A história e cultura das artes é uma disciplina que conta, por imagens, objetos, edifícios, ações e acontecimentos a evolução do mundo, da cultura e principalmente a história da mente humana.

Para além disso, reconhecemos que esta matéria é, sem dúvida, muito complexa e é preciso saber que os vários continentes e até os vários países contam a sua própria história e por consequência, são detentores da sua própria cultura, ou seja, a sua própria história da arte.

Se sempre foi amante das artes mas não tem grande vocação para pintar ou esculpir e não sabe se deve ou não especializar-se nesta disciplina, aconselhamos que leia este artigo pois vamos dar-lhe boas razões pessoais e profissionais para que invista nesta formação. Está preparado? Vamos lá!

Os melhores professores de História disponíveis
Gabriel
5
5 (11 avaliações)
Gabriel
10€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Inês cavadas
5
5 (16 avaliações)
Inês cavadas
12€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Isabel
4,9
4,9 (7 avaliações)
Isabel
8€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Sandra
5
5 (30 avaliações)
Sandra
9€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Carolina
5
5 (3 avaliações)
Carolina
15€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Filipa
5
5 (8 avaliações)
Filipa
15€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Fabricio
5
5 (13 avaliações)
Fabricio
6€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Maria
5
5 (2 avaliações)
Maria
12€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Gabriel
5
5 (11 avaliações)
Gabriel
10€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Inês cavadas
5
5 (16 avaliações)
Inês cavadas
12€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Isabel
4,9
4,9 (7 avaliações)
Isabel
8€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Sandra
5
5 (30 avaliações)
Sandra
9€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Carolina
5
5 (3 avaliações)
Carolina
15€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Filipa
5
5 (8 avaliações)
Filipa
15€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Fabricio
5
5 (13 avaliações)
Fabricio
6€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Maria
5
5 (2 avaliações)
Maria
12€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Vamos lá

As aulas de história da arte oferecem cultura

É de conhecimento geral que a história da arte oferece, em primeira instância, um conhecimento alargado de cultura geral pois sabemos que nesta disciplina são estudadas obras de arte que contam os acontecimentos históricos dos países provenientes das mesmas assim como as teorias de pensamento, os costumes, os ideais e os motes da época referentes à sua realização.

A história das artes, tal como a historia, é feita de pessoas e por consequência, dos atos dessas mesmas pessoas, e por isso, considera-se que as obras de arte constituem num documento histórico precioso e palpável para quem o souber analisar e interpretar.

arte de rua lisboa
As aulas de história da arte são um ótimo recurso para aumentar a sua cultura geral. | Fonte: Pixabay

Depois da preparação para as aulas de história da arte irá aprender quais foram os movimentos ou épocas cronológicas que marcaram esta disciplina, os nomes das personalidades mais marcantes nesta área, assim como as suas obras de arte mais emblemáticas, além da interpretação e técnicas utilizadas nas mesmas.

Toda esta informação é extremamente valiosa se for vista à luz da localização e da data em que foi concretizada, para que posteriormente, se consiga extrair conclusões concretas sobre a história da evolução do pensamento e da humanidade.

Para além disso, se frequentar um curso de história da arte, poderá mostrar os seus conhecimentos sobre esta matéria aos seus amigos e conhecidos, o que poderá ser um tema de conversa muito interessante para si e entusiasmar todos que o rodeiam, apenas com o seu discurso.

Se está mesmo interessado em obter este tipo de especialização mas não sabe onde ter aulas de história da arte, consulte a plataforma da Superprof e descubra qual o professor com a melhor formação, a melhor experiência e principalmente, o que mais se adapta aos seus objetivos de aprendizagem!

O curso de história da arte pode dar-lhe uma carreira profissional

Sempre foi apaixonado pelas artes e sonha em trabalhar num local rodeado de obras de arte? Se a resposta a esta pergunta é sim, aconselhamos que frequente um curso de história da arte.

Se conseguir um cargo num museu, terá de saber quais os nomes dos pintores representados na instituição, a que período da história da arte pertencem, quais as técnicas, materiais e conceitos utilizados pelos mesmos e ainda, quais as suas motivações artísticas.

Ao trabalhar num museu, numa galeria ou numa instituição expositiva, pode ser selecionado para fazer visitas guiadas ao espaço e por isso deve:

  • preparar o seu discurso;
  • estar confiante da sua exposição;
  • estar preparado para responder a dúvidas e questões;
  • contar algumas curiosidades sobre os artistas ou obras apresentadas.
Rapaz a admirar um quadro
A especialização em história da arte é a formação ideal se sempre idealizou trabalhar num espaço museológico. | Fonte: Unsplash

Assim, vai mostrar que é realmente um conhecedor especializado desta matéria e o seu público ficará radiante assim que ouvir a história e as curiosidades que um especialista desta matéria tem para contar. Afinal, a história da arte vive da emoção de quem a faz, e para quem a vê.

Por outro lado, o curso de história da arte pode abrir portas para outras profissões como ser professora de história da arte, ser investigador ou ainda redator de artigos em revistas do ramo. Assim, e ao contrário do que a maioria da população possa pensar, existem ainda algumas opções profissionais para quem escolhe obter este tipo de especialização.

Se mesmo assim tiver algumas dúvidas sobre o que é preciso para ter aulas de história da arte, saiba que pode ler sobre isso na plataforma Superprof!

O curso da história da cultura e das arte permite conhecer a evolução da mente humana

Tal como já foi referido anteriormente, a história, assim como a história da arte são realizadas e eternizadas pelo homem, ou seja, pela ação humana. E isto significa que, ao conhecer algumas das obras mais emblemáticas da história da arte, assim como os seus autores, vai por consequência, ficar a saber mais sobre a mudança das mentalidades ao longo dos tempos.

A afirmação anterior torna-se verdadeira se pensarmos em alguns exemplos:

  • Leonardo Da Vinci: esta famosa personalidade é considerada um dos mais importantes do seu tempo, se não um dos nomes mais relevantes da história da arte e da ciência. Leonardo da Vinci é um nome associado à época do Renascimento e este momento na história foi marcado pela sede de conhecimento, das descobertas e das inovações. E este artista ou cientista tornou-se na personificação destes desejo pois sabe-se que os seus desenhos de estudo e obras de arte são documentos preciosos que retratam muitos assuntos tidos em conta na altura, como por exemplo, a noção (ou a distorção) da perspetiva, a gradação da cor e ainda o sonho do ser humano conseguir voar;
  • Pablo Picasso: este é considerado por muitos historiadores como o pioneiro do modernismo. Tal se torna verdade se tivermos em conta que, nas suas obras de arte mais famosas, este pretendia retratar a terceira dimensão ao multifacetar os rostos das suas personagens e certos elementos da paisagem. O Modernismo foi um movimento artístico que surgiu no fim do século XIX e início do século XX que tal como o próprio nome indica, fez reavivar noções que ainda hoje são estudadas e questionadas pelos especialistas, tal como a noção de movimento e de tempo;
  • Umberto Boccioni: tal como Pablo Picasso, este artista surgiu também na transição do século XIX para o século XX e a sua maior preocupação foi materializar conceitos como o movimento, a velocidade e o tempo. Estes termos fizeram com que este fosse o principal nome a referenciar quando o Futurismo é o tema principal de debate.
Obra de Leonardo da Vinci
Leonardo da Vinci é um dos nomes mais importantes da história e cultura das artes. | Fonte: Unsplash

Assim, e se estudarmos as inspirações dos artistas mais conhecidos, podemos perceber também quais as preocupações e questões que invadiram a mente humana ao longo dos tempos.

Se ficou curioso em saber mais sobre estes artistas e se quer saber quais os materiais utilizados nas aulas desta disciplina, leia o nosso artigo sobre os recursos necessários às aulas de história da arte.

As aulas história online ou de história da arte permitem conhecer a história do mundo

É de conhecimento geral que a história da arte não é uma disciplina linear e não se desenvolveu uniformemente por todo o mundo. Isto significa que, se na parte ocidental do globo, os motes de criação artística no século XV e XVI eram o apuramento do conhecimento ou o estudo de técnicas artísticas inovadoras (como o chiaroscuro), na parte oriental do mundo as motivações artísticas eram completamente diferentes.

Ou seja, cada parte do globo, cada região, cada continente ou até mesmo cada país usufruiu e construiu a sua própria história das artes e os museus foram a estrutura inventada mais eficaz para eternizar esses momentos até aos nossos dias.

Assim, e se pretender estudar história da arte em Portugal, não se esqueça de, em primeiro lugar, perceber se quer estudar história da arte ocidental ou oriental. Posteriormente, pode escolher se quer fazer um curso mais especializado em períodos históricos ou artísticos (como a Época Medieval ou a Época Contemporânea), ou se pretende ter uma visão geral histórica ao longo dos tempos. Por fim, e se quer ser rigoroso na abordagem dos temas, nunca se esqueça de contextualizar a obra de arte ou o artista em questão no tempo (ou no século) e no espaço (ou seja, geograficamente), pois o contexto cultural e histórico que o artista em questão vivenciou vão influenciar, consciente ou inconscientemente as preocupações ou motes de criação artística abordados por este nas suas obras de arte.

A história da arte oriental é diferente da ocidental.
O conhecimento sobre os diferentes periodos da historia da arte permitem conhecer também a história do mundo. | Fonte: Unsplash

Se está motivado para ter aulas de história da arte particulares, aconselhamos que visite a plataforma Superprof e perceba qual o preço das aulas de história da arte na sua cidade!

Nesta plataforma existem muitos professores de história da arte que estão ansiosos para lhe ensinar quem foi Sandro Botticelli ou quais as obras mais famosas de Leonardo da Vinci. Temos a certeza que vai valer a pena!

>

A plataforma que conecta profes particulares e alunos

1ª aula gratuita

Gostou deste artigo? Deixe a sua avaliação!

5,00 (1 note(s))
Loading...

Marília

Sou licenciada em História da Arte e Mestre em Estudos Artísticos, na vertente de Teoria e Crítica da Arte. No passado, escrevi também alguns artigos para a revista Umbigo (online) e criei e geri todos os conteúdos da plataforma pensarte.pt.