa se concentrar.

A meditação é, inclusive, excelente para as crianças, pois ela age em zonas do cérebro ligadas à aprendizagem, memorização, concentração e controle de emoções, podendo assim ser um alternativa no tratamento de distúrbios como a hiperatividade.

Mas, como aprender a meditar quando não se sabe nada sobre o assunto? Veja a seguir nossos conselhos para aqueles que desejam se iniciar à meditação sem ter que fazer aulas de yoga.

E se você tem interesse pelo assunto, não deixe de ler nosso guia completo para se tornar um yogi.

Entenda o que é a meditação

Se olharmos o significado da palavra "meditação" no dicionário encontraremos a seguinte definição:

Ação ou efeito de refletir profundamente sobre determinada coisa; resultado dessa ação.

aprenda a melhorar a concentração e o autocontrole através da meditação
A meditação não tem a ver com religiões e pode ser praticada por qualquer pessoa.

De fato, a meditação pode ser definida como uma prática onde o indivíduo utiliza técnicas de concentração para focar sua mente em um pensamento ou atividade em particular, visando alcançar um estado de clareza mental e emocional.

Aprenda os cumprimentos usados pelos yogis!

Sua origem é tão antiga quanto a do yoga e remonta às práticas ancestrais indianas. Apesar de estar fortemente ligada às liturgias budista e hinduísta, ela está longe de ser uma prática reservada aos religiosos que vivem reclusos do mundo em monastérios.

Se trata de uma ferramenta que permite desenvolver o autoconhecimento e pode ser usada por qualquer pessoa que deseje despertar sua consciência, independentemente de crenças religiosas.

A meditação é acima de tudo uma maneira de se reconectar com o inconsciente e de adquirir atenção plena, se concentrando no momento presente. Meditar é tornar-se testemunha dos próprios pensamentos, emoções e sensações físicas, a fim de melhor aceitá-los e integrá-los ao nosso ser.

Você não aprenderá a meditar nos livros! Como qualquer outro conhecimento, é importante, sim, saber a teoria, mas é somente através da prática que você conseguirá perceber uma real evolução.

Leia nosso post completo e descubra todos os benefícios do yoga e da meditação .

Porque você deveria começar a meditar?

Meditar traz inúmeros benefícios para o corpo e para a mente. A maior vantagem é que ela pode ser praticada por todos e  não é necessário nenhum tipo de treinamento para aprender a meditar.

Meditar regula a quantidade de oxigênio consumido pelo cérebro e evita o uso desnecessário de energia, o que impacta diretamente sobre o desempenho físico e intelectual. As energias vitais que mantém nosso corpo funcionando corretamente são usadas de forma otimizada quando se pratica meditação.

Aprenda a realizar as asanas corretamente!

cultive o hábito de meditar
Prática ancestral indiana, meditar reduz os riscos de depressão e de doenças cardiovasculares.

Para pessoas que sofrem com crises de ansiedade, a meditação pode ser um excelente tratamento alternativo, pois ela proporciona relaxamento e ajuda a trabalhar o controle das emoções. Meditar pode, dessa forma, ajudar a combater a depressão e a síndrome de burnout.

Outro benefício proporcionado pela meditação é a melhora da qualidade do sono. Todos sabemos o quanto o sono é importante para o nosso organismo e o quanto a falta dele pode afetar nosso desempenho no trabalho ou nos estudos.  Quem medita frequentemente tem mais facilidade em pegar no sono e dorme melhor.

Por fim, mas não menos importante, a concentração também é otimizada através da meditação. Os exercícios de respiração aumentam gradualmente a capacidade de manter o foco e de realizar uma tarefa com maior precisão.

Além disso, a meditação ajuda também na perda de peso graças ao autocontrole que se reflete na alimentação. A compulsão alimentar é geralmente associada à ansiedade e a perda de controle sobre si mesmo.

Ao combinar uma reeducação alimentar com exercícios físicos e meditação, as chances de sucesso no processo de emagrecimento são maiores.

Ela estimula igualmente o sistema imunológico e reduz dores físicas como dor de cabeça, dor nas costas, sensação de fadiga e esgotamento; e diminui os riscos de doenças cardiovasculares.

Veja nossas dicas para escolher o melhor tapete de yoga .

Como se iniciar à meditação?

Agora que você deixou suas reticências de lado e está convencido dos benefícios que a  meditação proporciona, vamos praticar!

A primeira sessão de meditação pode ser um pouco complicada de se realizar. De fato, a meditação não se aprende da noite para o dia. Ficar sentado, sem se mover e se concentrar apenas na sua respiração pode ser difícil num primeiro momento, especialmente se você é uma pessoa que está sempre ativa, você pode praticar yoga em casa.

para os iniciantes em meditação é indicado seguir algumas regras
Encontrar um lugar onde você se sinta à vontade e longe de distrações é importante na hora de meditar.

Mas não desanime, a persistência é a chave do sucesso em qualquer coisa nova que nos comprometemos a fazer. Com a meditação não é diferente! O mais difícil quando começamos a meditar é conseguir esvaziar a mente e não "pensar em nada". A própria idéia de não poder pensar em nada nos faz automaticamente pensar em mil coisas. Você pode começar com uma aula de yoga para iniciantes, sempre bom para testas se você se adapta.

Existem vários métodos de meditação profunda e com a prática é possível meditar em qualquer lugar, a qualquer hora do dia e até mesmo sem fechar os olhos! Mas quando começamos, o melhor é seguir algumas regras simples para facilitar o aprendizado:

  • Encontre o bom momento: no início, tente meditar em diferentes momentos dos seu dia. Isso o ajudará a descobrir em que horário você está mais concentrado e, portanto, mais preparado para meditar;
  • Escolha um lugar calmo: como dissemos acima, com o tempo e a prática você será capaz de meditar em qualquer lugar, mesmo nos mais barulhentos. Todavia, quando se é iniciante, o ideal é procurar um lugar tranquilo, longe de barulhos e outras possíveis distrações. também e importante que você se sinta confortável, então o mais indicado é escolher um lugar familiar;
  • Defina a duração de sua meditação: é importante estabelecer um tempo mínimo e máximo que você dedicará à meditação. Também é importante respeitar esse tempo a fim de criar uma rotina. O recomendado é começar por 10 minutos de meditação por dia e ir aumentando gradativamente caso sinta necessidade;
  • Escolha uma posição confortável: embora seja possível meditar em diferentes posições, a mais indicada é a posição sentada, especialmente se você é iniciante. Feche os olhos ou fixe um ponto na sua frente e não se esqueça de manter a coluna alinhada;
  • Controle sua respiração: tomar consciência da sua própria respiração é a primeira etapa para a meditação. Concentre-se, respire profundamente e siga mentalmente o caminho que o ar faz até chegar aos seus pulmões;
  • Solte as rédeas da sua mente: você pode pensar em nada ou em tudo ao mesmo tempo. O importante é não se preocupar com os pensamentos, deixe-os circular livremente pela sua mente.

Tente analisar seu progresso a cada meditação, mas seja flexível e gentil consigo mesmo. Não se cobre muito e sinta-se feliz a cada pequeno progresso. Isso o ajudará a conservar a motivação e a trabalhar os pontos a serem melhorados.

Aprenda tudo que você precisa saber para praticar yoga sozinho!

Como praticar meditação mindfulness (consciência plena)

Muito se fala sobre mindfulness hoje em dia, mas o que é exatamente isso? O termo pode ser definido de diversas formas, porém a maioria das definições coincidem em dois aspectos:

  1. Estado de consciência plena, ou seja, uma consciência focada no momento presente, tanto no que diz respeito aos pensamentos quanto aos sentimentos;
  2. Atitude aberta e positiva com relação aos sentimentos e emoções, adotando uma postura livre de autocríticas.
a meditação ajuda a atingir o estado de atenção plena
O mindfulness pode ajudá-lo a viver melhor e mais feliz.

Descubra os benefícios do yoga do riso!

É possível atingir o estado de consciência plena através da meditação. O exercício mental de consciência plena está relacionado a estar atento, lúcido e adotar uma postura livre de crítica. O objetivo é conhecer profundamente seus próprios pensamentos para evitar sentir-se atormentado por eles, e dessa forma poder administrá-los melhor.

Alcançar o estado de consciência plena requer muito esforço, pois é difícil atingir um grau tão alto de desprendimento das coisas que nos afligem de um dia para o outro. Para alcançar esse estado é necessário dedicar tempo para treinar sua mente.

No início, a respiração compassada pode ajudar a pessoa a meditar, mas esse não deve ser o único propósito da meditação, em especial quando se trata de mindfulness. Certos pensamentos podem se apresentar constantemente a você durante a meditação, o que indica que talvez algo o está incomodando e precisa ser resolvido, aulas de yoga online podem te dar uma boa ideia de como funciona.

Se sua mente divaga muito é sinal de que ocupada. Se, por outro lado, um pensamento volta inevitavelmente, é porque merece que você o aborde com atenção plena.

Os benefícios dessa prática meditativa são muitos. Ela tem, sobretudo, um efeito positivo em pessoas que sofrem de pressão alta, doenças cardíacas e dores crônicas. Também melhora a concentração e ajuda a superar a depressão, a ansiedade e os vícios. Ótimas razões para começar a praticar, não acha?

Pratica corrida também?  como o yoga pode te ajudar a correr melhor .

Precisa de um professor de Yoga ?

Gostou deste artigo?

0,00/5, 0 votes
Loading...

Ricardo

Marketeer. Professor. Country Manager. Redator. Dedicação a 200% em tudo o que me comprometo ao longo da minha vida. Adoro as diferentes personalidades existentes em ambiente profissional e social. Em constante transformação. Escrevo para partilhar o meu conhecimento e entusiasmo aos leitores que queiram ver respondidas as suas questões ou aprofundar algum tema.