Com o aumento diário do número de casos e em pleno segundo confinamento obrigatório, se é professor particular deve estar a pensar como é que pode continuar a dar aulas particulares.

Temos que encarar a realidade, o Covid-19 continua presente em Portugal e, tão cedo, não haverá previsão para o regresso às aulas presenciais este ano.

Sem aulas presenciais as lacunas na aprendizagem dos alunos aumentam e, por isso, o apoio escolar e o suporte académico são essenciais para que os alunos recuperem a confiança e consigam progredir na aprendizagem. Uma vantagem do isolamento é poder testar diferentes métodos de trabalho e ensino à distância.

Sendo assim, aproveite esta altura para explorar os mais diversos recursos e todos os materiais disponíveis que podem ajudar as suas aulas online. São aplicações, plataformas, redes sociais, email, etc. Existem opções para todos os perfis de professores e alunos. Basta avaliar as ferramentas disponíveis e escolher a mais adequada às suas necessidades. Se mesmo assim ainda precisa de alguma ajuda, veja aqui quais são os recursos que podem facilitar o ensino a distância.

Os melhores professores disponíveis
1ª aula grátis!
Tiago
Tiago
5€
/h
1ª aula grátis!
Duarte
5
5 (3 avaliações)
Duarte
15€
/h
1ª aula grátis!
Anders
5
5 (1 avaliações)
Anders
20€
/h
1ª aula grátis!
Prof. André lamounier
5
5 (7 avaliações)
Prof. André lamounier
25€
/h
1ª aula grátis!
Alberto
4,9
4,9 (32 avaliações)
Alberto
15€
/h
1ª aula grátis!
Mariana
5
5 (2 avaliações)
Mariana
20€
/h
1ª aula grátis!
Andrea
5
5 (25 avaliações)
Andrea
17€
/h
1ª aula grátis!
Feodor
5
5 (9 avaliações)
Feodor
20€
/h
1ª aula grátis!
Paul
5
5 (26 avaliações)
Paul
8€
/h
1ª aula grátis!
Fábio
5
5 (7 avaliações)
Fábio
15€
/h
1ª aula grátis!
Márcio
5
5 (8 avaliações)
Márcio
20€
/h
1ª aula grátis!
Susana
5
5 (31 avaliações)
Susana
15€
/h
1ª aula grátis!
Kauê
5
5 (13 avaliações)
Kauê
10€
/h
1ª aula grátis!
Catarina
5
5 (5 avaliações)
Catarina
16€
/h
1ª aula grátis!
Cristiana
5
5 (35 avaliações)
Cristiana
15€
/h
1ª aula grátis!
Teresa
5
5 (14 avaliações)
Teresa
20€
/h
1ª aula grátis!
Mariana
5
5 (12 avaliações)
Mariana
14€
/h
1ª aula grátis!
Tiago
Tiago
5€
/h
1ª aula grátis!
Duarte
5
5 (3 avaliações)
Duarte
15€
/h
1ª aula grátis!
Anders
5
5 (1 avaliações)
Anders
20€
/h
1ª aula grátis!
Prof. André lamounier
5
5 (7 avaliações)
Prof. André lamounier
25€
/h
1ª aula grátis!
Alberto
4,9
4,9 (32 avaliações)
Alberto
15€
/h
1ª aula grátis!
Mariana
5
5 (2 avaliações)
Mariana
20€
/h
1ª aula grátis!
Andrea
5
5 (25 avaliações)
Andrea
17€
/h
1ª aula grátis!
Feodor
5
5 (9 avaliações)
Feodor
20€
/h
1ª aula grátis!
Paul
5
5 (26 avaliações)
Paul
8€
/h
1ª aula grátis!
Fábio
5
5 (7 avaliações)
Fábio
15€
/h
1ª aula grátis!
Márcio
5
5 (8 avaliações)
Márcio
20€
/h
1ª aula grátis!
Susana
5
5 (31 avaliações)
Susana
15€
/h
1ª aula grátis!
Kauê
5
5 (13 avaliações)
Kauê
10€
/h
1ª aula grátis!
Catarina
5
5 (5 avaliações)
Catarina
16€
/h
1ª aula grátis!
Cristiana
5
5 (35 avaliações)
Cristiana
15€
/h
1ª aula grátis!
Teresa
5
5 (14 avaliações)
Teresa
20€
/h
1ª aula grátis!
Mariana
5
5 (12 avaliações)
Mariana
14€
/h
1ª aula gratuita>

Dar aulas online em plataformas de videoconferência durante a pandemia

Sem a opção de aulas presenciais em casa ou na escola, os professores particulares terão que se adaptar para poder continuar a monitorizar o sucesso académico dos seus alunos à distância. Se não sabe por onde começar nós temos algumas dicas para os professores particulares que o podem ajudar. E o primeiro recurso que pode usar para o ensino de matemática, física, química ou aulas de português a distância é uma plataforma de videoconferência.

Existem várias plataformas e cada professor tem a sua preferência. Se não sabe qual é que deve escolher, experimente duas ou três antes de fazer a sua escolha.

videoconferencia
A melhor forma de garantir o sucesso das duas aulas online é conseguir ver o aluno no decorrer da aula digital| Fonte: unsplash.com

Skype é essencial para ser professor hoje em dia

O Skype é um software gratuito, disponível para download ou online, e é provavelmente o software de videoconferência mais conhecido do mundo. A aplicação está disponível para computadores e smartphones, e permite fazer videoconferências entre duas pessoas (e até 50 utilizadores ao mesmo tempo).

A plataforma também possui outras funcionalidades que podem facilitar a interação com os alunos nas aulas particulares de inglês, aulas de matemática ou aulas particulares de francês:

  • Mensagens instantâneas: pode enviar texto, links, imagens e ficheiros sem ter que enviar um e-mail. E se cometeu um erro ortográfico na sua mensagem ou se enganou a escrever, é possível editar ou apagar as suas mensagens;
  • Partilha de ecrã: útil para explicar um conceito aos alunos, mostrando-lhes o seu ecrã diretamente.

Tal como já referimos, o uso do software é gratuito. Só precisa de criar uma conta e partilhar o seu nome de utilizador com os seus alunos (que também devem ter uma conta).

Por outro lado, convém ter em conta que o Skype é frequentemente criticado por ter um baixo nível de segurança e vários problemas (conversas que são interrompidas, problemas de ligação, etc.).

Zoom e as vantagens para quem quer ser professor

Devido ao aumento do tele-trabalho desde o primeiro confinamento, o interesse pelo Zoom cresceu exponencialmente. Segundo os dados da empresa, cerca de 300 milhões de pessoas em todo o mundo participaram em videoconferências na ferramenta todos os dias em abril de 2020 (versus 10 milhões por dia em dezembro de 2019).

A aplicação oferece alguns serviços gratuitos. Se quiser fazer uma videoconferência com apenas dois participantes, o tempo disponível é ilimitado, o que é bastante prático para dar aulas particulares a distância! Numa conversa com mais de duas pessoas, o tempo é limitado a 40 minutos.

Além disso, tem a enorme vantagem de que só o organizador é que precisa de se registar e criar uma conta. Desta forma, só precisa de convidar os seus alunos para a aula digital através de um link.

A opinião geral dos utilizadores é que a aplicação tem boa qualidade de som e imagem com definição. Tal como o Skype, consegue partilhar o ecrã e enviar mensagens instantâneas. No entanto, a proteção de dados é fraca (mas é o suficiente para poder dar aulas de inglês e outras matérias por webcam.)

Google Hangouts é uma grande ajudar para quem quer dar explicações

A aplicação Hangouts é considerada a tentativa da Google de competir com o Whatsapp. Está disponível para Android e iOS, mas também para computadores, uma vez que o acesso é feito pelo próprio navegador.

Pode fazer videoconferências, falar por mensagem instantânea, partilhar ficheiros e até partilhar o ecrã enquanto grava. Só precisa de ter uma conta Google. Depois é só convidar os seus alunos com um link.

Pode até adicionar a aula digital no seu Calendário Google diretamente com o link do vídeo para facilitar a sua organização.

pesquisa online
Existem vários recursos online que o podem ajudar a ser professor particular durante a pandemia Fonte: unsplash.com

Outras alternativas para ser professor em Portugal

Existem várias outras alternativas que pode testar e utilizar, dependendo das suas preferências e dos seus alunos de apoio escolar:

  • Messenger;
  • Whatsapp;
  • Spike;
  • ICQ;
  • Viber;
  • Line;
  • Etc.

Agora é só testar e escolher a sua plataforma favorita!

Covid-19: Meios de contacto com os seus alunos quando não está a dar explicações

Mesmo quando está a dar aulas particulares em casa, precisa de se manter em contacto com os alunos. Mas com a distância, é importante que facilite ainda mais esse contacto.

A forma como os alunos entram em contacto fica a cargo do professor. Pode não querer receber mensagens ou chamadas dos seus alunos ou partilhar com eles a sua conta do Facebook.

Gmail

Utilizar o Gmail, ou qualquer outro software de e-mail, é uma boa opção. As trocas de e-mail têm várias vantagens:

  • O aluno pode anexar ficheiros;
  • Os e-mails podem ser enviados a qualquer hora do dia;
  • Pode responder quando quiser;
  • Se tiver a aplicação instalada no telefone, poderá responder em qualquer lugar.
google mail
Os emails são uma boa forma de comunicar com os seus alunos fora das aulas online| Fonte: unsplash.com

Mas também existem algumas desvantagens:

  • A linguagem é mais formal por e-mail do que na comunicação por Messenger ou Whatsapp. Embora isso não seja uma completa desvantagem (o aluno aprende a comunicar corretamente por e-mail), mas pode criar uma certa distância e dificultar a criação de uma relação entre professor e aluno;
  • Se não receber notificações, pode demorar muito tempo a responder. Aqui também depende do ponto de vista, porque se não tiver a aplicação no telemóvel, a correspondência por e-mail respeita a sua vida privada e separa o horário de trabalho do tempo pessoal mas os seus alunos podem sentir-se ignorados.

Facebook Messenger para dar explicações online

Pode ter a certeza que os seus alunos utilizam o Messenger para comunicar fora das aulas individuais, seja com outros alunos das suas aulas ou apenas amigos. Por isso, esta pode ser uma boa solução.

Tem a grande vantagem de criar proximidade entre o professor particular e o aluno. É extremamente fácil de comunicar com esta aplicação.

A desvantagem é que se tiver a aplicação instalada no telemóvel pode ser contactado a qualquer momento. Além disso, será que pode ser considerado profissional?

Whatsapp como ferramenta para dar aulas online

Se não se importar de dar o seu número de telemóvel aos seus alunos, o Whatsapp é uma maneira rápida e fácil de comunicar com eles.

É uma aplicação fácil de usar e cria uma certa proximidade. Tem uma grande desvantagem, porque embora seja possível usar o Whatsapp no ​​computador, não é ideal se quiser enviar ficheiros para os seus alunos.

Discord

Se tem vários alunos na mesma disciplina e até de anos diferentes, pode criar um Discord para que eles se conheçam e comuniquem entre eles. Pode, por exemplo, elaborar um questionário de matemática, química ou um teste para as aulas particulares de espanhol para testar os conhecimentos dos alunos, com perguntas enviadas previamente e um tempo de resposta definido.

Também pode criar salas de chat com vários alunos para lhes pedir que resolvam um problema em conjunto, por exemplo. Desta forma, pode acompanhar o seu progresso e ajudá-los se for necessário.

A grande desvantagem é que não é possível fazer videoconferência (ou seja, não vai poder ver os seus alunos) e o uso do Discord é normalmente reservado para momentos lúdicos, para comunicar nas aulas em grupo com vários alunos.

Dicas para partilhar ficheiros e corrigir exercícios fora das aulas online ou aula digital

Ainda que esteja a dar aulas particulares de matemática, aulas de inglês ou apoio escolar online, precisa na mesma de dar material de apoio ou exercícios aos alunos e recolher esses mesmos exercícios para os poder corrigir.

computador e caderno
É importante que se assegure que os seus alunos estão a acompanhar a matéria e têm exercícios para fazer| Fonte: pixabay.com

É possível fazer o envio por e-mail ou por meio da plataforma de videoconferência que estiver a usar, mas neste caso, não vai conseguir corrigir o aluno durante a aula. Vai receber o documento, fazer as correções necessárias e devolvê-lo ao aluno.

Existem alguns programas que o podem ajudar durante as aulas online e tornar os processos mais simples. O Google Slides para as matérias das aulas e o Google Doc para trabalhar num documento em tempo real ao mesmo tempo que o seu aluno.

O Google Slides é equivalente ao PowerPoint, mas totalmente online. Enquanto estiver a dar a aula digital, pode explicar as matérias aos alunos com slides.

O Google Doc permite que partilhe um ficheiro equivalente ao Word com exercícios que o aluno pode fazer com a sua supervisão ou pode fazê-los sozinho e partilhar com o professor para que os corrija na aula seguinte.

Muito conveniente, certo?

Se der aulas à distância a grupos pequenos, também recomendamos que experimente o Blackboard e o Google Classroom!

Precisa de um professor de ?

Gostou deste artigo?

5,00/5 - 1 voto(s)
Loading...

Catarina

Eterna otimista, com um bichinho por viajar. Apaixonada por literatura e ficção. Metro e meio de pessoa, vivo pelo lema "Though she be but little, she is fierce". Trabalho atualmente como tradutora e redatora freelancer.