Sabemos que pode parecer inútil aprender uma língua como o latim. Afinal de contas porque é que haveria de querer aprender uma língua morta?

Embora seja verdade que o latim já não é língua oficial de nenhum país e, na sua maioria, apenas aparece escrito em livros e manuscritos antigos, o idioma ainda perdura até aos dias de hoje.

Na verdade, o latim deu origem a várias línguas europeias (como é o caso do espanhol, do italiano e do português), as chamadas línguas românicas. Essas línguas são faladas nos dias de hoje por mais de um bilião de pessoas em todo o mundo.

Sabia que a língua latina foi a primeira de todas as línguas europeias a ser considerada língua universal?

Ainda que hoje esteja oficialmente declarado como extinto, o latim era a língua oficial da Roma Antiga, depois de todo o Império Romano do Ocidente até a sua queda. Mas a sua importância não acabou aí.

Continua a ser uma grande vantagem fazer um curso de latim nos dias de hoje, independentemente de onde tem as aulas de latim, e quer aprenda por interessa na língua ou por razões profissionais. Neste artigo vamos explorar um pouco da história da língua latina e porque é importante aprender latim nos tempos correntes.

colunas templo
A língua latina tem uma história rica e complexa, que se interliga com a nossa cultura portuguesa. Aprender latim é uma grande mais valia, mesmo nos dias de hoje. | Fonte: Unsplash.com

Descubra tudo o que precisa de saber para aprender latim em Portugal.

Os melhores professores de Latim disponíveis
Gabriel
5
5 (9 avaliações)
Gabriel
10€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Gabriel
Gabriel
10€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Leonardo
5
5 (3 avaliações)
Leonardo
10€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Eulália marques
5
5 (3 avaliações)
Eulália marques
9€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Inês
Inês
4€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Consuelo
5
5 (3 avaliações)
Consuelo
15€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Alice
Alice
20€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Silvia
5
5 (3 avaliações)
Silvia
15€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Gabriel
5
5 (9 avaliações)
Gabriel
10€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Gabriel
Gabriel
10€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Leonardo
5
5 (3 avaliações)
Leonardo
10€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Eulália marques
5
5 (3 avaliações)
Eulália marques
9€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Inês
Inês
4€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Consuelo
5
5 (3 avaliações)
Consuelo
15€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Alice
Alice
20€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Silvia
5
5 (3 avaliações)
Silvia
15€
/h
Gift icon
1ª aula grátis!
Vamos lá

História do latim

As origens da língua latina são difíceis de determinar ao certo, mas sabe-se que o latim surgiu no centro da Itália, na região de Lácio em Roma, por volta de 753 a.C.. Nesta época a língua era um dialeto itálico entre muitos outros.

Durante os quatro a cinco séculos seguintes, o latim evoluiu até se tornar a língua de todos os romanos e ser adotada como a língua escrita dos atos jurídicos e, mais importante, como a língua oficial da civilização romana.

A partir do século III a.C., sob a era real e da República Romana, no auge do Império Romano (que durou do século VIII a.C. ao século V), vários autores já escreviam na língua latina. Esta primeira forma de latim, correspondente à expansão territorial da Roma antiga, ficou conhecida como latim arcaico.

O latim clássico, aquele que se segue, é o que prevalece nos textos literários escritos pelos romanos onde se utilizava uma semântica considerada como "clássica". É a idade de ouro da literatura latina, com manuscritos de escritores famosos mundialmente como Júlio César, Cícero e Horácio. Nesta época dá-se a passagem do latim de uma língua maioritariamente oral para uma linguagem literária clássica e importante.

Com a sua vasta extensão territorial, grande poder político e supremacia militar, o Império Romano foi o centro do poder mundial durante séculos, o que levou a que o latim fosse a língua utilizada para a comunicação de muitos povos. Mas as invasões bárbaras ameaçavam o poderio dos romanos e criavam grandes discussões políticas.

julio cesar
Júlio César, que foi uma das figuras mais proeminentes no tempo do império Romano também escrevia em latim. | Fonte: Unsplash.com

Após a queda do Império, em 1453, o latim conseguiu subsistir (uma vez que era uma língua de comunicação, erudita, litúrgica, científica e artística) mas foi sofrendo diversas alterações ao longo dos anos e, eventualmente, acabou por cair em desuso, uma vez que já não era a língua oficial do estado mais poderoso.

No entanto, devido à sua importância, o latim manteve-se relevante na literatura durante muito tempo, até o Renascimento nos séculos XVI e XVII. Com o aumento do cristianismo e a instalação da igreja católica no Vaticano, na época do chamado latim eclesiástico, viu-se o latim como a linguagem literária usada em toda a Europa Ocidental, uma vez que a igreja o declarou língua oficial.

As pessoas literárias da época, que faziam parte da nobreza ou do clero, foram testemunhas da produção colossal de documentos do tipo litúrgico e da recuperação de textos antigos em latim. Até mesmo com o aparecimento do Renascimento, o latim permanece o nobre idioma das ciências científicas, utilizado por nomes como Descartes e Isaac Newton.

Com a consequente formação de estados nacionais em diversas regiões da Europa, o latim foi substituído pelas línguas que falamos hoje em dia: francês, português, espanhol e italiano. E a partir do século XVIII, o latim será usado apenas para algumas produções científicas e literárias, especialmente na poesia.

Desde o final do século XIX, o latim permanece acima de tudo uma língua litúrgica e religiosa, mas mantêm-se ainda como uma das línguas oficiais do Vaticano.

Sabe quais são os recursos que precisa para poder aprender latim?

A importância do estudo do latim

Sabemos que para muitas pessoas aprender uma língua morta, como é o caso do latim, não faz qualquer sentido. Pensam que não há qualquer vantagem em aprender a língua latina.

cadernos antigos
Fazer um curso de latim traz-lhe inúmeras vantagens. Não pense que vai apenas aprender a ler expressões que só existem em livros e manuscritos muito antigos. | Fonte: Unsplash.com

E conseguimos entender porquê. Sim, já não é língua oficial em nenhum país, por isso não precisa de a aprender para viajar. E também já não se escrevem livros ou textos em latim, portanto apenas pode consultar manuscritos antigos. E como é uma língua morta não há ninguém que a ensine e vai gastar muito dinheiro para aprender latim.

Algumas dessas coisas são verdade, mas não significa que o latim deixe de ser importante. Continua a ser parte integrante da história de muitos países e aprender latim acaba por ser também aprender a história e a cultura extremamente rica de outros tempos. E mesmo sendo uma língua antiga, existem vários cursos e opções de aprendizagem onde não tem que gastar uma fortuna.

Como todos sabemos, o latim era a língua da civilização romana e o Império Romano dominou a zona do Mediterrâneo durante mais de 1000 anos. Por isso, aprender latim é também uma forma de melhor compreender a civilização ocidental e como esta surgiu.

O facto de a língua ser negligenciada no currículo escolar dos alunos ajuda a perpetuar a ideia de que não há vantagens em estudar latim. Nos dias de hoje poucas são as escolas do país que oferecem a opção de latim como língua estrangeira ou até mesmo como parte do programa das aulas de português. No entanto, existem vários defensores de que o latim devia ser ensinado aos alunos desde muito cedo.

Isto porque aprender latim não só é essencial para um conhecimento do que é a nossa cultura e das nossas origens, mas também para um conhecimento correto da língua portuguesa. O estudo da língua latina ensina a escrever a língua portuguesa de forma mais correta, enriquece o nosso vocabulário e ajuda na compreensão de qualquer texto que esteja escrito na nossa língua materna, além de desenvolver as capacidades de análise e de raciocínio.

caneta a escrever
Sabia que aprender latim pode ajudar a perceber melhor o português? Vai perceber melhor a gramática, saber mais vocabulário e até mesmo melhorar a escrita. | Fonte: Pixabay.com

É uma base importante e essencial que auxilia os alunos a entender melhor o significado das palavras (e consequentemente, ampliar o seu vocabulário), a perceber melhor todos os conceitos de gramática e de conjugação dos verbos e também progredir na ortografia.

Vantagens de aprender latim

Além de auxiliar no português, saber ler textos em latim também pode ajudar melhorar as suas notas escolares e académicas noutros assuntos linguísticos e até mesmo científicos. A terminologia das palavras científicas é muitas vezes em latim, como é o caso da medicina, biologia, matemática, química, física, economia ou sociologia. E engane-se se pensa que é difícil começar, só existem algumas coisas que deve fazer antes das aulas de latim.

Por isso, mesmo que não tenha espírito científico ou uma mente científica, se está preocupado com resultados medíocres nestas áreas, aprender latim pode ser um bom meio para despertar essas competências. Da mesma fora, também abre portas para ter uma carreira profissional de sucesso! Sim, porque aprender latim não é só para quem quer ser tradutor ou historiador. É uma parte intrínseca do meio jurídico e da botânica, por exemplo, e pode ser o diferencial necessário para ter acesso a muitas oportunidades de trabalho.

E se o seu interesse for mesmo só relacionado com a aprendizagem de latim pelo interesse em línguas, também ganha uma grande vantagem. Isto porque aprender latim permite que uma maior facilidade ao aprender outros idiomas.

Saber falar línguas antigas pode ser um bom recurso para aprender outras. Se quiser aprender espanhol, italiano, francês, romeno ou inglês (todas elas línguas de origem latina) depois de aprender latim, verá que é drasticamente mais fácil. Afinal de contas, já terá estudado pelo menos grande parte do vocabulário e já sabe o alfabeto!

Por isso comece já a fazer a preparação necessária para aprender latim e aventure-se neste caminho de aprendizagem de uma língua com uma enorme importância cultural. Não tem desculpa para adiar mais este desafio!

>

A plataforma que conecta profes particulares e alunos

1ª aula gratuita

Gostou deste artigo? Deixe a sua avaliação!

5,00 (1 note(s))
Loading...

Catarina

Eterna otimista, com um bichinho por viajar. Apaixonada por literatura e ficção. Metro e meio de pessoa, vivo pelo lema "Though she be but little, she is fierce". Trabalho atualmente como tradutora e redatora freelancer.