Àqueles que viveram muito tempo confinados na cidade é fácil absorver o seu olhar. Na face aberta e bela do céu. (John Keats).

Tal como os educadores e professores fazem questão de relembrar constantemente, estar em confinamento não significa que os alunos, professores e explicadores estão de férias.

Para os pais e encarregados de educação, o confinamento também não é sinónimo de férias nem de desemprego mas sim de home office ou como já nos habituamos a ouvir, trabalhar online ou o tão famoso teletrabalho enquanto que muitos outros estão em lay-off, a expressão que já tanto ouvimos falar nos últimos meses. Torna-se então indispensável que o dia seja bem organizado entre o trabalho e as crianças.

Estando ambos os progenitores em teletrabalho, o aconselhado e ideal seria a divisão do dia entre o trabalho e os filhos: de manhã um dos pais trabalha enquanto o outro cuida e presta atenção às crianças e durante a tarde, trocar. No final do dia, quando as crianças estiverem já a dormir é possível retornar ao trabalho.

Este pode ser um período nunca imaginado para pais e crianças e a convivência diária com os mais novos presos dentro de casa pode tornar-se frustrante mas, com um pouco de organização tudo acaba por fluir na perfeição. Deixaremos algumas dicas para que a escola virtual não seja uma dificuldade:

Escola virtual:  Manter a mesma rotina e horários praticados durante a vida e dia a dia normal de cada família. Dormir até mais tarde pode parecer tentador e naquele momento em que queremos dormir mais um pouco a ideia pode parecer boa pois não existe nada que o impeça. No entanto, durante período de confinamento, a organização e a disciplina são ainda mais importantes porque torna-se mais fácil ceder à tentação de relaxar, ver televisão ou não fazer nada e isso poderá dificultar o regresso às aulas.

Se há crianças em casa com as aulas em escola virtual, o ideal será respeitar o ritmo de cada criança e manter as suas rotinas intactas. Poderão acordar à mesma hora, tomar o pequeno almoço, escovar os dentes, tomar banho e prepararem-se como se fossem para a escola assistir às aulas com o professor tudo com mais calma e quando chegar a hora do início das aulas, sentarem-se na secretária e assistirem às mesmas, tal como se estivessem na escola.

Nos intervalos de cada aula virtual, não irá ser possível os alunos fazerem a pausa a que estão habituados com os colegas mas, os pais podem tentar organizar algo divertido que os mais pequenos possam fazer, idealmente longe da televisão embora saibamos que essa possa ser uma tarefa complicada.

aula virtual para continuar a aprender online
Mesmo que a pessoa seja organizada e tenha facilidade em cumprir os horários, pode sentir-se perdida estando sempre dentro de casa | Fonte: Pixabay

Estabelecer os horários de refeição e tempos de lazer pode ser uma grande ajuda. Por exemplo, definir que entre o meio dia e as 14h é hora de almoço e pode eventualmente servir também para os mais novos dormirem uma sesta ou então um jogo ou brincadeira que divirta e os distraia. Terminando a escola virtual por volta das 16h:30, basta que seja feito um intervalo entre as 15:15 e as 15:30h antes de terminarem as aulas e os alunos pousarem o manual escolar.

Para os alunos do ensino básico e secundário, pode ser mais fácil manter a rotina horária já que quanto mas velhos os alunos, mais autónomos são e conseguem eles próprios manter as suas rotinas. Mas todos os dias serão diferentes e é importante estar atento aos mais velhos para evitar que estes cedam aos jogos online ou às plataformas de streaming.

Se o dia for organizado tal como um dia normal em que os alunos assistem às aulas na sala de aula mas, tentar tornar esse tempo mais produtivo pode evitar que os mais novos tenham tarefas e trabalhos de casa pendentes à noite, libertando-os para as suas actividades preferidas.

Algumas escolas e universidades, tanto públicas como provadas adaptaram as aulas e estas, em vez de serem dadas em sala de aula podem ser dadas à distância, criando assim a escola virtual. Pode eventualmente acontecer alguns erros com alguns softwares pois muitas escolas não estavam preparadas para adoptar um método online onde os alunos assistem a uma aula virtual e as ferramentas utilizadas precisam de ser fiáveis para que os resultados da escola virtual sejam positivos e criando o mínimo de problemas possível, permitindo que os alunos consigam continuar a aprender e organizar os seus dias e estudos online.

Com isto, muitos professores estão a começar a recorrer a outras plataformas online como o Google Teams, o Google Classroom, Zoom, entre outros para que a sua aula virtual não sofra interrupções ou então, que estas sejam o mínimo possível.

Os melhores professores disponíveis
1ª aula grátis!
Tiago
Tiago
5€
/h
1ª aula grátis!
Duarte
5
5 (4 avaliações)
Duarte
15€
/h
1ª aula grátis!
Anders
5
5 (1 avaliações)
Anders
20€
/h
1ª aula grátis!
Prof. André lamounier
5
5 (7 avaliações)
Prof. André lamounier
25€
/h
1ª aula grátis!
Alberto
4,9
4,9 (34 avaliações)
Alberto
15€
/h
1ª aula grátis!
Mariana
5
5 (2 avaliações)
Mariana
20€
/h
1ª aula grátis!
Andrea
5
5 (25 avaliações)
Andrea
17€
/h
1ª aula grátis!
Feodor
5
5 (9 avaliações)
Feodor
20€
/h
1ª aula grátis!
Paul
5
5 (26 avaliações)
Paul
8€
/h
1ª aula grátis!
Fábio
5
5 (8 avaliações)
Fábio
15€
/h
1ª aula grátis!
Márcio
5
5 (8 avaliações)
Márcio
20€
/h
1ª aula grátis!
Susana
5
5 (31 avaliações)
Susana
16€
/h
1ª aula grátis!
Kauê
5
5 (13 avaliações)
Kauê
10€
/h
1ª aula grátis!
Catarina
5
5 (5 avaliações)
Catarina
16€
/h
1ª aula grátis!
Cristiana
5
5 (36 avaliações)
Cristiana
15€
/h
1ª aula grátis!
Teresa
5
5 (14 avaliações)
Teresa
20€
/h
1ª aula grátis!
Mariana
5
5 (12 avaliações)
Mariana
14€
/h
1ª aula grátis!
Tiago
Tiago
5€
/h
1ª aula grátis!
Duarte
5
5 (4 avaliações)
Duarte
15€
/h
1ª aula grátis!
Anders
5
5 (1 avaliações)
Anders
20€
/h
1ª aula grátis!
Prof. André lamounier
5
5 (7 avaliações)
Prof. André lamounier
25€
/h
1ª aula grátis!
Alberto
4,9
4,9 (34 avaliações)
Alberto
15€
/h
1ª aula grátis!
Mariana
5
5 (2 avaliações)
Mariana
20€
/h
1ª aula grátis!
Andrea
5
5 (25 avaliações)
Andrea
17€
/h
1ª aula grátis!
Feodor
5
5 (9 avaliações)
Feodor
20€
/h
1ª aula grátis!
Paul
5
5 (26 avaliações)
Paul
8€
/h
1ª aula grátis!
Fábio
5
5 (8 avaliações)
Fábio
15€
/h
1ª aula grátis!
Márcio
5
5 (8 avaliações)
Márcio
20€
/h
1ª aula grátis!
Susana
5
5 (31 avaliações)
Susana
16€
/h
1ª aula grátis!
Kauê
5
5 (13 avaliações)
Kauê
10€
/h
1ª aula grátis!
Catarina
5
5 (5 avaliações)
Catarina
16€
/h
1ª aula grátis!
Cristiana
5
5 (36 avaliações)
Cristiana
15€
/h
1ª aula grátis!
Teresa
5
5 (14 avaliações)
Teresa
20€
/h
1ª aula grátis!
Mariana
5
5 (12 avaliações)
Mariana
14€
/h
1ª aula gratuita>

Aprender as disciplinas na escola virtual, como organizar o tempo?

Os jovens e as crianças têm muita dificuldade em estarem concentrados numa actividade durante várias horas seguidas, são demasiado enérgicos para tal. A melhor forma de aprender e organizar o estudo dos alunos é repartir o horário da manhã e da tarde em blocos de estudo para cada disciplina, por exemplo:

  • Meia-hora de matemática;
  • Meia-hora de historia;
  • Meia-hora de leitura e interpretação de texto;
  • Meia-hora de ciências;
  • Meia-hora de geografia;
  • Meia hora de artes;
  • Meia-hora de inglês, espanhol ou alemão.

Para os alunos mais velhos e os jovens adultos do ensino secundário e superior, estas dicas são também úteis, as aulas podem ser divididas em explicações, fazer exercícios e corrigir os mesmos, mesmo que as suas aulas tenham uma duração menor. Uma vantagem que existe relativamente aos alunos mais velhos é que as aulas online da escola virtual professor certifica-se que os seus alunos estão a prestar atenção, incentivando também a participação nas aulas.

Ferramentas úteis para assistir às aulas online na escola virtual

Durante o período de confinamento que obrigou muitas escolas a adaptar o seu método recorrendo a várias ferramentas online para que os alunos conseguissem continuar a assistir às aulas, descobriu-se que existe mais do que uma plataforma online que além de grátis, são bastante úteis e facilitam bastante o sucesso dos alunos na aula virtual. 

Os canais de televisão

No período de confinamento, foram feitas algumas alterações em canais televisivos, nomeadamente à RTP para que esta, durante o horário das aulas tivesse professores a ensinar a matéria que os alunos deveriam aprender de acordo com os planos de aula pré-estabelecido. É possível ver toda a programação e como está organizado o horário e as disciplinas. Existem aulas para todos os anos letivos e o objetivo foi bem conseguido, transformar todas as casas numa sala de aula a nível nacional, podendo assim ser considerada uma sala de aula do futuro, dando oportunidade às crianças e jovens de continuarem a aprender mesmo sem terem acesso à escola virtual.

No entanto, os alunos com acesso à plataforma online da RTP, podem rever todas as aulas que foram dadas desde o início.

Utilizar uma plataforma online

Existe mais do que uma plataforma online e sites que disponibilizam vários tipos de aula virtual com conteúdo fidedigno e muitas vezes, gratuito.

Esta pode ser uma boa forma de mudar os hábitos dos jovens oferecendo-lhes as ferramentas para aprender e organizar a sua vida académica. Poderá ainda incutir aos jovens a curiosidade de encontrar coisas interessantes e educativas online, temos o exemplo de uma visita de estudo virtual que pode ser feita por exemplo ao museu do Louvre, que as está a oferecer gratuitamente. Aprender de forma diferente e estimulante poderá ser uma boa forma de ajudar os jovens que por normal, não lidam bem com o facto de estarem fechados dentro de casa, podendo distraí-los e amenizar um pouco a situação.

Estudar online na escola virtual
Utilizar uma plataforma de escola virtual pode ser uma boa forma de os alunos conseguirem continuar a aprender | Fonte: Pixabay

Elaboramos uma lista com alguns sites que poderão ajudar os mais novos a estruturar planos de estudo e continuarem a estudar e aprender como se estivessem em sala de aula:

  • Escola Virtual;
  • Lusaschool;
  • Duolingo;
  • Coursera;
  • Harvard;

Livros e manual escolar gratuitos

A Amazon é um bom exemplo, disponibilizou gratuitamente dezenas de e-books e este pode realmente ser um momento para aproveitar e colocar a leitura em dia. De seguida, temos outra lista preparada por nós com locais onde pode encontrar leitura interessante e educativa para todas as faixas etárias:

  • Companhia das Letras: Disponibilizaram 10 clássicos da literatura, incluindo Monteiro Lobato e Julio Verne na lista;
  • Amazon: referido anteriormente, são muitas opções em português disponíveis online e para o Kindle;
  • Project Gutenberg;
  • Open Library;
  • Imprensa Nacional – Casa da Moeda;

Os videos e plataformas de streaming

É também possível utilizar o Youtube (gratuito) e a Netflix (com uma mensalidade) para aprender ainda mais. Aqui está uma lista com algumas ideias:

No Youtube:

  • EstudoEmCasa- Pré-Escolar;
  • EstudoEmCasa- 1.o Ciclo;
  • EstudoEmCasa- 2.o Ciclo;´
  • EstudoEmCasa- 3.o Ciclo;

Pesquisando a matéria que pretende assistir ou aprofundar o estudo, pode encontrá-la no Youtube. Imaginemos que quer aprender mais sobre biologia, pode escrever "aula de biologia", no entanto, a maioria dos vídeos são em brasileiro, não quer isto dizer que as informações são erradas mas, se quiser ouvir as aulas em português, deverá recorrer aos canais e sites que já referimos.

Na Netflix, segue a lista de documentários e filmes que recomendamos:

  • Hiroshima;
  • A 13a Emenda,
  • 12 Anos de Escravidão;
  • O Menino do Pijama às Riscas;
  • Histórias Cruzadas;
  • Five Came Back;
  • Trabalho Interno;
  • Getúlio;
  • Gandhi;
  • O Sal da Terra;
  • Cruzada;
Aprender com plataformas online
Existem vários géneros de plataforma online e a Netflix pode ser uma aliada dos alunos | Fonte: Pixabay

Os podcast

O que antes era considerado uma distração, tornou-se hoje essencial para que os alunos continuem a aprender e estudar, sendo a única forma de ter acesso à escola virtual: computadores, televisão, filmes e séries. Mas, ao fim de alguns dias os alunos podem começar a sentir-se cansados e com necessidade de descansar um pouco a visão e para isso, existem os podcasts para que continuem a utilizar o seu tempo de forma produtiva.

Aprender em casa na escola virtual: Seja flexível

O mundo está a mudar e com ele, teremos todos também de nos adaptar seja em teletrabalho ou em vez de assistir às aulas na sala de aula, ter uma aula virtual como substituição. O ideal é que sejamos todos mais flexíveis e tentar organizar o tempo e cumprir os horários por nós estipulados.

Estar fechado em casa pode ser complicado pois estamos habituados a ter algum tempo só para nós e estando a família toda em casa, principalmente as famílias com alunos mais pequenos, pode ser um pouco stressante mas, mantendo a calma tudo irá correr bem.

É muito importante respeitar os planos de estudo que existem na televisão ou então nas aulas online da escola virtual mas, estar em casa é também uma grande oportunidade de desacelerar e reforçar laços familiares, aprender de uma forma diferente e viver o presente. Os professores e explicadores estão à disposição online, basta entrar na plataforma Superprof que verá milhares deles por todas as cidades do país e a ajuda destes pode ser valiosa para os jovens estudantes que se possam sentir mais perdidos no meio de tantas mudanças escolares.

Fazer pausa na escola virtual
Estar em casa não significa que esteja presente e disponível 24h por dia. Saber quando desligar e descansar é importante | Fonte: Pixabay

Pode numa tarde propor uma atividade manual, criando peças de artesanato ou então cozinhar, pintar e até tocar algum instrumento musical. É também possível criar uma forma de os jovens manterem contacto com os colegas para não se sentirem tão isolados.

Por fim, deverá reservar uma hora para exercitar, fazer alongamentos, dança ou até corrida. Apenas uma hora por dia pode fazer uma diferença tremenda. Também para aprender a fazer exercício em casa ou treinar algum desporto pode recorrer à Superprof, onde encontrará centenas de professores das mais variadas atividades físicas.

Precisa de um professor de ?

Gostou deste artigo?

5,00/5 - 1 voto(s)
Loading...

Cláudia

Sou uma pessoa dedicada e empenhada a 100% a todos os projetos, quer sejam eles de carácter mais pessoal quer sejam a nível profissional. Sou licenciada em Assessoria e Tradução de todo o tipo de matérias e para além disso sou especializada na língua inglesa e alemã. Tenho uma grande paixão pela leitura e escrita. Sou muito curiosa e aberta ao conhecimento o que me faz querer saber, aprender e partilhar mais sobre, na verdade, tudo um pouco.