Se vai começar a exercer brevemente funções de professor ou explicador de aulas de reforço escolar para crianças ou adultos, já se perguntou, certamente, como vai planear as suas lições e qual a melhor maneira de o fazer. Estamos certos?

Podemos começar por dizer que não existem regras nem fórmulas específicas e rígidas para conseguir fazer a estrutura perfeita para dar explicações online de português porque os estudantes que irá encontrar ao longo do seu percurso como profissional desta área serão todos diferentes e terão certamente dificuldades e questões diversas.

Assim sendo, é necessário ter em conta que as lições de apoio ao estudo vão ser diferentes dependendo do aprendiz em questão pois também este pode procurar este tipo de aprendizagem por variadas razões: para ter um acompanhamento contínuo daquilo que é falado na escola, para conseguir uma melhor classificação numa determinada disciplina ou ainda para se preparar para um exame ou teste importante que será a chave para a entrada na faculdade

Dito isto, convidamo-lo a ler este artigo pois vamos expor várias técnicas e ferramentas que poderá utilizar para programar uma aula de reforço dinâmica, produtiva e satisfatória, quer para si, quer para todos os seus estudantes.

Os melhores professores de Explicações disponíveis
Pedro
5
5 (17 avaliações)
Pedro
15€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Isabel
4,9
4,9 (8 avaliações)
Isabel
6€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Francisco
5
5 (29 avaliações)
Francisco
15€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Sandra
5
5 (30 avaliações)
Sandra
9€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
São
5
5 (6 avaliações)
São
6€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Francisco
5
5 (15 avaliações)
Francisco
15€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Jorge
5
5 (5 avaliações)
Jorge
5€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Susana
5
5 (10 avaliações)
Susana
11€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Pedro
5
5 (17 avaliações)
Pedro
15€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Isabel
4,9
4,9 (8 avaliações)
Isabel
6€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Francisco
5
5 (29 avaliações)
Francisco
15€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Sandra
5
5 (30 avaliações)
Sandra
9€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
São
5
5 (6 avaliações)
São
6€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Francisco
5
5 (15 avaliações)
Francisco
15€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Jorge
5
5 (5 avaliações)
Jorge
5€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Susana
5
5 (10 avaliações)
Susana
11€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Vamos lá

Conheça o seu aluno das explicações

Em primeiro lugar, o profissional desta área deverá identificar quais os principais traços de personalidade do seu aprendiz, assim como as suas maiores dúvidas e os seus pontos fortes.

Pode começar uma primeira conversa com o aprendiz, perguntando sobre quais os temas que estão a ser abordados atualmente na sala de aula da escola, quais os assuntos que ele já domina e quais são aqueles que lhe trazem mais questões e inquietações.  Para definir as datas dos objetivos a cumprir, é também importante saber se o estudante terá um teste ou exame nos próximos dias ou semanas, se ele está preparado ou se sabe como se preparar.

Planear as aulas conhecendo os estudantes
Para conseguir planear as suas lições ou explicações de português de forma eficiente, os professores devem conhecer bem os seus estudantes. | Fonte: Pixabay

Depois desta conversa, temos certeza que a empatia e a confiança entre si e o seu estudante vai começar a crescer e isso é muito importante! Somos da opinião que quando existe uma relação amigável de de confiança com o aprendiz, a comunicação entre os dois também se torna mais fácil e os resultados académicos são, sem dúvida, mais satisfatórios.

Para além de ter uma boa relação com o estudante, o profissional desta área deve também ter uma relação razoável com os pais do estudante. Estes três sujeitos devem sentir-se à vontade para falarem das dificuldades e progressos no percurso académico do aprendiz em questão, assim como, para debaterem os métodos e materiais pedagógicos a usar, em que condições de trabalho o aluno vai frequentar as lições de apoio ao estudo e outros assuntos relacionados com este tipo de ensino.

Em suma, defendemos que a boa comunicação, a confiança e a empatia com o estudante e os pais do mesmo são fatores fundamentais para que as suas lições tenham resultados satisfatórios no percurso académico do estudante em questão. E este tipo de relação só é possível se o professor ou explicador das explicações particulares de português ou matemática conhecer a personalidade, as dúvidas e os pontos fortes dos seus aprendizes.

Ao conhecer os seus aprendizes vai também perceber quais as técnicas a utilizar nas suas explicações ou aulas de apoio escolar online.

Defina um plano das suas aulas de apoio ao estudo

Depois do primeiro contacto com o estudante, o profissional desta área deve definir qual o plano que vai adotar durante o tempo de aprendizagem.

Em primeiro lugar deve ser definido onde vai ser dado o acompanhamento, se a aula é presencial ou realizada de forma remota, qual o horário da mesma, a duração e a frequência com que vai prestar este tipo de serviço.

Se por um lado, preferir dar lições deste género à distância tem de ter em conta que tanto profissional como o estudante, devem ter uma boa conexão à internet, um sistema de som em perfeitas condições, microfone e devem estar situados num lugar iluminado e tranquilo durante o tempo de aprendizagem.

Exercícios das explicações online.
Os exercícios das lições de acompanhamento ou explicações serão diferentes das explicações realizadas em sala de aula. | Unsplash

Se, por outro lado, pretender dar aulas presenciais, não se esqueça de definir bem o sítio com o seu cliente e de se certificar que esse mesmo lugar é um sítio calmo, iluminado e com boas condições de trabalho. Aconselhamos ainda que, se optar por este tipo de ensino, não aconselhe muitos materiais pedagógicos físicos para não criar cansaço físico ou fadiga ao estudante, mesmo antes do início da aula.

De seguida, deve ter em conta quais os materiais, as ferramentas, ou as metodologias de estudo que vai adotar durante as suas aulas de reforço escolar. Sabemos que os livros são uma opção clássica e obrigatória mas se quer ser o profissional desta área mais criativo e dinâmico das lições deste tipo, pode optar por outro tipo de materiais e recursos, dependendo da disciplina a lecionar:

  • mapas: este tipo de recurso é muito utilizado nas disciplinas de história e geografia e dá ao estudante uma noção mais clara do tempo e do espaço dos acontecimentos;
  • gráficos: este tipo de material pode ser utilizado nas explicações de matemática ou contabilidade;
  • maquetes: as maquetes podem ser usadas em explicações  particulares ou online de geografia ou em aulas de apoio de arquitetura;
  • Recursos Auditivos: a música e a leitura em voz alta são ótimos recursos para ajudar a memorizar conteúdos;
  • Desafios como exercícios e questionários: este tipo de ferramenta pode ser utilizado na aprendizagem de praticamente todas as disciplinas teóricas;
  • jogos educativos em plataformas e websites: sabemos que a tecnologia está cada vez mais presente no dia-a-dia dos mais jovens e por isso, o seu aprendiz vai gostar de aprender português ou outros idiomas, enquanto se diverte com esta ferramenta;
  • documentários: este tipo de ferramenta é bastante utilizado em lições de história ou história da arte e ajuda também na memorização dos conteúdos lecionados.

Posteriormente, o profissional deve avaliar o progresso do seu estudante e alterar ou readaptar os métodos e meios de aprendizagem. Este tipo de avaliação pode ser feitas através da realização de mini-testes para o seu aprendiz, ou através da explicação oral de alguns temas abordados em tempo de aula. Com este tipo de prática, profissional e aluno ganham uma noção daquilo que já foi aprendido e quais os assuntos que precisam de ser aprofundados.

Não se esqueça que as lições de apoio ao estudo podem ser momentos dinâmicos e criativos mas a educação e o percurso académico do aprendiz deve estar sempre em primeiro lugar. Temos a certeza que se priorizar o bom aproveitamento académico de quem frequenta os seus cursos ou lições, a satisfação pessoal será geral: em primeiro lugar a do estudante e dos seus encarregados de educação, e posteriormente a sua, como profissional desta área tão complexa.

Recompense o estudante das aulas de apoio escolar

As lições deste tipo são um tipo de aprendizagem particular, onde existe um ambiente mais íntimo e personalizado. Isto significa que, neste tipo de aprendizado o profissional desta área compreenderá melhor quando o seu estudante fizer algum tipo de progresso e esse feito deve ser recompensado.

O museu pode ser um lugar de aprendizagem.
Os professores de reforço escola podem recompensar os seus alunos, proporcionando um dia de atividades diferentes e educativas. | Fonte: Unsplash

Para recompensar os seus aprendizes pelo esforço, dedicação e objetivos já cumpridos, o professor ou explicador pode organizar um evento mais lúdico durante o tempo de aula: como uma atividade ou um jogo em que o aluno se diverte mas também aprende; ou então, pode levar o estudante a um lugar pedagógico exterior ao de aprendizagem, como por exemplo um museu. Não se esqueça que se adotar por este último tipo de recompensa, deve informar os encarregados de educação do seu aprendiz.

Como já referimos, um estudante motivado é um estudante que vai conseguir mais facilmente os seus objetivos académicos e este tipo de recompensas cria, para além de motivação, uma relação mais estreita, próxima e confiante entre o profissional e o estudante das explicações particulares de português ou matemática.

E agora? Já percebeu qual é a importância das aulas de reforço escolar?

A Superprof é a plataforma ideal para quem quer ser professor particular.
A Superprof é uma plataforma de aprendizagem particular e personalizado, onde alunos e professores definem os objetivos de estudo de forma direta. | Fonte: Unsplash

Se a resposta é sim e se já se sente pronto para  planear as suas aulas de apoio ao estudo, aconselhamos que se inscreva na Superprof!

A Superprof é uma plataforma onde muitos estudantes e profissionais já se encontram inscritos e prontos para partilharem dúvidas e esclarecimentos.

Na nossa plataforma, assuntos como o tipo de aprendizagem, a metodologia a adotar, a carga horária dos cursos, os materiais pedagógicos a utilizar e o valor das aulas são temas exclusivamente discutidos entre profissional e estudante,

Inscreva-se já! Temos a certeza que será o super professor ou explicador com o plano de estudos mais criativo e dinâmico de sempre!

Sabia que há quem aconselhe a frequentar explicações durante as férias de verão?

>

A plataforma que conecta profes particulares e alunos

1ª aula gratuita

Gostou deste artigo? Deixe a sua avaliação!

5,00 (1 note(s))
Loading...

Marília

Sou licenciada em História da Arte e Mestre em Estudos Artísticos, na vertente de Teoria e Crítica da Arte. No passado, escrevi também alguns artigos para a revista Umbigo (online) e criei e geri todos os conteúdos da plataforma pensarte.pt.