Se está a fazer um curso ou um workshop fotográfico, porque não procurar por inspiração nos maiores fotógrafos lusófonos para melhorar a sua técnica fotográfica?

Na duração dos cursos de fotografia ou das aulas particulares, o estudante será inevitavelmente confrontado com algumas das fotografias mais famosas de artistas dos países de língua portuguesa, para estudar as diferentes técnicas de composição e edição da oitava arte.

Estudar o estilo de cada uma das fotografias mas também a biografia e formação destes artistas ilustres é essencial para se tornar um fotógrafo profissional e adquirir alguma cultura artística no decorrer do curso.

Para o ajudar no processo de aprendizagem, a Superprof criou uma pequena lista dos melhores fotógrafos lusófonos para poder começar a estudar fotografia com toda a inspiração que precisa para o curso.

Os melhores professores de Fotografia disponíveis
Luís
5
5 (10 avaliações)
Luís
25€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Kauê
5
5 (13 avaliações)
Kauê
10€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Francisca
Francisca
7€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Dumi
5
5 (6 avaliações)
Dumi
12€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Gil
5
5 (8 avaliações)
Gil
10€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Rodrigo
5
5 (16 avaliações)
Rodrigo
10€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Luís
5
5 (6 avaliações)
Luís
15€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Joana
5
5 (4 avaliações)
Joana
14€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Luís
5
5 (10 avaliações)
Luís
25€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Kauê
5
5 (13 avaliações)
Kauê
10€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Francisca
Francisca
7€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Dumi
5
5 (6 avaliações)
Dumi
12€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Gil
5
5 (8 avaliações)
Gil
10€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Rodrigo
5
5 (16 avaliações)
Rodrigo
10€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Luís
5
5 (6 avaliações)
Luís
15€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Joana
5
5 (4 avaliações)
Joana
14€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Vamos lá

1. João Morgado e workshop fotografia

João Morgado é um arquiteto e fotógrafo português reconhecido internacionalmente. Especializou-se no campo da fotografia de arquitetura, e foi reconhecido em 2016 pela publicação internacional Topteny como um dos 10 melhores fotógrafos de arquitetura do mundo.

Tem um estilo fotográfico muito particular e utiliza drones para tirar fotografias aéreas. O seu trabalho nesta área conseguiu que fosse vencedor do Prémio ARCAID Images.

mulher com maquina
Nas aulas do curso ou workshop, os professores utilizam fotografias destes artistas para demonstrar ao estudante cada técnica de duração à exposição da luz, composição e edição de imagem. | Fonte: Pexels.com

Parte da formação num curso ou workshop fotográfico também inclui estudar os fotógrafos mais famosos do mundo.

2. Curso fotografia e Jorge Molder

Jorge Molder nasceu em Lisboa em 1947, e é filho de um judeu originário da Hungria que veio para Portugal em 1933. A sua formação no ensino superior é na área da filosofia e trabalhou como psicólogo militar durante o tempo da Guerra Colonial.

Possui um percurso nacional e internacional como fotógrafo extenso. Foi um dos artistas convidados na Bienal de São Paulo de 1994 e representou Portugal na Bienal de Veneza de 1999. Além da sua obra fotográfica extensiva, também ganhou o prémio AICA.

Se fizer formação com um workshop ou aulas com professores particulares, vai precisar de alguns livros de fotografia.

3. Augusto Cabrita e curso profissional de fotografia

Augusto Cabrita nasceu em 1923, no Barreiro. Como fotógrafo, entre várias obras, efetuou também a ilustração fotográfica de toda a obra literária de Carlos Oliveira.

Durante a sua carreira, foi autor de capas de discos de variados artistas musicais portugueses. Em 1957 realizou a reportagem da visita da rainha Isabel II a Portugal para a RTP, e durante a década de 1960 realizou inúmeros documentários para a televisão portuguesa.

4. Workshop de fotografia e Júlio Bernardo

Júlio Bernardo nasceu em 1916 no Algarve. Destacou-se principalmente na arte da fotografia, tanto a cores como a preto e branco e recebeu vários prémios, tanto em Portugal como no estrangeiro.

Além do seu trabalho como fotógrafo, ensinou um curso de fotografia no Centro de Língua, Cultura e Comunicação, que foi concluído com uma exposição das obras dos alunos e alguma curtas metragens. Também publicou um livro, onde expôs fotografias e pinturas da sua autoria.

rolos fotograficos
Os artistas lusófonos de cariz internacional fazem parte da formação que cada estudante recebe num curso do ensino superior, curso profissional ou nas aulas particulares. | Fonte: Pexels.com

Trabalhou como fotógrafo publicitário para uma empresa turística de Londres, para a qual também executou uma pintura mural na sede e fez três filmes publicitários a cores. Parte da sua obra fotográfica está exposta no museu de Portimão.

Os melhores professores de Fotografia disponíveis
Luís
5
5 (10 avaliações)
Luís
25€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Kauê
5
5 (13 avaliações)
Kauê
10€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Francisca
Francisca
7€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Dumi
5
5 (6 avaliações)
Dumi
12€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Gil
5
5 (8 avaliações)
Gil
10€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Rodrigo
5
5 (16 avaliações)
Rodrigo
10€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Luís
5
5 (6 avaliações)
Luís
15€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Joana
5
5 (4 avaliações)
Joana
14€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Luís
5
5 (10 avaliações)
Luís
25€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Kauê
5
5 (13 avaliações)
Kauê
10€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Francisca
Francisca
7€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Dumi
5
5 (6 avaliações)
Dumi
12€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Gil
5
5 (8 avaliações)
Gil
10€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Rodrigo
5
5 (16 avaliações)
Rodrigo
10€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Luís
5
5 (6 avaliações)
Luís
15€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Joana
5
5 (4 avaliações)
Joana
14€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Vamos lá

5. Sebastião Salgado e cursos fotografia

Sebastião Salgado é um dos artistas mais conhecidos no que diz respeito à arte da fotografia. A sua obra baseia-se sobretudo em fotografias documentais, em branco e preto, que registam situações e questões importantes ao longo do tempo, como o quotidiano de índios, trabalhadores, migrantes do campo para as cidades e, mais recentemente, situações em que a natureza é explorada em certos lugares do planeta.

Formado inicialmente em economia, abandonou esta carreira profissional pela fotografia e para poder viajar pelo mundo para captar imagens cada vez mais surpreendentes. É o membro mais novo da Academia de Belas Artes da França e um representante especial da UNICEF.

E se estiver a pensar em fazer um curso ou um workshop fotográfico, porque não aproveitar a oportunidade para aprender mais sobre a história das fotografias?

6. Cursos profissionais fotografia e Márcio Cabral

Márcio Cabral é um dos cinco principais nomes mundiais em fotografia panorâmica. Coleciona vários prémios internacionais e bateu e recorde do Guinness em 2016, ao mostrar imagens magníficas que se escondem sob as águas no Mato Grosso do Sul, com uma técnica que reproduz altas resoluções em 360º.

Tem formação no ensino superior na área de geografia, mas em 1996 começou a fotografar profissionalmente e já publicou várias imagens nas principais revistas especializadas em fotografia e de natureza como a Outdoor Magazine, BBC Wildlife, Sportdiver, Geo Magazine, Biographic e New Science. Além disso, várias imagens das suas fotografias também foram publicadas no livro Night Vision, da National Geographic.

Já pensou em ter aulas particulares ou fazer um curso de fotografia online?

7. Luiz Tripolli e curso de fotografia profissional

Um dos pioneiros da fotografia de moda no Brasil, imortalizou a nudez das mulheres em capas de revistas como a Fairplay e a Playboy.

mao a segurar polaroid
Muitos destes artistas têm formação no ensino superior em outras áreas a aprenderam a trabalhar com a câmara digital e a fazer composição e edição fotográfica de forma autodidata. | Fonte: Pexels.com

Como autor de fotografias icónicas de moda e publicidade, é reconhecido pelo seu estilo de fotografias dramáticas, com uma aura cinematográfica. Os críticos consideram que as suas imagens são registos de intenções bem definidas, pré-determinadas, que tentam criar impacto nas sensações humanas, com uma explosão dos desejos do inconsciente coletivo.

8. Workshops de fotografia e Luisa Dorr

Esta fotógrafa foi descoberta pela editora da revista Time através do Instagram, com um desafio de criar um editorial completo utilizando apenas um iPhone. O maior desafio do projeto recaia nas personalidades que eram fotografadas, as 46 mulheres mais influentes do mundo eleitas pela revista americana. Falamos de nomes como Oprah Winfrey, Hillary Clinton e Aretha Franklin, com grande influência mundial.

O seu sucesso neste projeto, levou a que fosse nomeada pela revista como uma das 34 melhores fotojornalistas para ser seguida nas redes sociais.

Uma das coisas que os professores ensinam aos alunos nos cursos é a utilizar uma máquina fotográfica digital.

 9. João Roberto Ripper e aulas de fotografia

Este fotógrafo documentarista e humanista tem como proposta colocar a fotografia a serviço dos Direitos Humanos e da informação múltipla. É um artista autodidata e iniciou a sua carreira profissional nos jornais brasileiros.

Além do seu trabalho fotográfico, tem papel primordial na defesa dos direitos e na melhoria das condições de trabalho dos fotógrafos no Brasil, em virtude de militância trabalhista e sindical. Para tal, tornou-se presidente da Associação dos Repórteres Fotográficos e Cinematográficos do Rio de Janeiro e presidente do Sindicato dos Jornalista Profissionais do Rio de Janeiro.

maquina digital
Na duração dos cursos, sejam cursos do ensino superior ou aulas particulares, dão ao estudante acesso a informações e técnicas a que não teriam acesso sem os professores. | Fonte: Pexels.com

Também publicou um livro com o nome “Imagens Humanas”, que apresenta 195 fotografias, algumas delas inéditas, selecionadas a partir de uma coleção de mais de 150 mil exemplares, que arrebatam o olhar e traduzem a realidade do país, com a sensibilidade que legitima o trabalho do artista.

Agora que leu até aqui, já conhece o trabalho de alguns dos fotógrafos mais influentes da nossa língua. Sabemos que a lista não é exaustiva e estes são apenas alguns dos fotógrafos portugueses e brasileiros que o podem inspirar se estiver interessado na arte de fotografar e estiver a pensar fazer um curso ou workshop.

Esta lista não está organizada por ordem de relevância, nem está estruturada de acordo com um segmento específico, mas todos os artistas incluídos são grandes profissionais, com muita influência na área de composição e edição de imagem. E e cada um deles tem características particulares na sua obra, revelando um talento inato e as várias técnicas que dominam, através de imagens impactantes e reflexivas.

Num país que é tão rico em belezas naturais e humanas, mas ao mesmo tempo imerso em questões sociais complexas e profundas, existem várias ocasiões de criar obras visuais através da imagem de uma fotografia. Sejam retratos num cenário montado num estúdio, situações na natureza, vida selvagem, paisagens urbanas e rurais, manifestações culturais e artísticas, o que não falta são oportunidade. A lista de objetos que podem ser fotografados no nosso país não esgota. Além disso, quando adicionamos o olhar de cada profissional aos objetos que estão a ser fotografados, cada um deles conta uma trajetória e uma história distinta.

Utilizar diferentes técnicas de exposição à luz, composição e edição, adquirir uma capacidade de imergir no universo das pessoas e dos cenários sem perturbar a relação entre quem fotografa e é fotografado, permite que se tornem profissionais únicos e talentosos. A capacidade de contar uma história numa única imagem, utilizando os elementos visuais e as expressões individuais é indispensável para qualquer pessoa que tenha intenções de criar obras visuais únicas e que marcam história.

>

A plataforma que conecta profes particulares e alunos

1ª aula gratuita

Gostou deste artigo? Deixe a sua avaliação!

5,00 (1 note(s))
Loading...

Catarina

Eterna otimista, com um bichinho por viajar. Apaixonada por literatura e ficção. Metro e meio de pessoa, vivo pelo lema "Though she be but little, she is fierce". Trabalho atualmente como tradutora e redatora freelancer.